• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-161558
Documento
Autor
Nome completo
Rosa Maria Nascimento dos Santos
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1998
Orientador
Título em português
Avaliação do índice de Palmer para a caracterização de períodos de seca no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
BALANÇO HÍDRICO
SECA
Resumo em português
O presente trabalho teve por objetivo testar a metodologia desenvolvida por Palmer (1965), para a identificação e classificação de períodos de seca, adaptando-se às condições climáticas do Estado de São Paulo. Para tanto, foram utilizados, entre 24 e 31 anos de dados mensais de Temperatura do ar e chuva, de nove postos de coleta nas regiões oeste e sudoeste do Estado: Adamantina, Alfredo Marcondes, Major Prado (Araçatuba), Água Limpa (Araçatuba), Auriflama, Pontal (Teodoro Sampaio), Presidente Prudente, Salto Grande e, Votuporanga. O PDSI (Xi) é baseado nos princípios do balanço entre o suprimento e a demanda hídrica, utilizando as séries de dados para identificar os períodos de seca, sua duração e intensidade. A partir dos resultados do balanço, estimou-se mensalmente os parâmetros necessários para o cálculo de Xi: chuva climaticamente apropriada para as condições existentes (Pcafec, mm), fator climático (K), desvio da chuva (d = P - Pcafec) e, índice de anomalia de umidade (z). As secas foram classificadas de acordo com o valor obtido para Xi: -1≤Xi<-2 - seca suave (ss), -2≤Xi<-3 - seca moderada (sm), -3≤Xi<-4 - seca severa (sse), e Xi≤-4 - seca extrema (se). Considerou-se uma seca estabelecida sempre que Xi= -1; e o período seco estava terminado quando z ≤ ze (umidade requerida para reduzir a severidade de uma seca a índices considerados normais, isto é, Xi = -0,50). Foram considerados secos os períodos que apresentaram duração igual, ou maior que 4 meses. O método identificou 69 eventos, dentre os quais, aqueles com 5 meses de duração, ocorreram com maior freqüência. Os meses mais secos na região foram agosto e setembro, e os menos secos novembro e dezembro. As secas suaves e moderadas, concentraram-se entre os meses de abril e setembro, ocorrendo com maior freqüência em agosto. As secas severas e extremas ocorreram com menor freqüência e, estiveram concentradas em janeiro e fevereiro. A localidade que apresentou a maior freqüência de secas foi Adamantina, e a de menor freqüência foi Salto Grande. Os anos que apresentaram a maior incidência de secas severas e extremas foram 1979, 1992 e 1996 durante os quais, foram identificadas secas em quase todos os postos de observação
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.