• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155927
Documento
Autor
Nome completo
Leila Campos Vieira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1996
Orientador
Título em português
Efeitos de políticas públicas sobre a produção de milho, soja e trigo no Brasil e na Argentina
Palavras-chave em português
MILHO
POLÍTICAS PÚBLICAS
SOJA
TRIGO
Resumo em português
A pesquisa tem como objetivo medir os efeitos de políticas públicas sobre a produção de grãos no Brasil e na Argentina e analisar sua coerência com a abertura econômica e com os acordos internacionais que caracterizam a atual inserção internacional do Brasil. Os efeitos de políticas serão mensurados através da aplicação da Policy Analysis Matrix - PAM sobre os sistemas de produção de milho, trigo e soja, representativos da região Centro-Sul do Brasil e do Pampa argentino, divididos por nível de produtividade. Esse método gera indicadores de incentivos conhecidos como coeficientes de proteção nominal (NPC), para produtos e insumos, e coeficientes de proteção efetiva (EPC) que permitem medir o efeito de políticas públicas sobre os preços praticados. Gera também um indicador de competitividade e um indicador de vantagem comparativa, o custo dos recursos domésticos (DRC), que permite avaliar a eficiência na produção doméstica. Dentre os principais resultados e conclusões da pesquisa, destacam-se: i) em todos os sistemas de produção analisados percebe-se que as políticas públicas discriminam o setor agrícola tanto no Brasil como na Argentina; ii) a Argentina apresenta maior vantagem comparativa na produção de grãos que o Brasil; iii) a penalização é mais perversa em sistemas que apresentam menor produtividade.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
VieiraLeilaCampos.pdf (4.35 Mbytes)
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.