• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-160322
Documento
Autor
Nome completo
José Roberto Vicente
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1989
Orientador
Título em português
Influência de educação, pesquisa e assistência técnica na produtividade da agricultura brasileira na década de setenta
Palavras-chave em português
AGRICULTURA
ASSISTÊNCIA TÉCNICA
EDUCAÇÃO
PESQUISA
PRODUTIVIDADE
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi o de mensurar as contribuições da educação, assistência técnica e pesquisa agrícola para a evolução da produtividade na agricultura brasileira, no período 1970-80. Foram utilizados, basicamente, dados censitários de 1970, 1975 e 1980, à nivel de Estado. As produtividades foram obtidas pelo quociente de índices Fisher encadeados de produção por índices Fisher encadeadas do uso dos fatores terra, trabalho, fertilizantes, máquinas e investimentos em culturas perenes. Também foram construídos índices de produtividades parciais de terra e trabalho. Como variáveis explicativas utilizaram-se a escolaridade da população rural, uma estimativa do número de produtores assistidos pelos serviços de extensão rural, o número de artigos científicos publicados referentes à tecnologia agrícola, uma medida da aptidão agrícola das terras e, como variáveis representativas de adversidades climáticas, deficiência hídrica e geada. Os modelos foram ajustados por mínimos quadrados ordinários. Pelos resultados obtidos, observou-se que os investimentos públicos e privados em educação, e os investimentos públicos em pesquisa e assistência técnica tiveram influência significativa sobre os ganhos de produtividade ocorridos no período. Com relação à pesquisa, não foi possível isolar os efeitos dos artigos referentes às regiões geográficas daqueles relacionados ao Estado de São Paulo. Cálculos dos retornos marginais indicaram que os investimentos mais rentáveis seriam os efetuados em pesquisa agrícola, seguidos dos em assistência técnica e, por último, em escolaridade da população rural. Todavia, foi salientado que a variável utilizada para representar a educação é pouco adequada para captar o efeito alocativo.
Título em inglês
Influence of education, research and extension on the productivity of the Brazilian agriculture in the seventies
Resumo em inglês
The objective of this paper was to measure the contributions of education, rural extension and agricultural research to the productivity of the Brazilian agriculture during the period 1970-80. The analysis was based on data of the censuses of 1970, 1975 and 1980 at the state leveI. Total productivities were obtained through the quotients of chained Fisher indexes of production by chained Fisher indexes of factors, namely land, labor, fertilizers, machines and perennial crops. Partial productivity indexes of land and labor were also constructed. In the models, productivity indexes were postulated as function of the rural population schooling, the number of producers assisted by the extension services, the number of scientific articles published in the field of agricultural technology, the aptitude of agricultural lands, and of climate adversities, namely hydric deficiency and frost. The models were adjusted through the ordinary least squares. The results showed that public and private investments in education, and public investments in research and extension influenced significantly the productivity gains occurred in the period 1970-80. Concerning to research, it was not possible to separate the effects of the scientific articles related to each region of the country from the effects of the articles related to the São Paulo State. Estimates of the marginal returns suggest that most profitable investments would be those directed to agricultural research, followed by those directed to rural extension and at last those related to rural population schooling. Nevertheless it was pointed out that the measure of education introduced in the model is not appropriate to capture the allocative effect of schooling.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.