• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-161602
Documento
Autor
Nome completo
Mauricio Cézar Duque
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2000
Orientador
Título em português
Análise da inadimplência em financiamentos de longo prazo no Espirito Santo
Palavras-chave em português
CRÉDITO RURAL
FINANCIAMENTO AGRÍCOLA
INADIMPLÊNCIA
Resumo em português
O presente estudo tem como finalidade o desenvolvimento de um modelo para identificação e quantificação das variáveis econômicas que melhor explicam o fenômeno da inadimplência em financiamentos de longo prazo concedidos pelo Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo SIA [BANDES] ao segmento de hotelaria. A importância de modelos confiáveis para a identificação, ex-ante da probabilidade de ocorrência de inadimplência em créditos de longo prazo acentuou-se ainda mais no período pós Plano Real, quando o volume de empréstimos do sistema financeiro nacional ao setor privado cresceu as taxas significativas, substituindo, temporariamente, a chamada receita inflacionária. Os modelos sugeridos foram construídos com base nos conceitos de entropia e resposta qualitativa, com destaque para os modelos de probabilidade linear, próbite e lógite. Sendo que enquanto o modelo baseado no conceito de entropia permitiu apenas uma ordenação das variáveis escolhidas, os modelos de resposta qualitativa permitiram a quantificação das mesmas, tendo sido, portanto, mais eficientes. O ganho de informação obtido com a utilização de tais modelos foi significativo. No caso do modelo de probabilidade linear, o percentual de classificação correta ficou em 80%, enquanto nos modelos próbite e lógite este percentual alcançou 82%. Devendo-se ressaltar que a significância estatística do modelo e dos parâmetros indica que as variáveis selecionadas são importantes para explicar o fenômeno da inadimplência na carteira de empréstimos do BANDES ao segmento de hotelaria. As variáveis escolhidas para a explicação do fenômeno foram: investimento total [valores em R$]; capital de terceiros [valores em R$]; taxa de juros média anual nos financiamentos [valores em %]; prazo de amortização do financiamento [valores em meses]; faturamento médio anual previsto [valores em R$]; e investimento por unidade habitacional [valores em R$]. Finalmente, cabe ) ressaltar a sugestão pela utilização do modelo Lógite para problemas como o apresentado neste trabalho, em virtude, principalmente, de sua eficiência e facilidade operacional
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.