• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-162129
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Williams Moita
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2004
Orientador
Título em português
Análise de variância para dados de tonalidade de cor: um caso de dados circulares
Palavras-chave em português
ALIMENTOS
ANÁLISE DE VARIÂNCIA
COR
Resumo em português
Em experimentos na área de tecnologia de alimentos, e de pós-colheita para produtos hortícolas, a cor é considerada um dos aspectos mais importantes na aparência do alimento, pois acredita-se que se o alimento não tiver uma boa aparência, muito provavelmente o consumidor não avaliará os outros aspectos como o sabor e a textura. Um dos principais sistemas para medir cores é o sistema CIELCH. Neste sistema a cor é uma variável aleatória tridimensional formada pelas vaiáveis L, C e H, respectivamente, luminosidade, saturação e tonalidade da cor. Esta última é um ângulo, ou seja, uma variável circular, que comumente possui distribuição de von Mises sendo, no entanto, analisada como tendo distribuição normal. Considerando-se os dados de tonalidade relativos de um experimento inteiramente ao acaso, este trabalho sugere como alternativa, a utilização da metodologia de análise de variância para dados circulares proposta por Watson & Williams (1956) e modificada por Stephens (1972). Propõe-se, ainda, um método de comparações múltiplas para as médias angulares relativos aos tratamentos, baseado na estatística de Watson & Williams (1956) e Stephens (1972). Como forma empírica de se verificar a pressuposição de que os dados provém de distribuição de von Mises com parâmetros de concentração iguais, propõe-se a construção de um gráfico quantil-quantil. Como forma de ilustrar a metodologia, foram analisados dois conjuntos de dados, sendo o primeiro, relativo a um experimento inteiramente ao acaso com três tratamentos, extraídos de distribuições de von Mises com médias 0º, 10º e 355º, ou seja, todos com a tonalidade de cor vermelha, e parâmetros de concentração iguais a 100. O segundo conjunto de dados, por outro lado, provém de um experimento inteiramente ao acaso realizado por Moda (2003), na área de tecnologia de alimentos e, que teve como objetivo, avaliar a conservação de cogumelos i>Pleurotus sajor-caju frescos quanto à qualidade e à durabilidade, quando submetidos a quatro diferentes tratamentos usuais na conservação de alimentos. As análises destes dois conjuntos de dados evidenciam os problemas graves que podem ocorrer quando se utiliza a metodologia proposta por McGuire (1992) que não ocorrem quando se utiliza a proposta nesse trabalho.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.