• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155607
Documento
Autor
Nome completo
Austeclínio Lopes de Farias Neto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1995
Orientador
Título em português
Sexto ciclo de seleção divergente para tamanho do pendão e altura de espiga na população de milho (Zea mays L.) ESALQ PB-1
Palavras-chave em português
GENÉTICA DE POPULAÇÕES VEGETAIS
MILHO
SELEÇÃO
Resumo em português
No presente trabalho foram estudadas progênies de irmãos germanos e progênies S1 obtidas através de seis ciclos de seleção divergente para altura da espiga (AE) e tamanho do pendão (NR) aplicados à população ESALQ PB-1. No primeiro ciclo a seleção foi praticada entre famílias de meios irmãos e nos quatro ciclos posteriores foi praticada a seleção massal com cruzamentos planta a planta, sendo no sexto ciclo obtidas também progênies oriundas de autofecundação nas linhas divergentes para NR. Os caracteres avaliados no presente ciclo foram altura de espiga (AE), altura de planta (AP), número de ramificações do pendão (NR), comprimento do pendão (CP), peso do pendão (PP) e peso de espigas (PE). As seis subpopulações (linhas de seleção para altura de espiga, E+ e E-, linhas de seleção para número de ramificações do pendão, R+ e R- e linhas de seleção para número de ramificações do pendão obtidas por autofecundação, R+s1 e R-s1 foram avaliadas nas localidades de Piracicaba-SP e Rio Verde-GO, com os ensaios obedecendo a um delineamento de blocos casualizados com três repetições por local. Os parâmetros estimados foram as médias populacionais, variância genética entre progênies, variância genética aditiva, herdabilidade ao nível de médias, coeficiente de variação genético, índice de variação genético e correlações entre caracteres. Os resultados obtidos mostraram que a seleção foi efetiva na ampliação das diferenças entre as médias dos caracteres nas subpopulações divergentes, sendo que as maiores diferenças foram observadas para os caracteres tomados como base para a seleção (AE e NR) nas respectivas linhas de seleção. Os parâmetros genéticos estimados indicaram, à exceção de PP, a presença de suficiente variabilidade genética para a obtenção de progressos em futuras seleções para todos os caracteres, principalmente para NR. Esses parâmetros mostraram-se superiores em Rio Verde em consequência da melhor precisão experimental verificada nesta localidade em relação à Piracicaba. Foram obtidas nas subpopulações autofecundadas (R+s1 e R-s1), estimativas da variância genética entre progênies superiores às suas correspondentes SO, à exceção do caráter AE em R+ e R-. As interações de genótipos por ambiente de uma maneira geral, mostraram- se não significativas pelo teste F e o efeito de local foi bastante acentuado para NR sendo para esse caráter verificadas médias superiores em Rio Verde em relação à Piracicaba. As correlações entre AP e AE apresentaram-se as mais altas entre todas as correlações estimadas, não mostrando mudanças ao longo dos ciclos de seleção. Em função da baixa variabilidade presente nas subpopulações avaliadas para o caráter PP, as correlações estimadas entre esse caráter e os demais mostraram-se inconsistentes e portanto de difícil interpretação. Com o objetivo de se avaliar os efeitos dos seis ciclos de seleção na variabilidade genética dos caracteres avaliados, as subpopulações R+, R-, E+ e E- foram comparadas com a população original ESALQ PB-1 através do índice de variação genético b. Os resultados indicaram uma queda acentuada na variabilidade para o caráter PE em todas as subpopulações, e para AE nas linhas de seleção para esse caráter, o mesmo acontecendo para AP em consequência da estreita associação entre os dois caracteres. Para os demais caracteres avaliados não foram observadas reduções significativas na variabilidade genética.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.