• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155236
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Luis Lencina
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1991
Orientador
Título em português
Distribuição fracionada de energia para produção da parte aérea e sistema radicular em doze cultivares de Panicum maximum Jacq, e sete cultivares de Neonotonia wightii Lackey
Palavras-chave em português
SOJA PERENE
ALOCAÇÃO DE ENERGIA
CAPIM COLONIÃO
SEMENTES
SISTEMA RADICULAR
VARIEDADES VEGETAIS
Resumo em português
Foram testados sete cultivares de soja perene (Neonotonia wightii Lackey) e doze cultivares de Panicum maximum Jacq. quanto à estratégia de alocação de energia a partir da semente, para produção de parte aérea (PA) e sistema radicular (SR). Os ensaios foram conduzidos em laboratório de sementes, de análises químicas e a fase final foi realizada em casa de vegetação com temperatura e umidade controladas. Acompanhou-se a distribuição de energia provenientes das sementes, desde a germinação realizada em laboratório até a idade de 40 dias em casa de vegetação, para a produção da parte aérea (folhas e colmos) e de sistema radicular nos cultivares. O peso e o número de sementes por grama foi determinado para os 19 ecótipos estudados. A alocação de energia foi medida através da determinação da biomassa acumulada na PA e SR em três idades de vegetação (10, 30 e 40 dias) com auxílio de bomba calorimétrica. Os resultados mostraram que a determinação da distribuição de energia pode ser feita através da avaliação da biomassa produzida, substituindo assim o uso da bomba calorimétrica com facilidade de uso e baixo custo de execução. Sementes pequenas do cultivares de Panicum maximum apresentaram maiores valores de energia (cal/g) como forma estratégica para garantia da perpetuação da espécie. O cultivar Tinaroo de soja-perene destinou a maior quantidade de energia para produção de raízes. Dos cultivares de Panicum o mais precoce em germinação foi o Tobiatã, porém, não houve diferenças para o caso das sojas. Os seguintes cultivares alocaram mais energia para produção de sistema radicular: Riversdale, Centauro, Hamil e Centenário. O Colonião juntamente com a soja Malawi apresentaram os maiores valores de alocação de energia tanto para a parte aérea como para o sistema radicular comparativamente com os outros dados testados. Os teores de glicose e frutose foram determinados com o intuito de correlacioná-los com energia total.
Título em inglês
Energy partitioning for biomass production from aerial part and root system in twelve cultivars of Panicum maximu Jacq. and seven cultivars of Neonotonia wightii Lackey
Resumo em inglês
Seven cultivars of perennial soyabean (Neonotonia wightii Lackey) and twelve cultivars of Panicum maximum Jacq. were studied. Analysis of resource allocation regarding to energy content and biomass production of seeds, aerial part (AP) (leaves and stems) and root system (RS) were done. The essays were carried out in seeds and chemical analysis laboratories and the final step was conducted into a glass house. The energy partitioning from the seeds for AP and RS production was followed up to the 40th day of vegetation. The weight and number of seeds per gram were found out for the 19 cultivars. Energy content (cal/g) was determined with a calorimetric bomb and biomass production of AP and RS was measured by weightening the plants. The achieved results showed that biomass evaluation can replace the calorimetric bomb for energy allocation determination being costless and easier. Very small seeds of Panicum maximum cultivars presented high energy value contents as a strategy for perpetuity of the species. Tinaroo cv. of perennial soyabean put the most part of the energy content to produce RS. Among the Panicum maximum cultivars, Riversdale, Centauro, Hamil Grass and Centenario allocated more energy to produce RS. Colonial-grass and Malawi-soya put more energy values to both AP and RS in comparison to the other cultivars studied. Glicose and fructose contents were determined just with the aim to compare these values to the energy content values.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
LencinaCarlosLuis.pdf (2.18 Mbytes)
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.