• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155408
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Vitor Rosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2001
Orientador
Título em português
Abordando as relações agricultura e meio ambiente no ensino formal, através da educação ambiental – considerações a partir de um caso
Palavras-chave em português
EDUCAÇÃO AMBIENTAL
Resumo em português
A pesquisa visa ampliar os conhecimentos sobre abordagens no ensino escolar que tratam as relações entre agricultura e meio ambiente e que procuram potencializar os educandos no questionamento do modelo agrícola convencional e na valorização de produtos e iniciativas agrícolas alternativas. Buscou-se um tratamento exploratório sobre o assunto, tendo como referência três questões: a) Como é tratado no ensino médio as relações agro-ambientais? b) Como ampliar e melhorar este tratamento? c) Que conseqüências pode ter esta ampliação? O trabalho delineado como uma pesquisa qualitativa baseou a parte de campo na proposta da pesquisa-ação. O procedimento principal para gerar dados e subsidiar a interpretação do objeto-processo de estudo foi promover e monitorar uma intervenção educacional junto a educadores da rede pública de ensino. A ideia de multirreferencialidade em estudos educacionais influenciou o tratamento do extenso conjunto de dados gerados. Os resultados do estudo evidenciaram que: os conhecimentos dos educadores sobre as relações agro-ambientais são, em geral, muito pequenos e pontuais, implicando em um tratamento superficial do assunto. Na abordagem educacional das relações agro-ambientais mostraram-se altamente adequados procedimentos envolvendo: a) processos não pontuais de aperfeiçoamento de educadores sobre o tema; b) promoção de projetos educacionais em equipes multidisciplinares; c) realização de diagnósticos agro-sócio-ambientais locais; d) a promoção de outras relações dos educandos com o conhecimento e com a realidade o que inclui desmistificar a ciência, exercitar novos olhares e novas compreensões e estimular a relação direta do educando com o assunto estudado destacando-se: visitas à estabelecimentos agrícolas com produção alternativa e a manipulação de elementos naturais (plantas e terra) em atividades escolares com horta orgânica e com mudas de árvores. 3) A pesquisa-ação constitui-se uma eficiente estratégia em pesquisas educacionais. 4) Há sérios problemas no sistema de ensino escolar incluindo falta de condições de trabalho e deficiência na formação e aperfeiçoamento dos educadores. 5) Tanto o tratamento do tema pode aproximar os educandos das questões ambientais em geral, como o tratamento de outras questões ambientais pode aumentar as preocupações agro-ambientais dos educandos. 6) Ocorrem limitações extra-educacionais específicas e maiores que as enfrentadas no tratamento de outros temas ambientais. O que remete à necessidade de políticas públicas regionais que incluam e articulem a divulgação e formação sobre as relações agro-ambientais com o apoio à produção, escoamento e consumo de produções agrícolas alternativas. 7) Com apoio de universidades, instituições de pesquisa ou extensão, secretarias e outros órgãos governamentais, é grande a possibilidade das escolas transformarem-se em espaços qualificados de difusão sobre as relações agro-ambientais.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RosaAntonioVitor.pdf (82.54 Mbytes)
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.