• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155826
Documento
Autor
Nome completo
Laerte Antonio Machado
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1998
Orientador
Título em português
Bioecologia e manejo da broca-dos-citros Diploschema rotundicolle (Serville, 1834) (Coleoptera: Cerambycidae)
Palavras-chave em português
BIOLOGIA
BROCA-DOS-CITROS
CONTROLE BIOLÓGICO
LARANJA NATAL
MANEJO INTEGRADO
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi conhecer aspectos relacionados à bioecologia da broca-dos-citros, Diploschema rotundicolle, com a finalidade de estabelecer um sistema de manejo integrado, através da catação manual de ramos atacados pelo inseto na época da oviposição (controle cultural) associado ao fungo Metarhizium anisopliae (controle biológico). Para o estudo da bioecologia utilizou-se 32 plantas de citros, (Citrus sinensis, da variedade Natal com 18 anos de idade, nas quais consideraram-se 3 partes (baixa, média e alta), para verificar se havia preferência das fêmeas, na ocasião da oviposição, por uma destas partes do vegetal. Os levantamentos foram semanais, durante um período de 3 anos e todos os ramos retirados com os sintomas de ataques do inseto foram levados ao laboratório, onde foram abertos para a constatação da presença da larva e possíveis ocorrências de inimigos naturais. Comparou-se em 2 experimentos de campo, 1989 e 1990, a eficiência do controle cultural realizado pelo produtor com o da equipe de pesquisa, sempre associado ao controle biológico com M. anisopliae. No primeiro, o fungo foi aplicado mediante a introdução de lagartas de Galleria mellonella infectadas (inseto vetor), no interior do canal aberto pela larva da broca-dos-citros e no segundo, comparou-se o efeito do patógeno aplicado na forma de pó. Os estudos da flutuação populacional evidenciaram um período de oviposição para D. rotundicolle, com maior freqüência entre os meses de março a junho e que as fêmeas preferem as partes baixas e medianas da planta para ovipositar, sendo que nestes locais a espécie apresentou maior viabilidade larval. Os resultados das catações manuais realizadas pela equipe de pesquisadores, assim como o controle biológico mediante as 2 formas de aplicações do fungo, foram eficazes no controle de larvas de D. rotundicolle. Já o controle cultural realizado pelo citricultor não foi eficiente em nenhum dos experimentos.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.