• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-161136
Documento
Autor
Nome completo
Ricardo Alves Thomaz Fernandes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2000
Orientador
Título em português
Aplicação de conceitos da qualidade em operações mecanizadas na produção de milho (Zea mays L.) para silagem
Palavras-chave em português
CONTROLE ESTATÍSTICO DO PROCESSO
MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA
MILHO
PRODUÇÃO
QUALIDADE
SILAGEM
Resumo em português
Atualmente, na economia globalizada, é necessário ser eficiente para sobreviver e estar entre os melhores. Dentro desta realidade, visa-se o lucro a custos baixos, porém é imprescindível acompanhar e incentivar a evolução da mão-de-obra para que o nível de excelência seja alcançado. As empresas agropecuárias devem profissionalizar-se e buscar novas técnicas de gerência administrativa e operacional para enfrentar a concorrência sem barreiras instalada no mundo. O controle estatístico de processos (CEP) é um conjunto de ferramentas muito útil e simples para ser utilizado na agropecuária nacional, pois consiste em análises e amostragens em tempo real das operações com correções e ajustes, caso sejam necessários. Com base nisso, o CEP foi implantado num sistema de produção de milho para silagem, avaliando as operações de preparo de solo, a distribuição de plantas e a colheita, assim como o desenvolvimento da cultura ao longo de todo o ciclo, adaptando-se algumas metodologias e dispositivos desenvolvidos. A metodologia das ferramentas do CEP utilizada foi a sugerida por Kume (1993) e Vieira (1999), e a instalação dos experimentos adaptada à agricultura foi seguida conforme técnicas desenvolvidas por Peche Filho et al. (1994) e Fernandes (1997). A implantação do CEP na operação de escarificação proporcionou uma redução da variabilidade de dados de profundidade de trabalho média em 38,4% e um aumento de 45,0% dos dados na faixa de valores desejada. Quando os dados foram estratificados, houve redução de 10,3% da profundidade medida na linha de preparo do solo e aumento de 15,3%, na entrelinha das hastes. Na gradagem, houve redução de 9,8% dos dados médios de tamanho de torrões, e ainda verificou-se um aumento de 75,0% de torrões aceitáveis (menores que 4,0 cm) e redução de 91,7% dos torrões de diâmetro grande (maiores que 9,0 cm). No espaçamento entre plantas, observou-se um acréscimo de 8,2% de espaçamentos desejados com a implantação do CEP, no preparo de solo. Ao se avaliar as unidades da semeadora, verificou-se um comportamento distinto nos padrões de espaçamentos verificados. A diferença entre as alturas de plantas para os tratamentos foi significativa, assim como a relação entre peso das folhas e da planta; entretanto, o mesmo não aconteceu com a relação entre peso da haste e peso da planta e densidade dos colmos. Os dispositivos adaptados e desenvolvidos para a checagem das operações mecanizadas mostraram-se adequados para as tarefas propostas a campo; assim como a utilização de conceitos do controle estatístico de processos para o sistema de produção de milho para silagem analisado
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.