• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2016.tde-13112015-143122
Documento
Autor
Nome completo
Bruno Gonzalez de Freitas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Baruselli, Pietro Sampaio (Presidente)
Ferraz, Jose Bento Sterman
Pires, Alexandre Vaz
Título em português
Influência do desenvolvimento corporal na resposta aos programas de sincronização para inseminação artificial em tempo fixo em novilhas Nelore de 14 meses de idade
Palavras-chave em português
Bos indicus
IATF
Nelore
Novilha
Pré-púbere
Resumo em português
Avaliou-se a influência do desenvolvimento corporal na ciclicidade, na resposta ovariana e na taxa de prenhez à inseminação artificial em tempo fixo (IATF) de novilhas da raça Nelore ao sobreano (Experimento 1). Ainda, avaliou-se a eficiência de um protocolo de indução de ciclicidade (Experimento 2) previamente ao protocolo de IATF. No Experimento 1, 650 novilhas de 13,9±0,03 meses de idade foram submetidas ao mesmo protocolo de sincronização da ovulação para IATF. Dez dias antes do início do protocolo de sincronização (Dia -10), as novilhas foram avaliadas quanto à idade (meses), peso (kg), escore de condição corporal (ECC, escala de 1 a 5), altura de cernelha (hCERN, cm) e relação altura/profundidade de costela (pCOST,% ) escore do trato reprodutivo (ETR, escala de 1 a 5), ciclicidade (presença de CL) e espessura de gordura subcutânea na garupa (EGPU, mm). No Dia 0, as fêmeas foram submetidas a sincronização da ovulação, recebendo IATF 10 dias após (Dia 10). Foram determinados por ultrassonografia a taxa de ciclicidade (presença de CL no Dia -10 e/ou Dia 0) os diâmetros do maior folículo presente no Dia 8 (FDD8), no Dia 10 (FDIA), presença de CL no Dia 17 (ovulação) e taxa de prenhez 30 dias após a IATF. Com relação à análise univariável, não houve diferença na taxa de ciclicidade com relação à hCERN e pCOST (P>0,05), mas isoladamente a idade, o peso, o ECC e a EGPU foram associados com incremento na taxa de ciclicidade (P<0,05). Entretanto, na análise multivariável o parâmetro retido no modelo foi a EGPU (>3,4mm; 19,4 vs. ≤3,4mm; 8,8%; P=0,002). O FDD8 não foi influenciado pela idade, ECC e pCOST (P>0,05) quando analisados de maneira isolada. Entretanto, o peso, hCERN, EGPU e ETR foram associados com maior FDD8 (P<0,05). Contudo, ao se avaliar todos os parâmetros de maneira conjunta, houve efeito de hCERN (>121,5=7,2 vs. ≤121,5=6,9mm; P=0,03), EGPU (>2,6=7,4 vs. ≤2,6=6mm; P=0,02) e ETR (1=6,9ab;2=7,4ab; 3=7,1ab; 4=7,7ª; 5=6,3mmb; P=0,002) sobre o FDD8. O CrescFD e a taxa de ovulação não foram influenciados por nenhum dos parâmetros avaliados, em ambas as análises (P>0,05). Ainda, na análise univariável a hCERN e o ETR (P>0,05) não resultaram em efeito na taxa de prenhez, mas a idade, o peso, o ECC, a pCOST e a EGPU foram associados com incremento no sucesso gestacional (P<0,01). Entretanto, ao se utilizar a análise multivariável os parâmetros retidos no modelo foram a idade (>13,8=43,0 vs. ≤13,8=27,2; P=0,04), a pCOST (>44,0=41,9 vs. ≤44,0=27,0; P = 0,02) e a EGPU (>2,5=44,4 vs. ≤2,5=23,4%; P=0,0003). No Experimento 2, 626 novilhas de 14,2±0,03 meses de idade foram aleatoriamente distribuídas em dois grupos experimentais: Indução (n=307; dispositivo de P4 usado durante 10 dias mais 0.6mg de CE no momento da retirada) e Controle (n=319). Doze dias após a retirada do dispositivo de P4 (Dia 0) todas as fêmeas foram submetidas a protocolo de sincronização para IATF conforme descrito no Experimento 1. As novilhas que receberam o protocolo de indução tiveram maior (P<0,0001) taxa de ciclicidade (75,2%) no Dia 0 em relação ao controle (7,8%). Entretanto, semelhante taxa de prenhez à IATF foi verificada entre os tratamentos (Controle 42,9 vs. Indução = 43,0%; P=0,40). Conclui-se que os parâmetros de desenvolvimento corporal apresentam relação positiva com a ciclicidade e a resposta ao protocolo para IATF em novilhas raça Nelore ao sobreano. Além disso, o estímulo hormonal prévio aumentou a proporção de novilhas com CL no início do protocolo de IATF, entretanto, não influenciou a taxa de prenhez à inseminação artificial
Título em inglês
Influence of body development on the response to synchronization of ovulation programs for timed artificial insemination in Nelore heifers aged 14 months
Palavras-chave em inglês
Bos indicus
Heifer
Nelore
Prepubertal
TAI
Resumo em inglês
The influence of body development on ciclicity, ovarian response and pregnancy rate after timed artificial insemination (TAI) was evaluated in yearling Nelore beef heifers (Experiment 1). Furthermore, the efficiency of a protocol for ciclicity induction, previously to the TAI was tested (Experiment 2). At Experiment 1, 650 heifers aged 13,9 ± 0.03 months were submitted to the same ovulation synchronization protocol for TAI. Ten days before the beginning of the TAI protocol (Day -10), all females were evaluated for age (months), weight (kg), body condition score (BCS, 1 to 5 scale), withers height (hCERN, cm) and whiters height/depth of rib relationship (pCOST, %), reproductive tract score (RTS, 1 to 5 scale) ciclicity (presence of a CL) and subcutaneuos fat thickness (EGPU, mm). At Day 0, all heifers were submitted to the ovulation synchronization, receiving TAI after 10 days (Day 10). The ciclicity (presence of a CL at Day -10 and/or Day 0), diameter of the biggest follicle at Day 8 (FDD8) and Day 10 (FDIA) as the ovulation rate at Day 17 and pregnancy rate at Day 30 were determined by ultrassonography. In relationship to the univariable analysis, there was no difference of ciclicity rate according to hCERN and pCOST (P>0.05), but age, weight, BCS, and EGPU were associated to greater ciclicity (P<0.05). However, considering the multivariable analysis, heifers with greater EGPU (>3.4mm; 19.4%) presented greater (P=0.002) ciclicity rate in comparison to heifers with lesser EGPU ( ≤3.4mm; 8.8%). The FDD8 was not influenced by age, BCS and pCOST (P>0.05) and was influenced by hCERN, EGPU and RTS when the variables were singly analyzed. Nevertheless, there was an effect of hCERN (>121.5=7.2 vs. ≤121.5=6.9; P=0.03), EGPU (>2.6=7.4 vs. ≤2.6=6.0; P=0.02) and RTS (1=6.9ab; 2=7.4ab; 3=7.1ab; 4=7.7ª; 5=6.3 mmb; P=0.002) over the FDD8, when all variables were analyzed together. The ovulation rate was not influenced by any of the evaluated parameters (P>0.20). Still, considering the univariable statistical model, there was no effect of hCERN and RTS (P=0.05) on pregnancy rate, but age, weight, BCS, pCOST and EGPU were associated with increased pregnancy rate to TAI (P<0.05). Still, heifers with more age (>13.8=43.0 vs. ≤13.8=27.2; P=0.04), greater pCOST (>44.0=41.9 vs. ≤44.0=27.0%; P = 0.02) and greater EGPU (>2.5=44.4 vs.≤2.5mm=23.4%; P=0.0003) presented greater pregnancy rate when all varaiables were analyzed together. At Experiment 2, 626 heifers aged 14.2±0.03 months were randomly allocated in two experimental groups: Induction (n=307; used P4 device during 10 days plus 0.6mg EC at device removal) and Control (n=319). Twelve days after P4 device removal (Day 0) all females were submitted to the same ovulation synchronization protocol described in Experiment 1. Heifers from Induction group (75.2%) had greater (P<0.0001) ciclicity rate at Day 0 in comparison to Control (7.8%), but similar pregnancy rate to 1st TAI (Control 42.9 vs. Induction 43.0%; P=0.40). It is concluded that the body developmental parameters presents positive relationship with ciclicity and response to the TAI protocol in Nelore yearling heifers. Moreover, a previous hormonal stimulus increases the proportion of heifers with a corpus luteum at the beginning of the TAI protocol, but does not affect pregnancy rate to the artificial insemination
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.