• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Claudia Kiyomi Minazaki
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Barnabe, Valquiria Hyppólito (Presidente)
Bevilacqua, Estela Maris Andrade Forell
Borella, Maria Ines
Crusco, Silvia Edelweiss
Oliveira, Claudio Alvarenga de
Título em português
Imunolocalização dos receptores de ocitocina no testículo e epidídimo de cães
Palavras-chave em português
Infertilidade
Ocitocina
Receptor de ocitocina
Resumo em português
A expressão dos receptores da ocitocina (OTR) em machos, embora estudada em algumas espécies, não foi ainda estabelecida em cães. O objetivo deste estudo foi trazer novas perspectivas para a utilização terapêutica da ocitocina (OT) em patologias reprodutivas em cães já que tem sido utilizada no tratamento da infertilidade em homens. Foi realizada a imunolocalização dos receptores de OTR em amostras de testículo e epidídimo de cães coletadas por cirurgia eletiva de orquiectomia e fixadas em formaldeído tamponado a 10%. Seguiu-se o processamento histológico de rotina, desparafinização, desidratação e recuperação de sítios antigênicos. A incubação foi feita com o anticorpo primário anti-OTR humano policlonal produzido em coelho e o polímero NOVOLINK da Nicherei®. A imunomarcação foi observada nas células mioepiteliais, células da musculatura lisa do estroma e nas células de Leydig no testículo e muito mais intensa nas células da musculatura lisa da região do epidídimo. A expressão dos OTR demonstrou-se maior no epidídimo quando comparada ao testículo. A distribuição dos OTR na imunomarcação e no western blotting reforçam os dados da literatura que sugerem ação da ocitocina no estímulo da contratilidade dos túbulos seminíferos e epidídimo, assim como seu papel na modulação dos níveis de androgênios nestes tecidos estimulando a conversão da testosterona em diidrotestosterona (DHT). Nossos resultados corroboram com a literatura permitindo que o conhecimento da distribuição das OTR no testículo e epidídimo de cães possibilite a utilização terapêutica da ocitocina e novas perspectivas para a área de reprodução e biotecnologia de cães.
Título em inglês
Oxytocin receptors (OTR) immunolocation in testicles and epidydimis in dog
Palavras-chave em inglês
Infertility
Oxytocin
Oxytocin receptor
Resumo em inglês
The expression of oxytocin receptors (OTR) in the male reproductive tract has been studied in several species with the exception of the dogs. In men, oxytocin (OT) therapy has been successfully used to treat infertility. Therefore, the aim of the present study was to provide new perspectives for the therapeutic use of oxytocin (OT) in reproductive disorders in dogs. We performed the immunolocalization of OTR in samples of testis and epididymides of dogs collected by elective orchiectomy and fixed in 10% buffered formaldehyde. This was followed by routine histological processing, deparaffinization, dehydration and recovery of antigenic sites. Incubation was performed with the human polyclonal anti-OTR primary antibody produced in rabbits and the NOVOLINK polymer (Nichirei, Japan). Oxytocin receptor Immunostaining was observed in myoepithelial, smooth muscle, stromal, and Leydig cells in the testis and, a more intense staining was found in the smooth muscle cells in the region of the epididymis. The distribution of OTR immunostaining and expression on western blotting reinforces the hypothesis proposed by previous studies that oxytocin may stimulate seminiferous tubules and epididymis contractility, and modulate the androgen levels in these tissues, stimulating the conversion of testosterone to dihydrotestosterone (DHT).Results suggest that testicular and epididymal OTR immunolocalization in dogs may be similar to previously studied species. This could indicate that the therapeutic use of oxytocin could be an alternative in infertile dogs, providing new insights to the reproduction and biotechnology in this species.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-08-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.