• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2016.tde-27092016-155647
Documento
Autor
Nome completo
Everton Lopes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2016
Orientador
Banca examinadora
Binelli, Mario (Presidente)
Barreto Filho, João Bosco
Perecin, Felipe
Silveira, Juliano Coelho da
Strefezzi, Ricardo de Francisco
Título em português
Efeito do ambiente endócrino peri-ovulatório sobre a expressão de microRNAs e o sistema IL1/TLRs no endométrio bovino
Palavras-chave em português
Bovino
MicroRNAs
Receptividade
Sistema Imune
Resumo em português
Em bovinos, o desenvolvimento embrionário pré implantacional depende das funções do endométrio bovino que tem suas funções mediadas por uma complexa interação da ação e dos efeitos dos hormônios esteroides ovarianos E2 e P4. Estes hormônios regulam a expressão gênica e controlam o ambiente uterino modulando, entre outros, a expressão de microRNAs e a rede de citocinas relacionadas ao sistema imune. Os objetivos do presente trabalho foram abordados em dois capítulos, sendo (I) comparar os efeitos dos distintos ambientes endócrinos peri-ovulatórios sobre a expressão de microRNAs (II) e na modulação do sistema IL1/TLR no endométrio bovino nos dias 4 e 7 após a indução da ovulação. Para isso, controlou-se farmacologicamente o crescimento do folículo objetivando induzir a ovulação de folículos de maior diâmetro (grupo folículo grande-CL grande, FG-CLG) ou de menor diâmetro (grupo folículo pequeno-CL Pequeno, FP-CLP). Vinte e duas vacas multíparas nelore, foram pré-sincronizadas, metade destes animais foram destinados para o grupo FG-CLG e receberam uma dose de prostaglandina F2α (PGF) e um dispositivo de progesterona, juntamente com benzoato de estradiol no D10. No momento da retirada dos dispositivos de progesterona (entre D1,75 e D2,5) todos os animas receberam uma dose de PGF. A ovulação foi induzida com acetato de buserelina (D0). O que diferiu entre os tratamentos foi que os animais do grupo FP-CLP não receberam uma dose de PGF no D10 e o momento da retirada dos dispositivos foi entre D1,25 e o D1,5. No capítulo I, o a expressão de microRNAs foi determinada por qPCR nos dias 4 e 7. Dos 90 microRNAs testados, 21 apresentaram se up-regulated e dois down-regulated no grupo FG-CLG (P<0.1) no D4. No D7, quatro microRNAs foram diferentemente expressos, sendo um up-regulated e três down-regulated no grupo FG-CLG (P<0.1) no D7. Para os microRNAs diferentemente expressos determinou-se mRNA-alvos preditos. Uma análise de ontologia demonstrou que os mRNAs-alvos apresentaram enriquecimento funcional na via dos receptores de hormônios esteroides, entre outras. No capítulo II, o sistema IL1/TLR foi avaliado quanto a abundância de transcriptos envolvidos neste sistema, do microRNA bta-mir-155 e das proteínas IL1β e IL1R1. A abundância relativa de mRNA apresentou diferença (P<0.1) na abundância dos mRNAs de IL1R1, TAB1 e FOXP3, das proteínas IL1β e IL1R1, sendo essas moléculas up-regulated no grupo FG-CLG. O microRNA bta-mir-155 foi down-regulated no grupo FG-CLG (P<0.1). Diante disto, pode-se concluir que o ambiente endócrino peri-ovulatório determina o perfil de expressão de microRNAs e modula o sistema IL1/TLR no endométrio bovino
Título em inglês
Effect of the periovulatory endocrine milieu on microRNAs expression and IL1/TLR systems in bovine endometrium
Palavras-chave em inglês
Bovine
Immune system
microRNA
Receptivity
Resumo em inglês
In cattle, the pre implantation embryo development depends on the functions of the bovine endometrium that has its functions mediated by a complex interaction of action and the effects of ovarian steroid hormones E2 and P4. These hormones regulate gene expression and control the modulating uterine environment among others, the expression of microRNAs and the network of cytokines related to the immune system. The objectives of this study were discussed in two chapters, (I) to compare the effects of different peri-ovulatory endocrine environment on the expression of microRNAs (II) and modulation of the IL-1 system / TLR in bovine endometrium on days 4 and 7 after induction of ovulation. For this, it was controlled pharmacologically follicle growth aiming to induce ovulation of follicles larger diameter (great grand-CL follicle group, FG-CLG) or smaller in diameter (small-CL Small follicle group, FP-PLC). Twenty two nelore multiparous cows were pre-sync, half of these animals were used for the FG-NCG group and received a dose of F2á prostaglandin (PGF) and progesterone device along with oestradiol benzoate in D-10. Upon withdrawal of progesterone devices (between 1.75 and D-D-2,5) all animas received a dose of PGF. Ovulation was induced with buserelin acetate (D0). What differed between treatments was that animals FP-CLP group did not receive a dose of PGF in the D-10 and the time of removal of the devices was between D-1,25 and D-1.5. In Chapter I, the expression of microRNAs was determined by qPCR on 4 and 7. Of the 90 microRNAs tested, 21 showed was up-regulated and down-regulated in two FG-CLG group (P <0.1) in the D4. In D7 four microRNAs were differently expressed, one up-regulated and down-regulated in three FG-CLG group (P <0.1) at D7. For differently expressed microRNAs was determined predicted mRNA-target. An ontology analysis showed that the mRNA-targets had functional enrichment in via the steroid hormone receptors, among others. In Chapter II, the IL-1 / TLR system was evaluated as the abundance of transcripts involved in this system, the bta-mir-155 microRNA and IL1β and IL1R1 proteins. The relative abundance of mRNA was different (P <0.1) in the abundance of mRNAs IL1R1, TAB1 and FOXP3, the IL1β and IL1R1 proteins, and these up-regulated molecules in the FG-CLG group. The bta-mir-155 microRNA was down-regulated in the FG-CLG group (P <0.1). Given this, we can conclude that the peri-ovulatory endocrine milieu determines the profile of microRNA expression and modulates the IL1 / TLR system in bovine endometrium
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-10-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.