• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2016.tde-07102015-113117
Documento
Autor
Nome completo
Talissa Rezende Martins
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Belli, Carla Bargi (Presidente)
Ferreira, Marcio Augusto
Hagen, Stefano Carlo Filippo
Título em português
Controle ultrassonográfico do sistema gastrointestinal de cavalos hospitalizados por queixas primárias de claudicação submetidos ou não a cirurgia ortopédica
Palavras-chave em português
Cólica
Diagnóstico
Equino
Hospitalização
Ultrassonografia abdominal
Resumo em português
Dada sua complexidade e abrangência de fatores de risco, a síndrome cólica em equinos é vista como um desafio na medicina veterinária devido ao efeito grave que ela pode causar nos animais acometidos. Portanto, é vital identificar os casos que necessitam de interferência cirúrgica. A ultrassonografia abdominal tem se mostrado ser uma ferramenta de grande valia dentre os diversos métodos que auxiliam o veterinário a encontrar um diagnóstico no paciente com cólica. Tal síndrome é conhecida como uma complicação da internação, principalmente em animais com queixas no sistem locomotor. Nesse contexto, estão envolvidos o transporte, mudança de alimentação e de manejo, jejum, estresse, anestesia, sedação e restrição de exercício físico, que têm uma alta relação com a cólica. A coisa mais importante para o veterinário é reagir corretamente à complicação para evitar prejuízos futuros ao animal e ao proprietário. O presente estudo foi motivado pela alta ocorrência de cólica em animais internados em hospitais veterinários, e visou o acompanhamento ultrassonográfico do sistema gastrointestinal de cavalos internados por queixas primárias de afecção no sistema locomotor submetido ou não à atroscopia, a fim de avaliar essa farramenta como indicador precoce da síndrome cólica. Dessa forma, os animais foram divididos em dois grupos. O grupo 1 restringiu-se a animais internados para realização de artroscopia; o grupo 2, compreendeu os animais internados com queixas de claudicação grau II ou III. A ultrassonografia abdominal foi feita diariamente desde a entrada do animal ao Hospital Veterinário da USP (HOVET/USP) até o quinto dia de internação. O grupo 1 teve avaliação pré e pós-operatória para avaliação do efeito cirúrgico sobre o sistema gastrointestinal. Os resultados mostraram uma ocorrência maior de cólica em animais submetidos à cirurgia, principalmente entre o segundo e terceiro dia pós-operatório, e uma diminuição da motilidade de cólon maior e menor. Não foi observado mudanças significativas em espessura de parede de todas as alças avaliadas. A ultrassonografia não foi um indicador precoce da ocorrência de cólica, no entanto ela pôde confirmar sua origem gastrointestinal
Título em inglês
Ultrasonographic control of the gastrointestinal system of hospitalized horses with primary complaints of lameness undergoing or not orthopedic surgery
Palavras-chave em inglês
Abdominal ultrasound
Colic
Diagnosis
Equine
Hospitalization
Resumo em inglês
Colic in horses presents a challenge in veterinary medicine because of its complexity, wide variety of risk factors and the serious outcome for affected animals. Colic can occur as a complication of hospitalization with increased risk in orthopedic patients, usually undergoing general anesthesia. Abdominal ultrasound has proven to be a valuable tool among the various methods that help the veterinarian to find a diagnosis in patients with colic, but the use of abdominal ultrasound for prediction or early detection of colic has not yet been fully explored. This study used serial sonographic examinations in horses hospitalized for orthopedic conditions, submitted and not submitted to arthroscopy in order to evaluate it as a tool for early detection of colic. 40 horses were divided into two groups of 20 animals. Group 1 consisted of horses admitted to the hospital for surgical management under general anesthesia. Group 2 comprised horses admitted to the hospital for medically managed orthopedic cases. Group 1 consisted of horses admitted to the hospital for surgical management under general anesthesia. Group 2 comprised horses admitted to the hospital for medically managed orthopedic cases. Group 1 consisted of horses admitted to the hospital for orthopedic surgery. Group 2 comprised horses admitted to the hospital for medically managed orthopedic cases. Abdominal ultrasonography was performed daily from admission to fifth day of hospitalization. Group 1 animals also had pre- and post-operative ultrasonographic evaluation to assess the effect of surgery on the gastrointestinal system. Ultrasonography was not successful at early detection of colic in any animal. The results also showed a higher incidence of colic in animals undergoing surgery (with no statistical difference), particularly on the second or third day postoperative, as well as a reduction in both large and small colon motility in animals undergoing surgery. No significant changes in wall thickness of the evaluated loops were observed. In conclusion, ultrasonographic examination could not successfully predict colic but was useful for confirmation of gastrointestinal originof clinical symptoms during the examination of affected animals
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.