• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2010.tde-09022011-110541
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Fabiana Izquierdo Caquías
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Ferrigno, Cássio Ricardo Auada (Presidente)
Ibañez, José Fernando
Kojima, Kodi Edson
Título em português
Desenvolvimento e avaliação biomecânica da resistência à flexão de um novo modelo de osteossíntese em fêmur: pinos intramedulares múltiplos bloqueados
Palavras-chave em português
Cães
Ensaio Biomecânico
Fêmur
Fratura
Resumo em português
Na atualidade, vários são os métodos de osteossíntese utilizados na reparação de fraturas de fêmur em cães, porém alguns apresentam complicações na técnica, e outros não encontram-se disponíveis na atividade profissional diária de alguns médicos veterinários da América Latina. O presente trabalho teve como objetivo desenvolver um novo modelo simples de osteossíntese, baseado na utilização de pinos de Steinmann e Schanz denominado pinos intramedulares múltiplos bloqueados (PIMB), e testar biomecanicamente a resistência as forças de flexão em comparação com a técnica de pino intramedular único (PIU). Para tanto foram utilizados fêmures bilaterais de oito cadáveres de cães com peso entre 15 a 25 quilos que foram divididos em dois grupos, o primeiro grupo composto por oito fêmures utilizou os pinos intramedulares múltiplos bloqueados e o segundo grupo composto por oito fêmures utilizou pino intramedular único, ocupando entre 40 - 42 % do canal medular como controle do Grupo 1. Os dois grupos de fêmures foram submetidos a ensaios não destrutivos para avaliar a resistência as forças de flexão, com forças entre 0 e 50 Kg, e velocidade de deslocamento de 5mm/minuto, num dispositivo de quatro pontos. Os resultados encontrados nas condições apresentadas neste estudo mostraram que a técnica de pinos intramedulares múltiplos bloqueados apresenta uma menor resistência as forças de flexão comparada com a técnica de pino intramedular único
Título em inglês
Development and biomechanical evaluation of flexural strength of a new type of osteosynthesis in femoral: multiple locked intramedullary pins
Palavras-chave em inglês
Biomechanical testing
Dogs
Fêmur
Fracture
Resumo em inglês
Currently, there are several methods of fixation used in the repair of femoral fractures in dogs, but some show complications in the technique, and others are not available daily in the professional activity of some veterinarians from Latin America. This study aimed the development of a new, simple model for bone fixation, based on the use of Steinmann and threaded pins, used as multiple locked intramedullary pins (MLIP), and biomechanically test the implants resistance to bending forces. Therefore, we used bilateral femurs of eight cadaveric dogs weighing between 15-25 kg, divided into two groups; in the first group multiple locked intramedullary pins were used in eight femurs, and in the second group, the control group, we used a single intramedullary pin (SIP) occupying between 40-42% of the intramedullary canal, of eight femurs. Both groups were subjected, in a four point device, to nondestructive testing to evaluate the resistance to flexion forces, with forces varying between 0 and 50 kg, and a speed of 5mm/minute. The results under the conditions presented in this study showed that technique locked multiple pins has a lower resistance to bending forces compared with the technique of single intramedullary pin.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-02-15
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • FERRIGNO, C. R. A., et al. TIBIAL TUBEROSITY ADVANCEMENT (TTA) O QUE É ESTA NOVA TECNICA PARA TRATAMENTO DA RUPTURA DO LIGAMENTO CRUZADO EM CAES. Anclivepa (Rio de Janeiro), 2009, vol. 21, p. 21-23.
  • ROMANO, Leandro, et al. Análise Biomecânica do Joelho integro e com ruptura do ligamento cruzado cranial quanto ao grau de deslocamento cranial e rigidez Articular Em Cães. Acta Cirúrgica Brasileira, 2006, vol. 21, nº 1, p. 47-51.
  • SANTOS, JAQUELINE FRANÇA DOS, et al. Fratura proximal de tíbia após cirurgia extracapsular para correção de ruptura de ligamento cruzado cranial em cão [doi:10.1590/S0103-84782013005000001]. Ciência Rural (UFSM. Impresso) [online], 2013, vol. 43, p. CR-6130.
  • FERRIGNO, C. R. A., et al. Ruptura de menisco associada à ruptura de ligamento cruzado cranial em cães. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science , 2012, vol. 49, p. 301-306.
  • FERRIGNO, C. R. A., et al. AVALIAÇÃO DA TÉCNICA DE OSTEOTOMIA DUPLA EM CUNHA CRANIAL DA TÍBIA PARA TRATAMENTO DE RUPTURA DE LIGAMENTO CRUZADO CRANIAL E DESVIOS ANGULARES EM CÃES COM MENOS DE 14 QUILOS DE PESO. In VIII Congresso Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária, , Recife, 2008. Anais do VIII Congresso Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária., 2008. Resumo.
  • FERRIGNO, C. R. A., et al. RESULTADOS DA TÉCNICA DE AVANÇO DA TUBEROSIDADE TIBIAL (TIBIAL TUBEROSITY ADVANCEMENT TTA) EM 10 CÃES COM RUPTURA DE LIGAMENTO CRUZADO CRANIAL. In VIII Congresso Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária,, Recife, 2008. Anais do VIII Congresso Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária,., 2008. Resumo.
  • ROMANO, Leandro, e FERRIGNO, C. R. A. ANÁLISE BIOMECANICA DE RUPTURA DO LIGAMENTO CRUZADO CRANIAL EM CÃES. In VII Congresso do Colégio Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária, 2006. Anais do VII Congresso do Colégio Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária., 2006. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.