• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Danilo Moreira Xavier
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Jaremtchuk, Dária Gorete (Presidente)
Benetti, Liliane
Jordão, Fabricia Cabral de Lira
Perosa, Graziela Serroni
Título em português
Um olhar sobre o ensino das artes na FAAP nas décadas de 1960 e 1970
Palavras-chave em português
1960-1970
Artes Visuais
Ensino
FAAP
Instituição
Resumo em português
A pesquisa analisa as etapas iniciais do ensino das artes visuais na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), considerando também os cursos de artes e as programações do Museu de Arte Brasileira (MAB) nos anos 1960 e 1970. Investigamos as grades curriculares, seus espaços de ensino-aprendizagem e o quadro de professores. Essas etapas também foram observadas diante da instalação das instituições em São Paulo, no final dos anos 1940, promovendo novos modelos de ensino em contraste com outros sistemas escolares, universitários ou experimentais, por exemplo. Ao longo das duas décadas analisadas, observamos as parcerias institucionais estabelecendo modelos curriculares, atividades expositivas e conceitos relacionados à formação do artista, sua profissionalização e atuação no meio artístico. Na primeira metade da década de 1960, esses aspectos foram direcionados às demandas do mercado local nos cursos técnicos e livres. Esses modelos de cursos foram importantes para a transformação do ensino superior a partir de 1967 e no decorrer dos anos 1970. Com esta pesquisa podemos compreender questões acerca da rede de formação dos artistas, entre as estruturas curriculares e os espaços de produção, como ateliês e oficinas de trabalho. As distinções ou aproximações do ensino nas duas décadas analisadas foram importantes para compreendermos as demandas profissionais em que o ensino das artes foi adequado, ora em práticas tecnicistas e industriais dos anos 1960, refletindo as perspectivas sociais de desenvolvimento e modernização da cidade, ora por práticas educativas mais experimentais nos anos 1970, reconfigurando as concepções de classes, disciplinas e espaços de produção, próprias aos debates de expansão dos modelos tradicionais que ocorriam com o museu e a obra de arte
Título em inglês
A look at the teaching of the arts at FAAP in the 1960s and 1970s
Palavras-chave em inglês
1960-1970
FAAP
Institution
Teaching
Visual arts
Resumo em inglês
The research analyzes the early stages of visual arts teaching at the Armando Álvares Penteado Foundation (FAAP), also considering the art courses and the Brazilian Museum of Art (MAB) programming in the 1960s and 1970s. We investigated the curriculum grids, their spaces teaching and learning and the teacher These stages were also observed before the establishment of institutions in São Paulo, in the late 1940s, promoting new teaching models in contrast to other school, university or experimental systems, for example. Over the two decades analyzed, we observed institutional partnerships establishing curricular models, exhibition activities and concepts related to the artist's education, professionalization and performance in the artistic environment. In the first half of the 1960s, these aspects were directed to the demands of the local market in technical and free courses. These course models were important for the transformation of higher education from 1967 and throughout the 1970s. With this research we can understand questions about the artists' training network, between the curricular structures and the production spaces, such as workshops and workshops. The distinctions or approaches of teaching in the two decades analyzed were important to understand the professional demands in which the teaching of the arts was adequate, sometimes in the technicist and industrial practices of the 1960s, reflecting the social perspectives of development and modernization of the city, sometimes by practices experimental studies in the 1970s, reconfiguring the conceptions of classes, disciplines and spaces of production, typical of the debates of expansion of the traditional models that occurred with the museum and the work of art
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
daniloxavier.pdf (12.34 Mbytes)
Data de Publicação
2019-08-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.