• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.100.2013.tde-13032014-203900
Documento
Autor
Nome completo
Lucia Silva Parra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Siqueira, Rogério Monteiro de (Presidente)
Accioly e Silva, Doris
Moraes, José Damiro de
Título em português
Leituras libertárias: cultura anarquista na São Paulo dos anos 1930
Palavras-chave em português
Anarquismo e anarquistas
Bibliotecas anarquistas
Centro de Cultura Social
Livros e leitura
São Paulo (SP) - História
Resumo em português
Este trabalho é um estudo da circulação de livros e práticas de leitura entre anarquistas atuantes na cidade de São Paulo na década de 1930. Foi analisada a formação e o desenvolvimento do acervo da biblioteca do Centro de Cultura Social (CCS). Organizado por anarquistas em 1933 e fechado em 1937 com o Golpe do Estado Novo, encerrando sua primeira fase. Sua biblioteca, neste período foi constituída por livros, jornais e documentos de militantes anarco-sindicalistas e tinha como função servir de subsídio para as atividades deste centro de cultura, como leituras comentadas, palestras, cursos e atividades teatrais. Além desta fonte de pesquisa foram usados também resenhas e anúncios de venda de livros publicados nos jornais A Lanterna e A Plebe, entre 1933 e 1935 e documentos do DEOPS/SP, tais como autos de busca e apreensão de bibliotecas particulares de anarquistas e relatórios de investigação que tratavam de circulação de livros e jornais libertários. As pesquisas sobre história dos livros e práticas de leitura de Robert Darnton foram usadas como referencial teórico. Entre os autores dos livros da antiga biblioteca do Centro de Cultura Social e das bibliotecas particulares apreendidas chamam a atenção clássicos do anarquismo como Malatesta, Proudhon, Kropotkin, Elisée Reclus, mas também autores como Marx e Trotsky. Quanto aos gêneros literários foram encontrados ensaios, crônicas, romances e poesias. No que se refere à circulação dos livros verificou-se que eram vendidos em algumas livrarias na cidade de São Paulo, através dos jornais libertários e pelos próprios militantes. Entre os anarquistas eram frequentes tanto as práticas de leituras comentadas em espaços como centros de cultura e bibliotecas populares quanto às leituras individuais de obras adquiridas através de compra e guardadas em pequenos acervos particulares
Título em inglês
Readings libertarians: anarchist culture in São Paulo 1930
Palavras-chave em inglês
Anarchism and Anarchists
Books and reading
Centro de Cultura Social (CCS)
Libraries anarchists
São Paulo (SP)
Resumo em inglês
This work is a study of the circulation of books and reading practices among anarchists active in the city of São Paulo in the 1930s. We analyzed the formation and development collection of the Centro de Cultura Social (CCS) Library. This center was organized by anarchists in the year 1933 and closed in 1937 on the occasion of the Estado Novo, ending its first phase. His library in that period consisted of books, newspapers, anarcho-syndicalist militant documents and had the duty to serve as input to the center of culture activities, as commented readings, lectures, courses and theatrical activities. In addition to this source of research we also used reviews and adverts of selling published books in the newspaper A Lanterna and A Plebe, between 1933 and 1935 and DEOPS / SP documents, such as notices of search and seizure of anarchists private libraries and research reports about books circulation and newspapers libertarians. Were used as a theoretical research of Robert Darnton on the history of books and reading practices. About the authors of the books of both libraries, the old library of the Centro de Cultura Social and the private libraries seized, draw attention classic authors of anarchism as Malatesta, Proudhon, Kropotkin, Reclus Elisée, but also others like Marx and Trotsky. In the Literary genres we found essays, stories, novels and poetry. Regarding to the circulation of books, was found that some were sold in bookstores in the city of São Paulo, through newspapers libertarians and by the militants. Among the anarchists were frequent as commented reading practices on spaces like centers of culture and public libraries as the readings of individual works acquired through purchase and stored in small private collections
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
dissertacao.pdf (20.38 Mbytes)
Data de Publicação
2014-09-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.