• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.100.2015.tde-17102015-183713
Documento
Autor
Nombre completo
Andressa Caroline Francisco Leme
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2015
Director
Tribunal
Lima, Ana Laura Godinho (Presidente)
Bautheney, Katia Cristina Silva Forli
Silva, Katiene Nogueira da
Viviani, Luciana Maria
Título en portugués
Agora é para alfabetizar, sim ou não? : análise dos discursos especializados sobre a idade certa para iniciar a alfabetização no contexto da ampliação do ensino fundamental para nove anos
Palabras clave en portugués
Alfabetização
Educação Infantil e Ensino Fundamental de Nove Anos
Infância
Resumen en portugués
Esta pesquisa tem como objetivo efetuar uma análise dos discursos especializados sobre as relações entre a infância e a cultura escolar letrada a partir da perspectiva de Michel Foucault. Mais precisamente, busca-se examinar os discursos sobre a idade mais adequada para o início do processo de alfabetização, que marca a passagem da educação infantil para o ensino fundamental. O interesse pelo tema justifica-se tendo em vista a recente ampliação do ensino fundamental para nove anos, com a antecipação do ingresso no primeiro ano, que passou a ocorrer aos seis anos e não mais aos sete anos de idade. Esse fato gerou uma série de discussões pedagógicas acerca das consequências dessa mudança para as crianças de seis anos, que anteriormente frequentavam a educação infantil e passaram a frequentar o ensino fundamental. A partir do estudo de documentos oficiais e revistas pedagógicas destinados à formação docente, pretende-se identificar os argumentos mobilizados nos discursos para a defesa de uma idade mais indicada para o início do processo de alfabetização. A análise evidenciou que os discursos sobre o tema caracterizam a educação infantil e o ensino fundamental como duas culturas escolares distintas. A educação infantil é concebida como uma etapa da escolarização que tem como propósito favorecer o desenvolvimento infantil espontâneo, de modo que todo aprendizado realizado nessa etapa, inclusive o da leitura e da escrita, deve partir do interesse e da curiosidade das próprias crianças. O ensino fundamental, por sua vez, destina-se à formação do estudante por meio do ensino sistemático das disciplinas escolares definidas no currículo.
Título en inglés
Now is to teach literacy, yes or no? : analysis of specialized discourses about the right age to start literacy in the context of the expansion of basic education to nine years
Palabras clave en inglés
Childhood
Early Childhood Education and Nine Elementary School Years Old
Literacy
Resumen en inglés
This research aims to make an analysis of the specialized discourse on the relationship between childhood and schools literate culture, from Michel Foucault's perspective. More precisely, it seeks to examine the speeches on the most appropriate age for the beginning of literacy process, which marks the transition from preschool to elementary school. The importance of this subject is justified in view of the recent expansion of primary education to nine years, with the anticipation of entering the first year, which now occur at six and no more at seven years old. This has raised a number of pedagogical discussions about the consequences of this change for children that are six years old, who previously attended kindergarten and began to attend the elementary school. From the study of official documents and pedagogical journals for teachers training, the analysis intended to identify the arguments deployed in the speeches for the defense of a more appropriate age for the beginning of the literacy process. The analysis showed that the speeches on the subject characterize the kindergarten and elementary school as two different school cultures. Early childhood education is conceived as a stage of schooling that aims to foster the spontaneous child development, so that all learning undertaken at this stage, including reading and writing, should start from the interest and curiosity of the children themselves. The primary school, in turn, is intended for the formation of the student through the systematic teaching of school subjects defined in the curriculum.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2015-12-07
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.