• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Flávia Fernandes Barroso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Meira Junior, Cassio de Miranda (Presidente)
Gomes, Fábio Rodrigo Ferreira
Massa, Marcelo
Rodrigues, Graciele Massoli
Título em português
Desempenho de crianças extrovertidas e introvertidas no nado crawl em função da luminosidade e do ruído sonoro
Palavras-chave em português
Ambiente
Barulho
Crianças
Extroversão
Introversão
Luz
Natação
Traços de personalidade
Resumo em português
O estudo de traços de personalidade tem sido um importante instrumento na individualização de procedimentos pedagógicos na execução e aprendizagem de tarefas motoras. O traço de Extroversão/Introversão é um dos mais estudados e corresponde ao nível de ativação cortical com efeitos na vitalidade de um indivíduo. Na execução de tarefas cognitivas, estímulos ambientais afetam o nível de ativação cortical e desempenho de extrovertidos e introvertidos. A presente pesquisa pretende estender esse conhecimento sobre o efeito de luz e ruído sonoro para o desempenho motor de crianças extrovertidas e introvertidas. Quarenta e uma crianças de ambos os sexos, de 7 a 10 anos, praticantes de natação, foram designadas a dois grupos: extrovertidas (n = 19) e introvertidas (n = 22). A classificação de Extroversão/Introversão foi realizada por intermédio da Escala de Traços de Personalidade para Crianças. A tarefa motora consistiu em nadar crawl por 15 metros no menor tempo possível (2 tentativas). As medidas de desempenho foram o tempo para percorrer o trajeto (em segundos) e a frequência de braçada (ciclo/minuto) em uma distância de 10 metros. O delineamento constou de dois momentos, um com iluminação forte e ruído sonoro alto, e outro com iluminação fraca e ruído baixo. A análise de variância 2 (grupo) x 2 (ambiente) indicou que os extrovertidos executaram a tarefa em menos tempo que os introvertidos; no entanto, não houve diferença entre os ambientes e na interação grupo x ambiente. Na variável ciclo de braçada, não houve qualquer diferença para ambas as medidas
Título em inglês
Performance of extraverted and introverted children on crawl swimming as a function of light and sound noise
Palavras-chave em inglês
Children
Environment
Extroversion
Introversion
Light
Noise
Personality traits
Swimming
Resumo em inglês
The study of personality traits has been useful for individualizing pedagogical procedures in the execution and learning of motor tasks. The trait of Extroversion / Introversion is one of the most investigated and has been associated with levels of cortical activation, which influence vitality of an individual. To perform cognitive tasks, environmental stimuli have been pointed out as factors which affect the level of cortical activation and performance of extraverts and introverts. The present study has the aim of extending this knowledge about the effect of light and sound noise to the motor performance of extraverted and introverted children. Forty-one swimming practitioner children, boys and girls aging from 7 to 10 years, were assigned to one of two groups: extraverted (n = 19) and introverted (n = 22). The classification of Extraversion / Introversion was carried out by the Personality Trait Scale for Children. The motor task consisted of crawl swimming for 15 meters in the shortest time possible (2 trials). Performance measures to cover 10 meters were time (in seconds) and stroke frequency (cycle / minute). The experimental design consisted of two conditions, one with strong illumination and loud noise, and the other with low illumination and low noise. Analysis of variance 2 (group) x 2 (environment) indicated that the extraverts performed the task in less time than the introverts; there was neither difference between the environments nor in the group x environment interaction. No differences were detected for both measures regarding the stroke cycle
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
pdf.pdf (1.11 Mbytes)
Data de Publicação
2019-11-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.