• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2013.tde-15052013-092237
Documento
Autor
Nome completo
Rofson Falcão Siqueira Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2013
Orientador
Banca examinadora
Silva, Iran José Oliveira da (Presidente)
Barbosa Filho, José Antonio Delfino
Vieira, Frederico Marcio Correa
Título em português
Ambiência pré-porteira: avaliação do perfil térmico de caminhão de transporte de pintos de corte
Palavras-chave em português
Avicultura
Caminhões
Carga viva
Conforto térmico
Pintos de corte
Transporte de animais
Resumo em português
As informações relacionadas à logística de cargas vivas no Brasil são escassas e pouca padronização é observada no setor avícola brasileiro quanto ao conforto térmico e bem-estar animal. Diante disso, o objetivo desta pesquisa foi avaliar o perfil térmico da carga do caminhão durante o transporte de pintos de um dia. A pesquisa foi realizada em uma integradora comercial de frangos de corte, em Mogi- Mirim - São Paulo, por meio do acompanhamento de 11 carregamentos em duas estações do ano (primavera e verão). Foi utilizado um caminhão climatizado do tipo baú, modelo Constellation 26-370 tractor da Volkswagen, apresentando as dimensões de 8 x 2,5 x 2,5 m, com dois eixo, com capacidade para 630 caixas de pintos. A temperatura interna, ventilação e umidade eram controladas por sensores e a umidificação no interior da carga era feita por umidificador centrífugo. O controle térmico era programado para seguintes condições: temperatura entre 23 - 25 °C, umidade relativa entre 60 - 70%. O sistema de climatização era localizado na frente da carroceria do caminhão. A avaliação do ambiente térmico do baú foi realizada em intervalos de 10 minutos por meio do registro de temperatura (°C), umidade relativa (%) e entalpia específica (kJ.kg de ar seco-1). Os dados foram registrados em dois níveis de posicionamento da carga (primeira prateleira e piso) de 14 caixas de pintos identificadas com etiquetas e distribuídas ao longo do perfil da carroceria do caminhão. Também foram distribuídos três dataloggers no corredor da carroceria, totalizando 17 dataloggers. Para cada carregamento de pintos de um dia foi utilizado uma distribuição de dataloggers diferenciada, conforme a distribuição dos lotes estabelecidos pela empresa. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente aleatorizado, sendo também realizada a análise da geoestatística (krigagem). Com os resultados, observou-se que existem variações microclimáticas ao longo do perfil térmico da carroceria. As condições microclimáticas do caminhão climatizado de pintos estiveram abaixo das faixas ideais. Para cada estação do ano existem regiões críticas na carga, sendo que o verão foi o período mais quente para o transporte de pintos. O nível de posicionamento das caixas na primeira prateleira apresentou as melhores condições de conforto térmico durante o transporte. As piores regiões do baú climatizado para o transporte de pintos foram localizadas na frente e no centro do baú.
Título em inglês
Pre-gate environment: Thermal profile assessment of truck transportation for broiler chicks
Palavras-chave em inglês
Animal transport
Day-old chicken
Live transport
Poultry Production
Thermal comfort
Trucks
Resumo em inglês
Information related to logistics of live load in Brazil is scarce and low level of standardization is observed in the poultry sector in terms of animal thermal comfort and well-being. For that reason, the aim of this research was to evaluate the thermal profile of a refrigerated trunk truck during transportation of day-old chicks. This research was performed in one of the commercial production of broiler chickens in Mogi Mirim city, in São Paulo State. Eleven loads were analyzed in two different seasons (spring and summer). A two-axle refrigerated trunk truck Constellation model, Tractor Volkswagen 26-370 with dimensions 8.0 x 2.5 x 2.5 m was used to transport 630 boxes of chicks. The internal temperature, ventilation, and humidity were controlled by sensors in which the humidity was done by a centrifugal humidifier. The thermal control was programmed for the following conditions: temperature between 23-25 °C and relative humidity between 60-70%. The refrigeration systems were located in front of the truck bodies. The assessment of the thermal atmosphere of the trunk was performed in a ten-minute-interval using a temperature record (°C), relative humidity (%), and specific enthalpy (h; kJ.kg of dry air-1). Data was recorded in two different level positions (first shelf and bottom of the trunk) in fourteen labeled boxes of chicks distributed all the way the trunk. Also, three dataloggers were set in the hall of the trunk totalizing seventeen dataloggers. A differentiated distribution of dataloggers was done for each day-old chick load according to the batches determined by the company. A randomized design was used and the statistical analysis was performed by geostatistics modeling (Kriging). Moreover, the results showed microclimatic variances in the thermal profile of the trunk. Thus, it was possible to verify that the thermal profile inside of the refrigerated trunk for day-old chicks was deficient and lower than the optimum range. Each season presented critical regions in the load, in which summer was the hottest period for the transportation. The position level of the boxes in the first shelf presented better thermal conditions during transportation, and the worst regions were located in front and in the middle of the trunk.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-05-20
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • RODRIGUES, Valéria Cristina, et al. Instalações avícolas do estado de São Paulo Brasil: os principais pontos críticos quanto ao bem estar e conforto térmico animal. Thesis (São Paulo. Online) [online], 2009, vol. V, p. 24-30. Dispon?vel em: http://www.cantareira.br/thesis2/atual/iran_iintalacoes_final_12.pdf.
  • Santos, Carolina de Castro, et al. Sarcoplasmatic and myofibrillar protein changes caused by acute heat stress in broiler chicken [doi:10.1590/S0103-90162008000500002]. Scientia Agricola [online], 2008, vol. 65, p. 453-458.
  • RISI, Natália, et al. Pontos críticos: Bem estar e conforto térmico nas instalações avícolas do estado de São Paulo. In ZOOTEC 2009, Águas de Lindóia, SP., 2009. Anais do Zootec 2009.Pirassununga. : FZEA/USP, 2009. Resumo.
  • RODRIGUES, Valéria Carvalho, et al. Instalaçoes avícolas do Estado de São Paulo - Brasil: o sprincipais pontos críticos quanto ao bem estar e conforto térmico animal. In Congresso de Zootecnia, VIII - ZOOTEC'09., Vila Real, Portugal., 2009. Livro de Comunicações do XVIII Congresso de Zootecnia.Vila Real, Portugal : APEZ, 2009. Resumo. Dispon?vel em: http://www.apez.pt.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.