• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-182302
Documento
Autor
Nome completo
Angélica Signor Mendes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2005
Orientador
Título em português
Efeito do manejo da ventilação natural no ambiente de salas de maternidade para suínos
Palavras-chave em português
CONFINAMENTO ANIMAL
CONFORTO TÉRMICO
LEITÕES
MATERNIDADE ANIMAL
MATRIZES SUÍNAS
VENTILAÇÃO
Resumo em português
Uma das variáveis climáticas que exerce forte influência no ambiente térmico (umidade relativa e temperatura), higiênico (gases, odores e renovação de oxigênio) e nas respostas fisiológicas e zootécnicas dos animais confinados em uma instalação é a ventilação. Assim, considerando a necessidade de proporcionar aos leitões e as matrizes um ambiente térmico adequado, o trabalho realizado teve como objetivo geral avaliar o efeito da ventilação natural no ambiente térmico de salas de maternidade para suínos, através de mudanças microclimáticas induzidas por diferentes aberturas para entrada de ar. E, como objetivos específicos: 1) Mapear as variáveis climáticas resultantes (temperatura, velocidade do ar e umidade relativa) de diferentes aberturas para entrada de ar em salas de maternidade para suínos; 2) Avaliar o efeito da ventilação natural em escamoteadores equipados por dois tipos de fontes de aquecimento: piso térmico e lâmpada incandescente; e 3) Mensurar a variação das temperaturas de pele de matrizes e leitões em função das diferentes aberturas para entrada de ar. A pesquisa foi desenvolvida na sala da maternidade da Granja Querência, propriedade cuja principal atividade é a produção industrial de suínos, localizada no município de Elias Fausto, SP. Estudaram-se e mensuraram-se alterações nas seguintes variáveis: umidade relativa, temperatura de bulbo seco e velocidade do ar no interior do galpão; temperatura de bulbo seco, umidade relativa e temperatura superficial do piso de escamoteadores equipados com diferentes fontes de aquecimento: lâmpadas incandescentes e pisos térmicos; e temperatura de pele das matrizes e leitões, sob três condições distintas de manejo da ventilação natural: cortina totalmente aberta (A), semi-aberta (AF) e totalmente fechada (F). Na análise da velocidade do vento no interior da sala de maternidade encontrou-se que a altura de 1,0 m acima do piso apresentou significativamente a menor média de velocidade do vento quando comparada com as alturas 2,0 e 3,0 m. Houve diferença significativa da velocidade do vento entre os manejos da cortina (A) e (AF) com o manejo (F) e, também, entre os pontos de coleta da velocidade do vento. A distribuição da temperatura ao longo dos pisos dos escamoteadores aquecidos por lâmpadas apresentou uma maior variação espacial do que para os pisos dos escamoteadores aquecidos por pisos térmicos e ambos sofreram influência significativa da temperatura ambiente. Analisando o efeito dos manejos da cortina na temperatura no interior da sala observou-se que o manejo (F) produziu as maiores médias de temperatura e as menores médias de umidade relativa. Quanto à temperatura de pele das matrizes observou-se que as condições de manejo da cortina (F) e (AF) provocaram as maiores médias de temperatura. Já para os leitões, observaram-se sempre maiores médias de temperatura de pele em comparação com as matrizes, porém sem sofrer influência significativa dos manejes da cortina. Concluiu-se que os diferentes manejos da cortina em salas de maternidade para produção intensiva de suínos influenciaram significativamente o ambiente térmico resultante, afetando a distribuição da temperatura, umidade relativa e velocidade do vento no interior da sala de maternidade, a distribuição da temperatura de superfície dos pisos dos escamoteadores aquecidos por pisos térmicos e lâmpadas incandescentes e a temperatura de pele das matrizes.

Título em inglês
Natural ventilation management effect in sow's nursing housing
Resumo em inglês
One of the variables that have strong influence in the final thermal environment (relative humidity and ambient temperature); hygiene (gases, odors and oxygen renovation); and in the productive response of confined animal's is the ventilation. Considering the need to offer the piglets and female breeder adequate environment the research had the aim of evaluating the effect of natural ventilation in the thermal ambient of nursing sows room, through internal microclimate modifications induced by distinct air openings. The specific objectives are: 1) to map resulting climatic variables (temperature, wind speed and relative humidity) of distinct air openings inside nursing sows rooms; 2) to evaluate the effect of natural ventilation in creep zone using two distinct heat sources: heat mat and use of incandescent lamp; 3) to measure the sows and piglets skin temperature variation as function of the distinct openings. The research was developed in the sows nursing room of Querência farm which the main activity is swine industrial production, and is located at Elias Fausto County, São Paulo state. Inside environment variations (relative humidity, dry bulb temperature and wind speed inside the room; dry bulb temperature, relative humidity and creep floor surface temperature with distinct floor heat source: heat mat and incandescent lamp; and skin temperature of sows and piglets) were measured and their effect induced by distinct openings: totally open curtain (A); semi-open curtain (AF); and totally open (F) were studied. It was found that at a height of 1.0 m above the sows nursing room's floor the wind speed presented the smallest significant value when compared to 2.0m and 3.0m height. It was found that the wind speed values were significantly scattered distributed around the room. There was significant difference between the wind speed values related to managements A and AF, when compared to management F. Analyzing the creep floor temperature it was found significant difference between the managements used for the cooler days and the one used for the warmers days. The temperature distribution along the incandescent lamp heated creep floors presented higher spatial variation when compared to heat mat flooring. Analyzing the curtain management effect on the room temperature it was observed that the F management produced the highest average temperature as well the smallest relative humidity values. Regarding the sows skin temperature it was found that the curtain management F and AF led to highest average temperature values. For the piglets it was observed that higher skin temperature was found when comparing to the sows, however having direct influence of the curtain management. It was concluded that the curtain management in sows nursing room in industrial swine production influenced significantly the resulting thermal environment affecting the temperature distribution, as well as the relative humidity and wind speed. It also influenced the distribution of the heated creep floor surface temperature and the sows skin temperature.

 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.