• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
André da Cunha Bastos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bacchi, Mirian Rumenos Piedade (Presidente)
Cunha, Lilian Maluf de Lima
Maistro, Marta Cristina Marjotta
Moraes, Márcia Azanha Ferraz Dias de
Título em português
Dinâmica espacial e análise de sobrevivência no setor sucroenergético do Brasil: 2001 - 2016
Palavras-chave em português
Análise de sobrevivência
Cana de açúcar
Econometria espacial
Estrutura de mercado.
Resumo em português
O setor sucroenergético do Brasil encarou uma década de expansão da produção, seguida por um período de retração das atividades. Neste período, 80 usinas e destilarias deixaram de operar por motivo de falência das empresas ou decisões operacionais dos grupos controladores. A cana de açúcar possui características biológicas que determinam a necessidade de processamento industrial em poucas horas após a atividade de colheita, sob pena de grande perda de teor de sacarose. Essa questão tecnológica determina que a organização espacial da produção de açúcar e etanol seja preferencialmente realizada dentro de um raio geográfico reduzido em relação aos canaviais. O objetivo desta tese é analisar se as recentes paralisações e falências no setor sucroenergético do Brasil foram influenciadas pelas condições operacionais dos mercados regionais de cana de açúcar, assim como identificar os principais determinantes dos eventos de paralisação das atividades das usinas e destilarias entre 2001 e 2016. Indicadores de estrutura de mercado e concentração espacial são desenvolvidos e discutidos com base no conceito de mercado antitruste usado pelas principais agências de defesa da concorrência. A descrição da estrutura de mercado e a intensidade dos eventos de desligamento e falência em cada região são avaliados considerando a existência de múltiplas unidades de processamento que são de propriedade de uma mesma empresa em cada região. Os resultados indicam que a concentração e a disputa pela cana de açúcar como insumo por usinas localizadas próximas umas das outras estão espacialmente associadas aos eventos de falência e desligamento. No entanto, a análise de sobrevivência indica que o aumento do número de concorrentes demandando este insumo e a expansão do processamento de cana de açúcar no raio geográfico de colheita viável não foram fatores que contribuíram isoladamente para as falências e interrupções. Estes eventos foram menos frequentes entre as unidades industriais cuja empresa controladora conta com investidores estrangeiros na estrutura de capital e nos casos em que uma parcela mais alta dos insumos é obtida por meio de uma estrutura verticalmente integrada.
Título em inglês
Spatial dynamics and survival analysis on the Brazilian sugar and ethanol industry: 2001 - 2016
Palavras-chave em inglês
Market structure.
Spatial econometrics
Sugarcane
Survival analysis
Resumo em inglês
Brazil's sugar and ethanol industry faced a decade of expansion of production, followed by a period of retraction of activities. During this period, 80 mills and distilleries ceased to operate due to corporate bankruptcy or operational decisions of the controlling groups. Sugarcane has biological characteristics that determine the need for industrial processing in a few hours after harvesting, under penalty of great loss of sucrose content. This technological issue determines that the spatial organization of sugar and ethanol production is preferably carried out within a reduced geographic radius in relation to sugar cane fields. The objective of this thesis is to analyze if the recent shutdowns and bankruptcies in the Brazilian sugarcane industry were influenced by the operational conditions of the regional sugarcane markets, as well as to identify the main determinants of stoppage events of the maills and distilleries between 2001 and 2016. Indicators of market structure and spatial concentration are developed and discussed based on the concept of the antitrust market used by the major antitrust agencies. The description of the market structure and the intensity of the shutdown and bankruptcy events in each region are evaluated considering the existence of multiple processing units that are owned by the same company in each region. The results indicate that the concentration and the dispute for sugarcane as an input by plants located close to each other are spatially associated with the events of bankruptcy and shutdown. However, the survival analysis indicates that the increase in the number of competitors demanding this input and the expansion of sugarcane processing in the viable crop geographical radius were not factors that contributed in isolation to bankruptcies and interruptions. These events were less frequent among industrial units whose parent company relies on foreign investors in the capital structure and where a higher share of inputs are obtained through a vertically integrated structure.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.