• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2017.tde-06012017-105334
Documento
Autor
Nome completo
Renato Harbs
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2016
Orientador
Banca examinadora
Bacchi, Mirian Rumenos Piedade (Presidente)
Adami, Andreia Cristina de Oliveira
Alves, Alex da Silva
Título em português
Opção de adiamento aplicada à avaliação de projetos de produção canavieira em Goiatuba/GO, Maracaju/MS e Uberaba/MG
Palavras-chave em português
Análise de opções reais
Avaliação de projetos
Cana-de-açúcar
Simulação de Monte Carlo
Resumo em português
A crise financeira mundial de 2008 associada a fatores intrínsecos adversos afetou fortemente o setor sucroalcooleiro nacional, até então em franca expansão. Ainda que em um momento desfavorável, prevê-se, para um futuro próximo, a retomada dos investimentos no setor, em virtude do aumento da demanda, tanto interna quanto externa, de açúcar e etanol. Nesse contexto, o objetivo do trabalho é avaliar o valor da opção de adiamento, através da análise de opções reais, em projetos de produção de cana-de-açúcar em regiões de grande aptidão à expansão da cultura canavieira: Goiatuba/GO, Maracaju/MS e Uberaba/MG. Os resultados indicam que, sob a ótica da avaliação tradicional de projetos, os três projetos de produção de cana-de-açúcar mostram-se inviáveis, com VPLs de -R$ 4.726.546,86 em Goiatuba/GO, -R$ 3.251.006,50 em Maracaju/MS, enquanto em Uberaba/MG o resultado foi negativo em R$ 3.918.210,03. Através de uma análise de sensibilidade, detecta-se que, para as três regiões, as principais variáveis sujeitas a risco, consideradas no estudo, a afetar o resultado dos projetos são: produtividade, quantidade de ATR e preço de ATR. Essas variáveis são utilizadas para, através da Simulação de Monte Carlo, auferir os desvios-padrão dos retornos dos VPLs de cada projeto, a partir dos quais são calculados os parâmetros para construção de modelo binomial utilizado para valorar a opção de adiamento. Os valores apurados da opção de adiamento para cada região são de R$ 12.774.411,36 para Goiatuba/GO, R$ 2.514.292,71 para Maracaju/MS e R$ 76.086,52 para Uberaba/MG. Quando somados os valores da opção para cada região aos seus respectivos VPLs são apurados os VPLs expandidos: R$ 8.047.864,50 para Goiatuba/GO, R$ -736.713,79 para Maracaju/MS e R$ -3.842.123,50 em Uberaba/MG. Ademais, são definidos os pontos de inflexão das variáveis sujeitas a risco consideradas no trabalho para critério de rejeição dos projetos, tanto na avaliação tradicional de projetos quanto na avaliação a partir das opções reais. Os resultados indicam que a análise de opções reais como critério para rejeição de projetos tende a ser mais maleável em relação às variáveis sujeitas a risco quando comparada à avaliação tradicional de projetos, admitindo menores valores de produtividade, quantidade de ATR e preço do ATR, bem como suportando maiores preços de terra e de custos com corte, carregamento e transporte (CCT) de cana. Não obstante, os VPLs expandidos apontam que o projeto de Goiatuba/GO não deve ser rejeitado, mantendo-se como uma opção de investimento futuro; quanto a Maracaju/MS, a consideração da opção de adiamento na avaliação de projetos não foi suficiente, por si só, para reverter o resultado negativo do VPL tradicional; contudo, pequenos incrementos em variáveis de risco intrínsecas à atividade poderiam tornar o VPL expandido superior a zero, viabilizando o projeto como opção futura de investimento. No caso de Uberaba/MG, o baixo valor da opção de adiamento associado ao já deprimido VPL tradicional leva à rejeição do projeto como opção de investimento futuro.
Título em inglês
Deferred option applied to the evaluation of projects of sugarcane production in Goiatuba (Goiás), Maracaju (Mato Grosso do Sul) and Uberaba (Minas Gerais)
Palavras-chave em inglês
Monte Carlo simulation
Projects' evaluation
Real options analysis
Sugarcane
Resumo em inglês
The global financial crisis in 2008 associated to adverse intrinsic aspects affected significantly the sugarcane sector in Brazil, which was expanding notably until that time. Even though it is in an unfavorable moment, it is forecasted, in a near future, the rebound of investments in the sector, due to the increase of both domestic and international demands for sugar and ethanol. In this scenario, the objective of this study is to evaluate the value of the deferred option, through the analysis of real options, in projects of sugarcane production in regions that have great ability to expand the sugarcane production in Brazil: Goiatuba (Goiás), Maracaju (Mato Grosso do Sul) and Uberaba (Minas Gerais). The results indicate that, regarding the perspective of the traditional evaluation of projects, the three projects of sugarcane production are not viable, with NPVs of -4,726,546.86 reais (Brazilian currency) in Goiatuba (Goiás State), -3,251,006.50 reais in Maracaju (Mato Grosso do Sul State) and - 3,918,210.03 reais in Uberaba (Minas Gerais State). Through a sensitivity analysis, it was discovered that, for the three regions, the major variables subject to risk considered in the study that can affect the results of the projects are: productivity, quantity of TRS (Total Recoverable Sugar) and TRS price. These variables are used to, through the Monte Carlo Simulation, detect the standard deviations of the NPVs' returns of each project, from which the parameters to construct a binomial model used to value the deferred option are calculated. The values for the deferral option in each region are 12,774,411.36 reais in Goiatuba, 2,514,292.71 reais in Maracaju and 76,086.52 reais in Uberaba. When the option values in each region are added to their respective NPVs, the result is the expanded NPVs: 8,047,864.50 reais in Goiatuba, 736,713.79 reais in Maracaju and -3,842,123.50 reais in Uberaba. Moreover, the inflection points of variables subject to risk considered in the study are defined for both the traditional projects' evaluation and the evaluation from real options. The results indicate that the analysis of real options as a standard to reject projects tends to be more flexible regarding variables subject to risk when compared to the traditional evaluation of projects, admitting lower values of productivity, TRS amount and TRS price, and accepting higher land prices and costs with cutting, loading and transportation of sugarcane. Nevertheless, expanded NPVs indicate that the project in Goiatuba must not be rejected, continuing as an option of future investment; as for Maracaju, considering the deferred option in the project's evaluation was not enough, on its own, to revert the negative result of the traditional NPV; however, slight increases in risk variables intrinsic to the activity could make the expanded NPV higher than zero, enabling the project as a future investment option. Concerning Uberaba, the low value of the deferred option associated to the already reduced traditional NPV takes to the rejection of the project as a future investment option.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-02-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.