• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
José Eduardo Nogueira Camargo Netto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1997
Orientador
Título em português
Distribuição de renda e mercado interno no Brasil
Palavras-chave em português
DISTRIBUIÇÃO DE RENDA
MERCADO INTERNO
Resumo em português
O presente trabalho tem como proposta estudar as inter-relações entre distribuição de renda e mercado interno no Brasil. Para tal, optou-se por verificar qual seria o comportamento de variações macroeconômicas, especialmente inflação, consumo e investimentos, caso seja implementada uma política de re-distribuição de renda que beneficie os estratos mais pobres da população. A fim de estudar esse tema central com maior profundidade e conhecimento, analisa-se a distribuição de renda nos seus aspectos funcional e pessoal. O primeiro é uma contribuição a esse tema que ainda é pouco explorado na literatura econômica nacional. A repartição da renda nacional entre lucros (incluindo outras rendas que não o salário) e salários no Brasil não é tão desfavorável aos salários como se tem veiculado em algumas publicações nos últimos anos. Embora em comparações internacionais ainda seja baixa essa participação, a explicação rígida nas particularidades da economia brasileira quais sejam alta proporção das atividades informais e maior peso da produção primária no produto total. O enfoque pessoal resgata o comportamento da distribuição de renda no Brasil desde 1960, a partir de quando se tem dados do IBGE sobre renda. Mostra-se que a despeito das altas taxas de crescimento do produto entre 1960 e 1980 a desigualdade cresceu insistentemente até 1990, apenas excetuando-se rápidos períodos dentro desse intervalo maior. Relativamente à discussão das inter-relações entre distribuição de renda e mercado interno, está subjacente a proposta de retomada do crescimento sustentado através da distribuição dos rendimentos em favor das camadas menos favorecidas da distribuição. O capítulo dedica parte ao desenvolvimento teórico do assunto, orientado pelas idéias do economista polonês Michal Kalecki. Através da utilização de um modelo baseado em oligopólios, chega-se ao resultado de que uma transferência de renda dos lucros para os salários provoca três desdobramentos principais: aumento do emprego, da produção e dos lucros totais. Outra discussão importante é o estudo do comportamento de variáveis políticas e sua relação com o crescimento e a distribuição de renda. Finalizando, são estudadas três propostas de caráter redistributivo; reforma agrária, investimentos em educação e programas de renda mínima. Verifica-se que, caso haja o aporte prévio de recursos, não há restrições quanto ao comportamento da inflação. Em sintonia com o referencial teórico, estimular-se-ia em maior proporção a produção de bens populares, sobre os quais recairia com maior força o aumento da demanda.
Título em inglês
Income distribution and the internal market in Brazil
Resumo em inglês
The objective of this Dissertation is to provide an analysis based on the interrelation between income distribution and the Brazilian domestic market. With such a view, an analysis will be conducted in order to understand the behavior of macroeconomic variables, specially inflation, consumption, and investiments, should an income redistribution policy be implemented, so as to bring benefit to the lower income segment of the population. Seeking to thoroughly understand this central theme, the analysis on income distribution will be based on both functional and personal aspects. The first represents a contribution to this subject matter, which finds little background on economic literature in Brazil. The distribution of the national income between profits (including other income, except salary), and salaries in Brazil is not as unfavorable to salaries, as widely mentioned on certain publications in recent years. Such participation is rather low when compared to international standards. The reason relies on the peculiarities of the Brazilian economy, which includes a significant proportion of informal activities and a greater share of the primary sector on the total output. The second (personal aspect) brings to analysis the behavior of income distribution in the country starting in 1960, since which data on income is available from IBGE. It is shown that, despite the high rates of growth on production in the period 1960-1980, the inequalities raised consistently until 1990, with few short duration exceptions. With respect to the discussion on the interrelation between income distribution and the internal market, it should be noted that the underlying aspect is based on the return to sustained growth, through the redistribution of income to lower level income families. The chapter is partially dedicated to the theoretical development of the subject, based on the ideas of the Polish economist Michal Kalecki. Through the use of a model based on oligopolies, one comes to the conclusion that a transfer of income from profits to salaries results in three major consequences: (1) higher employment rate; (2) higher production; and (3) higher total profits. Another important issue is the analysis of the behavior of political variables ano its relationship to growth and income distribution. In sum, it will analyzed three proposals with a redistribution nature: land reform, investments on education, and minimum wage programs. It was found that should there be a prior allocation of resources, there should be no restriction to changes in inflation. Based on a theoretical referential, production of basic goods could be further strengthened, and a stronger demand could be expected.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.