• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-112303
Documento
Autor
Nome completo
Clóvis Oliveira de Almeida
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1998
Orientador
Título em português
Taxa de câmbio e determinantes da balança comercial de produtos agrícolas e agroindustriais do Brasil: 1961 a 1995
Palavras-chave em português
BALANÇA COMERCIAL
INDÚSTRIA AGRÍCOLA
PRODUTOS AGRÍCOLAS
TAXA DE CÂMBIO
Resumo em português
O presente trabalho examina os efeitos, a longo e curto prazos, das variações na taxa de câmbio e em outras variáveis macroeconômicas sobre o saldo da balança comercial de produtos agrícolas e agroindustriais do Brasil, que representam a maior fonte de superávits comerciais gerados no período analisado (1961 a 1995). Para tanto, a análise de co-integração e o mecanismo de correção de erros são utilizados. Os estudos realizados até então analisam, com base em técnicas econométricas tradicionais, o efeito da taxa de câmbio sobre as transações externas com produtos específicos ou grupo de produtos agrícolas, mas não sobre o saldo comercial de produtos agrícolas e agroindustriais (também denominado de saldo comercial agrícola total). O objetivo da política cambial é afetar o saldo total do comércio. A importância de se avaliar o impacto sobre as transações externas com um produto ou grupo de amostras diminui à medida que se tem conhecimento de que a direção da política cambial não muda em função de um ou outro produto, a menos que o mesmo detenha uma parcela dominante de geração de divisas do país. A curto prazo, as variáveis mais relevantes para explicar as variações diretas observadas no saldo da balança comercial agrícola total são (do ponto de vista estatístico) renda interna, defasada de um período; renda externa, no período corrente; termos de troca, com uma defasagem; e, o termo de correção de erros (os desvios em relação ao equilíbrio de longo prazo). A taxa de câmbio efetiva real, no período corrente, também apresenta efeito positivo sobre o saldo da balança agrícola total (coerente com o esperado), mas tal efeito não teve bom nível de significância estatística. A longo prazo, as desvalorizações da moeda doméstica exercem maior efeito sobre a competitividade externa dos setores agrícola e agroindustrial (aqui entendida como a capacidade de os setores gerarem superávits comerciais) do que às demais variáveis consideradas: renda interna, renda externa e termos de troca. Finalmente, os resultados da pesquisa revelam ainda que não se pode ignorar a expressiva contribuição dos setores agrícolas e agroindustriais ao processo de ajustamento da balança comercial do Brasil. Esses setores foram as maiores fontes de superávits comerciais gerados no período em análise, permitindo, em vários anos, compensar o déficit comercial com produtos não agrícolas ou, pelo menos, diminuir seu grande impacto negativo sobre o saldo da balança comercial total do Brasil
Título em inglês
Exchange rate and trade balance determinants for agricultural and agro-industrial products in Brazil: 1961 - 1995
Resumo em inglês
The present paper examines the long and short term effects of variations in the exchange rate and other macroeconomic variables on the trade balance of agricultural and agro-industrial products in Brazil. These products represent the greatest source of trade surpluses generated during the period analysed (from 1961 to 1995). The relations among variables are estimated using cointegration and the mechanism of error-correction. The studies carried out up until now, based on traditional econometric methods, analyse the effect of exchange rates on external transactions with specific products or group of agricultural products, but not on the trade balance of agricultural and agro-industrial products (also denominated the total agricultural trade balance). The purpose of the exchange policy is to affect the total trade balance. The importance of evaluating the impact on foreign transactions with a product or group of products diminishes as one knows that the direction of the exchange policy does not change because of one or other product, unless it plays a dominant part in the generating the country's foreign exchange. ln the short run, the most relevant variables "explaining" the variations observed in the balance of the total agricultural trade balance are (from a statistical point of view): domestic income, lagged for a period; foreing income, in the current period; lagged terms of trade; and, the error-correction term (deviations in relation to long term equilibrium). The real effective exchange rate in the current period also shows a positive effect on the total agricultural trade balance (as was expected), but such effect did not have a good level of statistical significance. In the long run, domestic currency devaluations had a greater effect on external competitivity of agricultural and agro-industrial sectors (here understood as being the capacity of the sectors generating trade surpluses) than the other variables considered (domestic income, foreign income and terms of trade). Finally, the results of the research furthermore reveal that the expressive contribution of agricultural and agro-industrial sectors on the process of ajusting Brazil's trade balance cannot be ignored. These sectors where the greatest sources of trade surplusses generated in the period analysed, which for several years permitted compensating the trade deficit with non agricultural products, or at least, diminishing their great negative impact on Brazil's total trade balance.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.