• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2020.tde-20200111-150739
Documento
Autor
Nombre completo
Suely de Fatima Ramos Silveira
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 2000
Director
Título en portugués
Inter-relações econômicas dos Estados na Bacia do Rio São Francisco: uma análise de insumo - produto
Palabras clave en portugués
BACIA DO RIO SÃO FRANCISCO
COMÉRCIO
ECONOMIA REGIONAL
INSUMO-PRODUTO
RELAÇÕES INDUSTRIAIS
USO DA ÁGUA
Resumen en portugués
Esta pesquisa procurou analisar as relações interindustriais, a capacidade de indução das demandas finais ao crescimento e as relações de comércio das economias dos estados na bacia hidrográfica do rio São Francisco. Também associou à tradicional matriz de insumos do sistema econômico, uma matriz considerando o recurso água e, a partir desta, estimou os coeficientes de uso da água e calculou os multiplicadores. Para atender a esses propósitos, foi construído um modelo inter-regional de insumo-produto para a região da bacia do São Francisco, para o ano de 1995, considerando-se as economias dos estados de Minas Gerais, Bahia e Pernambuco. Por meio dos instrumentais analíticos da teoria de insumo-produto, foi possível estimar os índices de ligações de Rasmussen (1956) e Hirschman (1958), o campo de influência, os índices puros e a obtenção das matrizes de intensidade, que possibilitaram a caracterização de importantes aspectos da estrutura produtiva inter-regional. O modelo GHS permitiu identificar e avaliar a importância de cada região na produção induzida pelas demandas finais regionais e setoriais. Foram analisadas as interações sinergéticas entre as regiões do sistema com base na metodologia desenvolvida por Sonis, Hewings e Miyazawa (1997) e expandida para o caso de n regiões por Guilhoto (1999). O modelo permitiu constatar que as estruturas das economias das regiões de Minas Gerais, Bahia e Pernambuco apresentaram diferenças significativas. Minas Gerais apresenta uma estrutura industrial mais interligada, com predominância do setor Siderurgia e Metalurgia. A Bahia, na qual se destaca a Indústria Química, exibe uma estrutura industrial menos interligada que a de Minas Gerais. A economia da região de Pernambuco, na qual se sobressaem os setores do grupo dos Serviços, é a que apresenta a estrutura menos interligada do sistema inter-regional do São Francisco. As relações de comércio entre essas três economias são fracas. As maiores interações ocorrem com a economia de Minas Gerais, no entanto, as mais importantes aparecem entre as três regiões da bacia do São Francisco e o Resto do Brasil. Ao se avaliar os usos da água, segundo as inter-relações setoriais das economias do sistema inter-regional (considerando-se Minas Gerais, Bahia e Pernambuco), verificou-se, por meio da estimativa dos multiplicadores, que os volumes consumidos no sistema são muito maiores do que os estimados quando se considera um setor da economia isoladamente. Essas relações proporcionam uma visualização das interações dos usos do recurso água, na economia inter-regional, e das proporções em que esse insumo deve ser ofertado caso ocorra uma expansão da atividade econômica na região
Título en inglés
Economic interrelations among the States of the São Francisco River Basin, Brazil: an input-output analysis
Resumen en inglés
Through the use of input-output techniques this study makes an analysis of the economic interrelations among the states the São Francisco River Basin. Going a step further, it is also constructed an input-output system that takes into account the use of the water resources from the basin. The base year of the analysis is 1995 and the states taken into consideration are: Minas Gerais, Bahia and Pernambuco. The main analytical tools used in this work refers to the linkage indices of Rasmussen (1956) and Hirschman (1958), the field of influence, the pure linkages indices and the intensity matrix (alI described in the text). They made possible to study the interregional productive structure. The identification and evaluation of the importance of each state in the induced production by the regional and sectoral final demands is done through the use of the GHS approach. The synergetic interactions among the regions were analyzed based on the methodology originally developed by Sonis, Hewings and Miyazawa (1997) for 2 regions and expanded to the n regions case by Guilhoto (1999). The results show that the economic structures of Minas Gerais, Bahia and Pernambuco have significant differences. Minas Gerais shows to have the more complex productive structure, and in special the sector of Metal Products plays a special role in the economy. Bahia shows an economic structure with fewer links than Minas Gerais, with a predominance of the Chemicals sector. Of the three states economies, Pernambuco shows to be the less developed one with the predominance of the Service sector. The trade relations among the three economies shows to be weak, with the three states having a greater economic relation with the Rest of Brazil than among themselves. Using the water use input-output system it was possible to study how the water is used by the sectors and how the interrelation among the states and the sectors do affect the use of the water from the São Francisco River Basin. These relations provide a visualization of the interactions of the uses of the resource water in interregional economy and of the measure this input should be offered in case of growth of economic activity in the regions
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-01-11
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.