• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2010.tde-24052010-163008
Documento
Autor
Nome completo
Gustavo Inácio de Moraes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2010
Orientador
Banca examinadora
Ferreira Filho, Joaquim Bento de Souza (Presidente)
Assad, Eduardo Delgado
Bartholomeu, Daniela Bacchi
Domingues, Edson Paulo
Spolador, Humberto Francisco Silva
Título em português
Efeitos econômicos de cenários de mudança climática na agricultura brasileira: um exercício a partir de um modelo de equilíbrio geral computável
Palavras-chave em português
Agricultura - impactos econômicos
Mudança climática
Resumo em português
A expectativa de alterações climáticas é especialmente importante para o setor agropecuário, uma vez que se trata de atividade que possui dependência dos ciclos naturais. O objetivo desta tese é avaliar impactos econômicos de cenários de mudança climática para a agricultura brasileira. Efeitos sobre áreas aptas de oito culturas (feijão, milho, soja, algodão, arroz, cana de açúcar, mandioca e café) são avaliados através de um modelo de equilíbrio geral computável, o The Enormous Regional Model for Brazil - TERM-BR, e cenários disponibilizados pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA, baseados no Painel Intergovernamental para a Mudança Climática - IPCC. Dois cenários são simulados com horizontes distintos, um para 2020 desconsiderando mudanças sociais e econômicas (2020/A2) e outro para 2070 com adaptações sociais e econômicas, nas projeções do IPCC (2070/B2). Para 2020/A2 os efeitos negativos concentram-se nas regiões Nordeste, conseqüência do clima semi-árido e perfil produtivo da região, além dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, resultado de impactos sobre a área apta para o produto soja. Em oposição, neste cenário, a região Sudeste beneficia-se, pois o produto cana de açúcar observa aumentos de rendimento sob aquecimento climático brando. O resultado líquido aponta para uma pequena redução da atividade econômica (PIB), elevação de preços de gêneros alimentícios e deslocamentos regionais da mão de obra, do Nordeste e Centro Oeste para as demais regiões. Para o segundo cenário, 2070/B2, novamente o Nordeste e o Centro Oeste são as regiões mais afetadas. Porém, os ganhos para a atividade econômica da região Sudeste são menores, uma vez que o efeito benéfico sobre a cana de açúcar desaparece em cenários mais severos de mudança climática. Como conseqüência, há um declínio nacional da atividade econômica superior ao cenário anterior. Naquilo que diz respeito ao mercado de trabalho permanecem as tendências de migração da mão de obra das regiões Nordeste e Centro Oeste para as demais regiões. Contudo, esta migração concentrase, proporcionalmente, nos estratos mais qualificados do mercado de trabalho. A mudança climática, na ausência de medidas de adaptação e mitigação mais intensas pode representar um risco para regiões historicamente subdesenvolvidas ou de desenvolvimento recente. Em especial, demonstra-se que os impactos econômicos no território brasileiro são heterogêneos entre as grandes regiões e os estados que o compõem.
Título em inglês
Economic effects of climate change´s scenarios in Brazilian agriculture: an exercise from a computable general equilibrium model
Palavras-chave em inglês
Agriculture Economic impacts
Climate Change.
Resumo em inglês
The outlook of climate change is especially important for the farming sector, an economic activity where connection with natural cycles is strong. The objective of this thesis is to calculate economic impacts in scenarios of climatic change for Brazilian agriculture. Effect on appropriate areas of eight harvests (beans, maize, soy, cotton, rice, sugar cane, cassava and coffee) are evaluated through a model of computable general balance, the TERM-BR, and scenes available from EMBRAPA, based on the IPCC. Two scenarios are simulated with divergent perspectives, one for 2020 disrespecting social and economic changes (2020/A2) and another one for 2070 with social and economic adaptations, in the projections of the IPCC (2070/B2). For 2020/A2 the negative effect are concentrated in the regions Northeast, consequence of the several dry climate and production profile of the region, beyond the states of Mato Grosso and South´s Mato Grosso, outcome of impacts on the appropriate region for the soy. In antagonism, in this simulation, the Southeastern region is benefited; therefore the product sugar cane registers increases of income under soft climatic change scenario. The net result points with respect to a small reduction of the economic activity (GDP), rise of prices of foodstuffs and regional migration of the labor force, from Northeast and Center West for the other regions. For as the scenario, 2070/B2, the Northeast and the Center West are the affected regions also. However, the positive results for the economic activity in the Southeastern region are lesser, outcome of the smaller beneficial shock on the sugar cane in more severe scenarios of climate change. In this sense it has a national decline of the economic activity to the previous simulation. In labor market remain the trends of migration of the labor force from Northeast and Center West regions for the other regions. Nevertheless, this migration is intense, proportionally, in most qualified persons of the labor market. The climate change, in the lack of measures of intense adaptation and mitigation can represent a risk for historically underdeveloped regions or regions of recent development. In special, shows that the economic impacts in the Brazilian territory are heterogeneous between the great regions and the states that compose it.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-06-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.