• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Wesler Luiz Marcelino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2019
Orientador
Banca examinadora
Pascholati, Sergio Florentino (Presidente)
Godoy, Cláudia Vieira
Medeiros, Flávio Henrique Vasconcelos de
Missio, Vivian Carré
Título em português
Potencial da taxtomina parcialmente purificada no controle de Colletotrichum truncatum e reação de cultivar de soja ao patógeno
Palavras-chave em português
Glycine max
Streptomyces scabies
Antracnose da soja
Controle alternative
Resumo em português
A antracnose da soja é uma doença que causa danos na cultura, principalmente na fase vegetativa. Devido aos danos causados pela doença, métodos de controle integrado estão sendo estudados. Um desses métodos é o controle biológico, no qual agentes bióticos ou seus metabólitos são usados para controlar o patógeno. Esses agentes podem atuar diretamente no patógeno ou como indutores de resistência nas plantas e, assim, contribuir para o desenvolvimento de produtos biológicos. A bactéria Streptomyces scabies produz uma toxina que pode induzir resistência em plantas, a taxtomina A. O objetivo desta pesquisa foi avaliar os efeitos diretos e indiretos da taxtomina parcialmente purificada (TPP) no controle de Colletotrichum truncatum (C. truncatum). O efeito direto da TPP na germinação de esporos e no crescimento micelial do fungo foi testado in vitro. Nos testes in vivo foram realizados a padronização do método de inoculação de C. truncatum, a escolha da cultivar a partir da reação de cultivares e o efeito de indutores na resistência sistêmica e local. Análises bioquímicas da atividade da peroxidase (POX) e teor de fenóis livres e ligados também foram conduzidos. Como resultado, observou-se que a TPP autoclavada ou não teve efeito inibitório na germinação de esporos de C. truncatum Por outro lado, a TPP não afetou o crescimento micelial do patógeno. O melhor método para inoculação de C. truncatum em soja foi via micelial, com 72 h de umidade foliar e utilizando-se o isolado CMES 1059. No teste de reação das cultivares, a DS5916IPRO foi uma das cultivares mais suscetíveis dentre as 16 testadas. No tocante a indução de resistência local, as cultivares tratadas com TPP, Bion (Acibenzolar - S - Metil) e o fungicida Priori Xtra® (azostrobina+citroconazol) apresentaram a menor severidade entre os tratamentos testados. Na avaliação da indução de resistência sistêmica, os tratamentos não diferiram (p> 0,05) do controle. As análises bioquímicas também não diferiram. Assim, pode-se concluir que a TPP na dose de 100 μg equivalentes de taxtomina/L é termoestável e tem efeito direto sob a germinação de conídios de C. truncatum. Além disso, a TPP e o ASM têm o potencial de induzir resistência local em plantas de soja contra o patógeno.
Título em inglês
Potencial of parcially purifief thaxtomin in the control of C. truncatum and test reaction of soybean cultivars to the pathogen
Palavras-chave em inglês
Glycine max, Alternative control
Streptomyces scabies
Anthracnose of soybean
Resumo em inglês
The anthracnose of soybean is a disease that causes severe damages in the crop, mainly in the vegetative phase. Due to disease damage, methods of integrated control has been studied. One of these methods is the biological control, in which a biotic agent or its metabolites are used to control a pathogen. These agents can act directly on the pathogen and/or act as resistance inducers in plants and thus contribute to the development of biological products. The bacterium Streptomyces scabies produces a toxin called thaxtomin that can induce resistance in plants. The objective of this research was to evaluate the effects of the partially purified thaxtomin (TPP) on the activation of biochemical defense mechanism in the soybean plants. Thus, the direct effect of TPP on spore germination and mycelial growth was tested in vitro. The in vivo test included standardization of inoculation of C. truncatum, cultivars reaction and the effect of inducers in the systemic and local resistance. Biochemical analyzes of peroxidase activity (POX) and content of free and bound phenols were also performed. It was observed that autoclaved or non-autoclaved TPP exhibited inhibitory effects on the germination of C. truncatum. On the other hand, TPP did not affect the mycelial growth of the pathogen. The best method for inoculation of C. truncatum was by using mycelium, with 72 h of leaf wetness and with the isolate CMES 1059. In the cultivar reaction test, it was determinate that the cultivar DS5916RR was the most susceptible out among the 16 cultivars tested. Regarding local induction resistance, the cultivars treated with TPP, Acibenzolar - S - Methyl (ASM) and fungicide Priori Xtra® exhibited the lowest severity among the treatments tested. In the evaluation of systemic resistance induction, the treatments didn't differ (p> 0.05) of the control. The biochemical analyses also didn't differ among then. Thus, it can be concluded that TPP is thermostable and has direct effect on conidium germination of C. truncatum. Besides that, the TPP and ASM have the potential to induce local resistance in soybean plants against the pathogen.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-07-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.