• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-170039
Documento
Autor
Nome completo
William Mário de Carvalho Nunes
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1994
Orientador
Título em português
Avaliação dos danos causados pela antracnose (Colletotrichum lindemuthianum (Sacc. & Magn.) Scribner) do feijoeiro (Phaseolus vulgaris)
Palavras-chave em português
ANTRACNOSE
DANOS
FEIJÃO
FUNGOS FITOPATOGÊNICOS
Resumo em português
Foram realizados ensaios de campo com a antracnose do feijoeiro (Colletotrichum lindemuthianum em três épocas diferentes de plantio, de março a maio e de junho a setembro de 1993, em Piracicaba-SP, e de abril a junho de 1994, em Maringá-PR, com as linhagens Carioca e Rosinha, com o objetivo de quantificar danos causados por esta doença. A severidade da doença, mensurada através do uso de escalas diagramáticas, não apresentou correlação com os danos no patossistema em estudo, resultado do constatado pela regressão linear entre a área sob a curva de progresso da doença (AUDPC) e a produção. O uso de uma nova abordagem na quantificação de danos, utilizando as variáveis explanatórias absorção da área foliar sadia (HAA) e duração de área foliar sadia (HAD) apresentou correlação linear positiva em relação à produção, em todos os ensaios realizados. As plantas possuidoras de maior área foliar, independentemente da época de plantio e da linhagem apresentaram maior produção. As variáveis explanatórias absorção de área foliar sadia (HAA) e duração de área foliar sadia (HAD) e seus respectivos coeficientes de determinação (R2) obtidos na regressão linear entre estes e a produção. A absorção de área foliar sadia apresenta-se como um parâmetro promissor para ser usado na implementação de um sistema de manejo integrado desta doença.
Título em inglês
Evaluation of damage caused by anthracnose (Colletotrichum lindemuthianum (Sacc.& Magn.) Scribner) of bean (Phaseolus vulgaris)
Resumo em inglês
Field trials were carried out in three cropping times, from March to May and from June to September, 1993, in Piracicaba, SP, and from April to June, 1994, in Maringá, PR, in order to quantify the damage caused by anthracnose of bean (lines Carioca and Rosinha). Disease severity, measured through diagrammatic scales, did not show any correlation with damage in the studied pathosystem, as indicated by linear regression between the area under the disease progress curve and yield. The use of a new approach of damage quantification employing the explanatory variables healthy leaf area absorption (HAA) and duration of healthy leaf area (HAD) showed positive linear correlation in relation to yield in all trials. Plants with greater leaf area, regardless of cropping time and bean line, showed higher yield. HAA and HAD and their respectives coefficients of determination (R2) obtained in the linear regression between them and yield confirmed this tendency. Healthy leaf area absorption revealed to be a promissing parameters to be used in the implementation of an integraded management system of this disease.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.