• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-130444
Documento
Autor
Nome completo
Maria Isabel Fancelli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1992
Orientador
Título em português
Comparação patogênica, cultural, serológica e eletroforética entre isolados de Alternaria solani do tomate e da batata e variabilidade patogênica de A. solani f. sp. lycopersici N.F.
Palavras-chave em português
BATATA
ELETROFORESE
FUNGOS FITOPATOGÊNICOS
PATOGENICIDADE
PINTA PRETA
SEROLOGIA
TOMATE
Resumo em português
Foram feitas comparações patogênicas, culturais, serológicas e eletroforéticas de Alternaria solani do tomate e da batata. Testes de patogenicidade em tomate mostraram que somente isolados congeniais conseguem reproduzir os sintomas típicos da doença, pelo que se propõe a nomenclatura de Alternaria solani f. sp. lycopersici, para os isolados do tomate. Adicionalmente, estes isolados apresentaram, em relação aos da batata, menor capacidade de hidrolisar amido, maior frequência de setores resistentes aos fungicidas iprodione e polioxina, maior crescimento em meio de cultura, maior dificuldade de esporulação in vitro e diferenças serológicas e eletroforéticas. Testes de patogenicidade de dez isolados de A. solani do tomate em doze variedades de tomateiro evidenciaram a ocorrência de raças patogênicas (agressivas e virulentas, sensu VAN DER PLANK, 1968) dentro de A. solani f. sp. lycopersici.
Título em inglês
Pathogenic, cultural, serological, and electrophoretic comparisons among tomato and potato isolates of Alternaria solani and pathogenic variability of A. solani f. sp. lycopersici N.F.
Resumo em inglês
Pathogenic, cultural, serological and electrophoretic comparisons were made among tomato and potato isolates of Alternaria solani. Pathogenicity tests on tomato plants showed that only congenial isolates induced typical disease symptoms, suggesting the existence of physiologic specialization and the nomenclature A. solani f. sp. lycopersici for the tomato isolates. In addition, the tomato isolates showed smaller capacity for starch hydrolysis, greater frequency of resistant sectors to iprodione and polyoxin fungicides, greater growth on culture medium, greater difficulty for sporulation in vitro and serological and eletrophoretic differences, in relation to the potato isolates. Pathogenicity tests of 10 A. solani isolates from tomato on 12 varieties of tomato plants evidenced the occurrence of pathogenic races, in terms of aggressiveness and virulence (sensu VAN DER PLANK, 1968) within A. solani f. sp. lycopersici.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.