• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-143807
Documento
Autor
Nome completo
José Belasque Júnior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2005
Orientador
Título em português
Dinâmica espacial do cancro cítrico, interação com a larva minadora dos citros (Phyllocnistis citrella) e diversidade genética do seu agente causal (Xanthomonas axonopodis PV. citri)
Palavras-chave em português
BACTÉRIAS FITOPATOGÊNICAS
CANCRO CÍTRICO
CITROS
DIVERSIDADE GENÉTICA
LARVA MINADORA
Resumo em português
O cancro cítrico é uma das principais doenças da cultura dos citros. Possui como provável centro de origem o Continente Asiático, no qual é endêmica, estando também presente nos dois maiores produtores mundiais de cítricos - Brasil e Estados Unidos. É caracterizada como uma doença quarentenária e programas de erradicação são empregados em áreas comerciais da cultura. No presente trabalho foram desenvolvidas escalas diagramáticas para auxiliar na avaliação da severidade do cancro cítrico em folhas, ferramenta útil na condução de estudos epidemiológicos e na avaliação da resistência varietal, entre outros exemplos. As avaliações realizadas com as escalas foram suficientemente acuradas, precisas e reprodutíveis e o treinamento dos avaliadores permitiu o aumento da precisão das estimativas. Outro aspecto importante deste patossistema é a interação existente com a larva minadora dos citros (Phyllocnistis citrella). Após a introdução deste inseto no Brasil, em 1996, novos focos da doença passaram a ser observados, em associação com as injúrias provocadas por suas fases imaturas. Vários experimentos foram conduzidos, sob condições controladas, de modo a determinar se existe uma relação patógeno-vetor entre Xanthomonas axonopodis PV. citri e P. citrella, e também para explicar de que forma o inseto está envolvido nos aumentos da incidência e severidade do cancro cítrico. Verificou-se que a propagação do cancro cítrico, exclusivamente por adultos de P. citrella, não é um evento comum na natureza e, por essa razão, não possui importância epidemiológica As injúrias provocadas pelas fases imaturas aumentam a incidência da doença, com reflexo na AUDPC, há uma redução no período de incubação em plantas infestadas com o inseto, os tecidos doentes apresentam maiores severidades e as injúrias demoram a cicatrizar, permitindo infecções por períodos mais longos. Em outro estudo resultados também foram obtidos quanto à dinâmica espacial do cancro cítrico em pomares sob condições naturais de infecção. As plantas doentes apresentaram-se sob padrões de agregação nas linhas de plantas e entre linhas, tendo sido mais pronunciado nas linhas. O estudo dos gradientes de doença revelou melhor ajuste do modelo Potência inversa e os coeficientes angulares obtidos decresceram com os aumentos da incidência da doença. Foram observadas distâncias entre plantas doentes de até 177,16 m, e as distâncias médias foram, na maioria dos casos, superiores a 30 m. O estudo da diversidade genética de isolados de Xanthomonas axonopodis PV. citri, originários do Estado de São Paulo, usando-se genes IS’s como sondas para Southern blot, permitiu a identificação de polimorfismo genético e a diferenciação de isolados de Xac. Os índices de diversidade genética obtidos variaram de 0,09 a 0,94 (Nei) e mostraram-se dependentes das populações e sondas estudadas. A técnica descrita é a de maior poder discriminante dentre as já testadas com Xac, sendo, potencialmente, a melhor técnica na definição da estrutura genética de populações desse patógeno e na identificação de origem de focos. Os resultados obtidos com FAFLP diferiram da genotipagem realizada com IS-RFLP e apenas seis haplótipos foram identificados. As sondas utilizadas permitiram uma relativa separação dos isolados, baseada nas populações estudadas e na origem geográfica destes, apesar da baixa robustez observada
Título em inglês
Spatial dynamic of citrus canker, interaction with citrus leafminer (Phyllocnistis citrella), and genetic diversity of its causal agent (Xanthomonas axonopodis PV. citri)
Resumo em inglês
Citrus canker is one of the most important citrus diseases. Probably originally from the Asiatic continent, where is endemic, this disease is present in the two biggest citrus world producers - Brazil and U.S.A. Characterized as a quarentenary disease, eradication programs are developed in commercial areas of citrus. In the present work diagrammatic scales were developed to standardize the severity assessments of citrus canker on leaves. The conducted evaluations presented accuracy, precision and reproducibility, and a higher precision was observed after training the raters. Another important aspect of this patossystem is the interaction between the citrus leafminer (Phyllocnistis citrella) and citrus canker. After the introduction of this pest in Brazil, in 1996, new and numerously focus were found in association with the pest damages. Experiments were carried out to determine if there is a pathogen-vector relationship between Xanthomonas axonopodis PV. citri and P. citrella, and also to explain how the insect promotes increases in the citrus canker incidence/severity. Considering the results, the citrus canker spread by the citrus leafminer adults is not a frequent mechanism in nature and has no epidemiological importance. In reason of the insect damages, there are a higher disease incidence, with important reflex on AUDPC, infested plants present shorter period of incubation, higher severities and the insect damage permits infection by longer periods of time (contination). In another study was evaluated the spatial dynamic of citrus canker on citrus blocks under natural infection conditions. Higher aggregation of diseased plants occurred in the rows than between rows. The power law model better described the disease gradients. The increase of disease, associated with the host growth, resulted in steeper disease gradients and lower slopes (b). Distances between diseased plants were until 177.16 m, and the average distances were higher than 30 meters. The genetic study of strains of Xanthomonas axonopodis PV. citri, originated from São Paulo state, using genes IS's as a probes to Southern blot, permitted the identification of genetic polymorphism and the differentiation of strains. The index of genetic diversity obtained were between 0.09 and 0.94 (Nei) and the results are dependents of the populations and probes. The described technique has the best discrimination power, in comparison with other techniques, and, potentially, is the best technique to determine the genetic structure of the pathogen population and to identify the origin of disease focus. The results visualized by FAFLP were different from the genotipic characterization by IS-RFLP and only six haplotypes were identified. The used probes grouped the strains considering the pathogen populations and their geographic origin, besides the poor robustness observed
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
BelasqueJuniorJose.pdf (10.83 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.