• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Master's Dissertation
DOI
10.11606/D.11.2018.tde-20181127-155122
Document
Author
Full name
Cristiane de Araujo Monteiro
E-mail
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
Piracicaba, 2001
Supervisor
Title in Portuguese
Análise de crescimento e produtividade agrícola de girassol conduzido na safrinha em cinco densidades de plantas
Keywords in Portuguese
CRESCIMENTO VEGETAL
DENSIDADE DE PLANTIO
GIRASSOL
PRODUTIVIDADE
SAFRINHA
Abstract in Portuguese
Realizou-se análise de crescimento e rendimento de cultivares de girassol (Helianthus annuus L.), semeado em época de semeadura safrinha, manejado sob cinco densidades de plantas (2, 3, 4, 5 e 6 plantas m-1). O experimento foi conduzido com 10 tratamentos (2 cultivares x 5 densidades) repetidos 3 vezes, delineado em blocos ao acaso. A massa seca total foi determinada em 10 plantas de girassol. O índice de área foliar foi determinado utilizando-se o analisador de dossel Li-cor®, model LAI-2000. Os índices fisiológicos, taxa de crescimento da cultura, taxa de crescimento relativo, taxa de assimilação líquida e razão de área foliar, foram então determinados através das funções ajustadas para massa seca total e índice de área foliar. Adicionalmente. Foram avaliadas as seguintes características: número de folhas, altura final de planta, diâmetro basal de haste, diâmetro de capítulo, número de aquênios por capítulos, massa de 1.000 aquênios e rendimento de aquênios. Os resultados permitiram concluir que: a) a produção de massa seca é influenciada pelo fator genótipo; b) a densidade de 6 plantas m-1 proporciona maior produção de massa seca total; c) o índice de área foliar não é influenciado pelos fatores densidade de plantas e genótipo; d) o nº de aquênios por capítulo é o componente da produção da planta mais importante para a determinação da produtividade agrícola de girassol; e) o aumento na densidade de plantio não diminui o nº de folhas, o diâmetro de haste, o nº de aquênios por capítulo e a massa de aquênios de girassol; f) a diminuição do nº de aquênios por capítulo e da massa de aquênios, em razão do aumento da densidade de plantas na linha, é compensada pelo maior nº de plantas por unidade de área, não afetando a produtividade agrícola de girassol; g) Cargill 11 apresenta maior produtividade agrícola que ) Morgan 734, porém essa diferença foi devido ao efeito de baixas temperaturas na antese, que afetou principalmente esse último cultivar.
Title in English
not available
Abstract in English
not available
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
Publishing Date
2018-11-27
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
CeTI-SC/STI
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2020. All rights reserved.