• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-151627
Documento
Autor
Nombre completo
Mirian Therezinha Souza da Eira
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 1988
Director
Título en portugués
Condicionamento osmótico de sementes de alface (Lactuca sativa L.): efeitos sobre a germinação e desempenho sob estresses hídrico, salino e térmico
Palabras clave en portugués
ALFACE
CONDICIONAMENTO OSMÓTICO
DEFICIT HÍDRICO
ESTRESSE
GERMINAÇÃO DE SEMENTES
Resumen en portugués
Vários estudos têm sido realizados com o objetivo de reduzir o período compreendido entre a semeadura e a emergência das plântulas, de modo a evitar a exposição prolongada das sementes a condições adversas que possam causar deterioração prematura em campo. Dentre esses estudos, o condicionamento osmótico das· sementes tem apresentado resultados promissores. Assim, o presente trabalho, conduzido no Laboratório de Análise de Sementes do Departamento de Agricultura da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", da Universidade de São Paulo, teve por objetivo verificar a eficiência de·métodos de condicionamento osmótico de sementes de alface sobre·a germinação e desempenho sob condições de estresse hídrico, salino ou térmico. Para tanto, sementes de 2 lotes de alface do cultivar Repolhuda Brasil 303 foram submetidas ao condicionamento osmótico em soluções de Manitol 0,35 Molar e Polietileno glicol 25% por períodos de 4 e 7 dias sob temperatura constante de 20°C e em presença de luz. A seguir, as sementes foram submetidas à secagem superficial por 2 horas sob condições ambientes, secagem ao ar por 48 horas nas mesmas condições ou secagem em estufa com circulação de ar por 12 horas a 32°C. As avaliações foram efetuadas logo após o condicionamento osmótico e em intervalos aproximadamente mensais durante 6 meses de armazenamento (maio a outubro de 1987) em condições normais de ambiente de laboratório, constando de teste padrão de germinação, primeira contagem do teste de germinação, germinação com pré-friagem, germinação sob estresse hídrico de -3,0 atmosferas, germinação sob estresse salino provocado por solução de cloreto de sódio 0,1 Molar e germinação sob estresse térmico de 30°C. A análise dos dados e interpretação dos resultados permitiram concluir principalmente que o condicionamento osmótico de sementes de alface em solução de manitol 0,35 Molar (equivalente a -8,41 atmosferas) por 4 dias a 20°C, constitui-se numa alternativa viável para favorecer o desempenho sob condições de estresses hídrico, salino e térmico, principalmente em lotes de baixa qualidade fisiológica.
Título en inglés
Osmotic conditioning of lettuce seeds (Lactuca sativa L.): effects on the germination and performance under moisture, saline and temperature stresses
Resumen en inglés
This research was under taken to study the efficiency of methods of osmotic conditioning of lettuce seed on the germination and performance of seeds under moisture, saline and temperature stresses. The experiment was conducted at the Laboratory of Seed Analysis, Department of Agriculture, “Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz”, University of São Paulo, in Piracicaba, State of São Paulo, Brazil. Seeds from two lots of the lettuce cultivar Repolhuda Brasil 303 were submitted to osmotic conditioning in solutions of Mannitol 0.35 Molar and Polyethylene Glycol 25% for periods of 4 and 7 days, under constant temperature (20°C) and light. The seeds were surface dried for 2 hours at room temperature, air dried for 48 hours at room temperature, or oven dried with air flow for 12 hours at 32°C. The evaluations done immediately after the osmotic conditioning, and at monthly intervals during a six month storage (May to October 1987) under normal laboratory conditions, consisted of a germination test, first count of the germination test, germination with prechill, germination under -3.0 atmospheres moisture stress, germination under saline stress induced by a solution of sodium chloride 0.1 Molar, and germination under high temperature (30°C) stress. The results indicated that osmotic conditioning of lettuce seeds in the solution of Mannitol 0.35 Molar (equivalent to -8.41 atmospheres) for a four days period at 20°C, is a viable alternative to improve performance under conditions of moisture, saline and temperature stresses, particularly in low physiological quality seed lots.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2019-12-19
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.