• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2020.tde-20200111-153202
Documento
Autor
Nome completo
Joao Aleixo Scarpare Filho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1996
Orientador
Título em português
Estudo do primeiro ciclo produtivo da bananeira “Nanicão” (Musa sp. AAA) a partir de diferentes tipos de muda
Palavras-chave em português
BANANA NANICÃO
MUDAS
PRODUÇÃO
Resumo em português
O objetivo do trabalho foi estudar o primeiro ciclo produtivo da bananeira “Nanicão” (Musa sp. AAA) a partir de diferentes tipos de mudas. O experimento foi conduzido no município de Piracicaba SP, e utilizou-se cinco tipos de mudas, sendo quatro tradicionalmente utilizadas em plantios comerciais: mudas tipo “chifrinho” e “chifrão” (brotações laterais com folhas lanceoladas); tipo “guarda-chuva” (brotações separadas de planta original, com folhas normais) e tipo pedaços de rizoma. O quinto tipo, mudas propagadas só produzidas em laboratório e disponíveis no mercado de mudas no Estado de São Paulo. Verificou-se no primeiro ciclo de produção, o peso dos cachos, número de pencas e número de frutos e dias para a colheita, para a avaliação de performance dos tipos de mudas. Os melhores desempenhos foram obtidos com as mudas do tipo “chifrão” e “chifrinho”, tratamentos estes que apresentaram maior equilíbrio das variáveis estudadas. As mudas tipo pedaços de rizoma, embora com a melhor produção mostraram-se tardios no primeiro ciclo e apresentaram falhas na brotação. As mudas tipo "guarda-chuva" apresentaram produção igual à média do experimento e boa precocidade. A pior performance foi das mudas micropropagadas, com produções inferiores aos demais tratamentos, e o primeiro ciclo tardio . Este tipo de muda disponível comercialmente no mercado, nesta ocasião, apresentou alta taxa de variação somaclonal
Título em inglês
Performance of different types of propagation materials of banana, variety “Nanicão” (Musa sp. AAA)
Resumo em inglês
The present research work had the objective to study the performance on the first year of productions of different types of propagation materials in banana (Musa sp. AAA), variety “Nanicão”. The parameters studied were yield average weight of the infrutescence, number of bunches, number of fruits per bunch and the number of days from planting to harvest (first cicle). The experiment was carried out at the Departament of Horticulture of the Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, University of São Paulo, São Paulo State, Brazil. The climate of the region is Cwa, according to Köepenn classification. Five types of propagation materials were used in the experiment defined as: small sword suckers (1000 g), big sword suckers (3500g), water suckers (1200g), rhizome sections (3800g) and meristem derived material (tissue culture). All five types of propagation materials are currently commercially available to the banana growers in São Paulo State. Data collected included the length of the first vegetative cycle (time from planting to the first harvest), average weight of the infructescence, average number of bunches, and average number of fruits per infructescence. The results showed that both sizes of sword suckers gave the best average performance ( shortest length of the first vegetative cycle good average weight of the infrutescence, good number of bunches and good number of fruits per bunch). Rizhome sections produced infructescences that did not differ statistically from the produced from the sword suckers, but took a longer time to produce the first harvest (less precocious). Water suckers had intermediate perfomance among all the five propagation materials studied. Meristem derived material showed the worst performance, specially for the average weight of the infructescence and for the lenght of the first vegetative cycle. Also, this propagation material expressed high somaclonal variation at the time that the experiment was carried out
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.