• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.1997.tde-20210104-180236
Documento
Autor
Nome completo
Hermann Paulo Hoffmann
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1997
Orientador
Título em português
Evolução do potencial produtivo das principais variedades de cana-de-açúcar cultivadas no Estado de São Paulo nos últimos cinqüenta anos
Palavras-chave em português
CANA-DE-AÇÚCAR
MELHORAMENTO GENÉTICO VEGETAL
PRODUTIVIDADE
VARIEDADES VEGETAIS
Resumo em português
No presente trabalho procurou-se, através de ensaios de campo, mensurar o incremento em produtividade proporcionado pelas variedades melhoradas de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo. Para compor os ensaios escolheram-se variedades de importância nesse Estado, da década de 40 até a primeira metade dos anos 90, que, cronologicamente foram: Co290, Co419, CB41-76, IAC48-65, NA56-79, SP70-1143, SP71-1406 e SP71-6163, além da RB72454, que está adquirindo proeminência, e RB835089, em início de adoção. Os viveiros de mudas foram instalados a partir de setembro de 1992, submetendo-se os colmos inicialmente ao tratamento térmico por 52?C por 30 minutos para eliminar o efeito do raquitismo-da-soqueira (Clavibacter xyli subsp. xyli). Os ensaios foram instalados nos meses de março e abril de 1994, em três municípios de regiões representativas da cultura: Santa Bárbara D'Oeste, Araras e Jardinópolis. Instalou-se ainda um experimento para determinação da curva de maturação das variedades, em Araras. Além da obtenção dos dados diretamente ligados à produção agroindustrial conduziram-se os seguintes acompanhamentos complementares: medições de falhas em cana-planta e soca, perfilhamento, avaliação de sintomas de ferrugem, medição da altura dos colmos, avaliação da intensidade de florescimento e de chochamento. As avaliações de falhas em cana-planta e cana-soca, forneceram dados que são coerentes com o perfil de brotação que as variedades contemporâneas, incluídas nos ensaios, apresentam em lavoura comercial. Partindo das melhores para as piores variedades para essa característica, a ordem foi a seguinte: SP70-1143, NA56-79, IAC48-65, CB41-76, SP71-1406, Co290, RB835089, RB72454, SP71-6163, Co419. Quanto às curvas de maturação, a variedade NA56-79 foi a mais precoce, enquanto as variedades SP70-1143 e RB72454 superaram as demais quanto aos teores de sacarose no final de safra, confirmando o perfil das mesmas. Quanto aos rendimentos agrícolas a intensidade de ferrugem (Puccinia melanocephala H. & P. Syd), doença de aparecimento recente no Brasil influenciou o posicionamento relativo entre as variedades, prejudicando variedades suscetíveis em Santa Bárbara D'Oeste, onde a intensidade de sintomas foi maior. A diferença a favor da variedade mais produtiva, RB835089 (altamente resistente à ferrugem), e de liberação mais recente, em relação à mais antiga, Co290, foi de 23% para toneladas de colmos para hectare (TCH) e 36% para toneladas de pol por hectare (TPH). Considerando-se as diferenças a favor, para os mesmos parâmetros, entre a variedade RB835089 e a menos produtiva, SP71-6163, obteve-se valores de 104% para TCH e 112% para TPH. Em ordem decrescente de produtividade as variedades se posicionaram para TCH na seguinte forma: RB835089, RB72454, SP70-1143, Co290, CB41-76, Co419, NA56-79, IAC48-65, SP71-1406 e SP71-6163. Quanto à TPH, seguindo o mesmo critério, a ordem foi a seguinte: RB835089, RB72454, SP70-1143, Co419, Co290, NA56-79, IAC48-65, CB41-76, SP71-1406 e SP71-6163. Conclui-se que o melhoramento genético têm logrado propiciar ganhos de produtividade com novas variedades, e que a alteração de ambiente, especialmente pela incidência de novas doenças, pode levar à degenerescência de variedades.
Título em inglês
Evolution of the potential productivity of the main sugarcane varieties grown in the State of São Paulo in the last fifty years
Palavras-chave em inglês

Resumo em inglês
The aim of this research was to determine productivity increase achieved by growing genetically improved sugarcane (Saccharum spp.) varieties in the State of São Paulo in the last fifty years. Ten expressively grown varieties in this state from the fourties until the first half of the ninities were chosen to install three experiments. Chronologically the varieties were the following: Co290, Co419, CB41-76, IAC48-65, NA56-79, SP70-1143, SP71-1406 and SP71-6163, besides RB72454, which is becoming prominent, and RB835089, which is beguining to be adopted by the growers. The nurseries used for planting were first stablished in September of 1992, the initial stalks were submitted to hot-water treatment for 52?C/30 min. with the objective of eliminating the ratoon stunting disease effect (Clavibacter xyli subsp. xyli). The experiments were set in March and April, 1994 in Santa Bárbara D'Oeste, Araras and Jardinópoiis, Counties which present characteristics represent the main traditional sugarcane planting area. In Araras, another field experiment was set to determine the varieties maturation curve. Besides those data which directly compose agroindustrial productivity, the following complementary evaluations were performed: failure in germination of plant cane and ratoon, tillering, rust (Puccinia melanocephala H. & P. Syd) incidence, stalk height, flowering and pithing. Data on germination failure in both plant cane and ratoon were valuable parameters representing ratooning performance of those sugarcane varieties included in the experiments, when grown in commercial fields. Regarding to that parameter the following order, from the best variety to the worst one, was observed: SP70-1143, NA56-79, IAC48-65, C841-76, SP71-1406, Co290, R8835089, R872454, SP71-6163, Co419. Based on the maturation curve it can be concluded that NA56-79 was the best early-maturing variety; the varieties SP70-1143 and RB72454 presented the highest sugar content at the end of the harvesting season. These data conform to the known characteristics of those varieties. Concerning cane yield, rust incidence degree played a major role in the relative ranking between the varieties, decreasing the yield of those susceptible ones in Santa Bárbara D'Oeste, were the disease occurred more intensively, as expected. The most productive variety, RB835089, which is highly resistant to rust produced 23% more tons of cane per hectare and 36% more tons of sugar per hectare than Co290, the most ancient variety of the studied period. Differences between RB835089 and the least productive variety, SP71-6163, were 104% and 112% in tons of cane and tons of sugar per hectare respectively. In decreasing order, concerning productivity in tons of cane per hectare, the following ranking was observed: R8835089, RB72454, SP70-1143, Co290, C841-76, Co419, NA56-79, IAC48-65, SP71-1406 and SP71-6163. Concerning tons of sugar per hectare, and adopting the same criterion, the following order was observed: RB835089, RB72454, SP70-1143, Co419, Co290, NA56-79, IAC48-65, CB41-76, SP71-1406 and SP71-6163. Based on these data it can be concluded that the recently improved sugarcane varieties have presented better yields as compared to the formerly grown varieties, even after changes in the environment induced by the onset of rust.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.