• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.1992.tde-20210104-181415
Documento
Autor
Nombre completo
Luiz Doni Filho
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 1992
Director
Título en portugués
Efeitos do condicionamento fisiológico no comportamento de sementes de feijão (Phaseolus vulgaris L.)
Palabras clave en portugués
CONDICIONAMENTO OSMÓTICO
FEIJÃO
FISIOLOGIA
SEMENTES
Resumen en portugués
O presente trabalho teve por objetivo estudar os efeitos do condicionamento osmótico no comportamento das sementes de feijão (Phaseolus vulgaris L.) sob o aspecto fisiológico e de permeabilidade das membranas celulares. Para isso instalaram-se no Laboratório de Análise de Sementes da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP e nas dependências da UNESP em Rio Claro, ensaios com dois cultivares. No primeiro ensaio estudaram-se sementes dos cultivares IAPAR 16 a Carioca, sob três níveis de hidratação (20%. 26% e 30%) e três níveis de pressão osmótica (0, -7 e -14 bars) obtidos através de solução aquosa de polietileno glicol 6.000. durante a embebição das sementes a 25°C. Após a hidratação aos níveis desejados, seguiu-se uma secagem ao teor de água incial. Testou-se porcentagem de germinação, velocidade e emergência total, teores de açucares e de potássio e condutividade elétrica no exsudato . No segundo ensaio, estudou-se o cultivar Carioca, em delineamento fatorial, o tempo de condicionamento (4 e 7 dias), secagem (sim e não) e duas pressões osmóticas (-10 e -20 bars). Testou-se germinação a 25°C e a 17°C , emergência das plântulas, teor de potássio e condutividade elétrica no exsudato. Os tratamentos foram comparados entre si pelo teste de Tukey e com a testemunha pelo teste de Dunnett. A análise dos dados e a interpretação dos resultados, nas condições do presente trabalho, permitiram concluir que: Os efeitos do condicionamento se manifestam de maneira mais evidente quando avaliados através de parâmetros que refletem a permeabilidade das membranas celulares (condutividade elétrica, teor de açúcares e teor de potássio) do que quando se utilizam parâmetros fisiológicos (germinação, porcentagem e velocidade de emergência). A secagem efetuada após o condicionamento diminui severamente os benefícios obtidos por esse tratamento. As respostas dos parâmetros estudados revelam que o desempenho das sementes está mais relacionado ao nível de hidratação que à pressão osmótica adotada durante o condicionamento fisiológico.
Título en inglés
Effects of priming on the bean (Phaseolus vulgaris L.) seeds performance
Palabras clave en inglés

Resumen en inglés
In the present work it was studied the effect of priming conditioning on the behavior of bean seeds (Phaseolus vulgaris L.) under physiological and cell membrane permeability aspects. For that purpose two cultivars were used in the experiments carried out at Laboralorio de Análise de Sementes from Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP and Departamento de Botanica, UNESP Campus de Rio Claro, São Paulo State, Brazil. In lhe first assay “IAPAR 16” and “Carioca” cultivars were subjected to three levels of hydralion (20%, 25% and 30%) and three water potentials (0, -7 and -14 bars) obtained with aqueous solution of polyethylene glycol 6000 during imbibition of seeds at 25°C. Following hydration at desired lelvels lhe seeds were dried lo the initial moisture content. The physiological and biochemical parameters analysed were final percentage germination, velocily and total seedling emergence, sugar and potassium contents and electric conductivity of exsudate. In the second assay the “Carioca” cultivars was used in the analysis of time of conditioning (4 and 7 days), drying or not and two water potentials (-10 and -20 bars). The following parameters were analysed germination at 17 and 25%C, seedling emergence, potassium and electric conductivity in the exsudate. The results of treatments were compared by Tukey test and Dunnett test to control. After lhe analysis of lhe data and interpretation of the results under conditions of lhe present work it, can concluded: The effect of conditioning was more evidente on permeability of' cell membrane (electric conductivity sugar and potassium contents) than physiological parameters (germination, percentage and velocity of seedling emergence). The drying of seeds to the initial water content after conditioning decreases lhe useful effect. obtained by the former treatment. The response of parameters studied in the present work showed that the performance of seeds is more related to the level of hydration than lhe water potential of the priming.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
DoniFilhoLuiz.pdf (7.86 Mbytes)
Fecha de Publicación
2021-01-07
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.