• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2014.tde-21032014-103624
Documento
Autor
Nome completo
Bruno Cocco Lago
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2014
Orientador
Banca examinadora
Favarin, José Laercio (Presidente)
Pavinato, Paulo Sergio
Crusciol, Carlos Alexandre Costa
Título em português
Eficiência de uso do K em razão do sistema de adubação na rotação aveia-milho
Palavras-chave em português
Avena sativa
Avena strigosa
Zea mays L.
Traçador 85Rb
Resumo em português
O potássio (K) é o segundo nutriente mais requerido pelo milho. Os produtores de milho em sistema de plantio direto (SPD) antecipam na aveia a dose de K que seria aplicada no milho. O uso da adubação antecipada se deve a redução de custo da semeadura, e a possibilidade de instalar a cultura de acordo com o zoneamento agroclimático. Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de avaliar a eficiência de uso do K proveniente do fertilizante, por meio do marcador rubídio (85Rb), em razão dos sistemas de adubação potássica na rotação aveia-milho. Os experimentos foram realizados em Guarapuava-PR e Taquarituba-SP, entre abril de 2012 e abril de 2013, em solos com alto teor de K. A eficiência de uso do K proveniente do fertilizante foi determinada nos seguintes sistemas de adubação: K no perfilhamento da aveia; K em pré-semeadura do milho; K na semeadura do milho; K em cobertura no estádio V3; e K em cobertura nos estádios V3 (50%) e V6 (50%). Os sistemas de adubação foram casualizados em quatro blocos, nos dois experimentos. A maior eficiência de uso do K foi obtida no sistema de adubação em pré-semeadura do milho, entre 15 e 30 dias, sem prejuízo da produtividade.
Título em inglês
K use efficiency according to fertilization system in oat-corn rotation
Palavras-chave em inglês
Avena sativa
Avena strigosa
Zea mays L.
Rubidium (85Rb) tracer
Resumo em inglês
Potassium (K) is the second most required nutrient for corn. Farmers that grow corn in no-tillage system (NTS) have been anticipated on oats crop the K fertilizer amount that should be applied in corn crop. The adoption of early fertilization system is related to cost reduction and the possibility of the main crop establishment in the period recommended by the agroclimatic zoning. This research aims to evaluate the K use efficiency from the fertilizer with the tracer Rubidium (85Rb), according to potassium fertilization systems in oat-corn rotation. The experiments were conducted in Guarapuava-PR and Taquarituba-SP between April 2012 and April 2013, in soils with high content of K. Potassium use efficiency from the fertilizer was determined in the following fertilization systems: K on oat tillering, K in corn pre-sowing, K in corn sowing, K topdressing in stage V3, and K topdressing in stages V3 (50%) and V6 (50%). The fertilization systems were randomized into four blocks, in both experiments. The system of K fertilization was applied pre-sowing corn, between 15 and 30 days, was more efficient in the use of K from the fertilizer without damaging productivity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-03-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.