• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.1990.tde-22032013-155959
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Silveira Bernardes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1990
Orientador
Banca examinadora
Castro, Paulo Roberto de Camargo e (Presidente)
Cortez, Jayme Vazquez
Ortolani, Altino Aldo
Título em português
Efeito de métodos químicos de indução de copa no desenvolvimento da seringueira (Hevea brasiliensis Muell. Arg. cv. RRIM 600)
Palavras-chave em português
Seringueira - Indução - Método
Seringueira - Método químico - Efeito
Seringueira - Regulador de crescimento
Resumo em português
Objetivando-se estudar o efeito de métodos químicos de indução de copa no desenvolvimento da seringueira, realizou-se experimento em condições de campo, em Casa Branca-SP, aplicando-se reguladores vegetais de crescimento em plantas enxertadas do cultivar RRIM 600 com 20 meses de idade, com 1,70 a 3,00 m de altura e último lançamento foliar maduro. O experimento foi delineado em Blocos ao Acaso com quatro repetições, utilizando-se como tratamentos, a aplicação de hidrazida maléica a 500, 750 e 1. 000 ppm, chlormequat a 1.000, 1.500 e 2.000 ppm, daminozide a 2.000, 3.000 e 4.000 ppm e a testemunha. Durante a realização do experimento efetuaram-se avaliações das seguintes variáveis: perímetro do tronco, espessura de casca, altura da árvore, altura do tronco, comprimento da copa, diâmetro da copa, número e porcentual de árvores ramificadas, número de ramos, concentração de ramos, ângulo de inserção dos ramos, índice de área foliar, coeficiente de absorção de radiação e danos por vento. Estudos de correlação foram feitos para analisar a influência das características da copa sobre o desenvolvimento das árvores. Nas condições em que foi conduzido o experimento, os resultados obtidos permitiam concluir que a indução de copa por métodos químicos pode incrementar o crescimento do perímetro do tronco, reduzindo o período de imaturidade da seringueira e que a injúria ou morte da gema apical aumentam a susceptibilidade das copas a danos por vento. O melhor tratamento foi com daminozide a 2.000 ppm, que apresentou ganho de 25% no perímetro relativo do tronco em relação à testemunha. Os tratamentos com daminozide apresentaram ganhos em perímetro do tronco sem comprometer a resistência das copas a danos por vento. Os tratamentos com chlormequat e hidraliza maléica não apresentaram ganhos em perímetro do tronco sendo que o último comprometeu a resistência das copas a danos por vento. O perímetro do tronco está positivamente correlacionado com a altura da árvore, o comprimento da copa, o diâmetro médio da copa e a espessura de casca; e negativamente relacionado com a altura do tronco.
Título em inglês
Effect of chemical methods of branch induction on growth of rubber tree (Hevea brasiliensis Muell. Arg. cv. RRIM 600)
Palavras-chave em inglês
Rubber tree - Branch Induction - Method
Rubber tree - Chemical Method - Effect
Rubber tree - Growth regulator
Resumo em inglês
This study describes the influences of chemical methods of branch induction on growth of Hevea brasiliensis. The experiment was situated in Casa Branca-SP, Brazil, where growth regulators were sprayed on buddings of cultivar RRIM 600, 20 months after planting. The experiment was delineated in randon blocks with 4 repetitions with the following treatments: maleic hydrazide at 500, 750 and 1,000 ppm; chlormequat at 1,000, 1,500 and 2,000 ppm; daminozide at. 2,000, 3,000 and 4,000 ppm, and control. Tree girth, bark thickness, tree and crown height, crown length, crown width, branch number and concentration, branch slope, leaf area index, canopy light absorption and wind damage measurements were carried out at regular intervals, during experiment period. Correlation studies were made to explain the relationships between canopy characters and tree growth. Under the prevailing experimental conditions we may derive the following conclusions: branch induction by chemical methods may increase the tree girth, reducing immature period of rubber; injury to the terminal apex increases susceptibility to wind damage; the best treatment was daminozide at 2,000 ppm presenting 25% gain on tree girth compared to control; daminozide treatments enhanced tree girth without changing the wind damage susceptibility; chlormequat and maleic hydrazide treatments did not increase tree girth, and the latest reduced the crowns wind damage resistance; tree girth is positive correlated with tree height, crown length, crown width and bark thickness, and negative correlated with crotch height.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-05-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.