• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.1986.tde-20210918-210757
Documento
Autor
Nome completo
Marcos David Figueiredo de Carvalho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1986
Orientador
Título em português
Estudos citogenéticos do babacu (Orbignya spp.)
Palavras-chave em português
BABAÇU
CITOGENÉTICA VEGETAL
MELHORAMENTO GENÉTICO VEGETAL
Resumo em português
O babaçu (Orbignya spp) é uma palmeira que ocorre tanto na América Central quanto na América do Sul. Neste continente a sua maior concentração verifica-se no Brasil, principalmente na região Nordeste, onde tem grande importância econômica. Embora existam sérias controvérsias sobre a sistemática do gênero Orbignya, atualmente a classificação botânica considera três espécies produtoras de coco para a região Nordeste (O. martiana (Barb. Rodr.), O. teixeirana (Bondar), O. eichleri (Drude). Os estudos citogenéticos do babaçu foram realizados no laboratório de citogenética do Departamento de Genética da ESALQ/USP, com as três espécies distintas, procedentes da região Nordeste, nas quais determinou-se: a) o número somático de cromossomos das três espécies; b) o pareamento dos cromossomos na meiose, e c) a microsporogênese. Este trabalho é pioneiro, uma vez que nenhuma pesquisa sobre citogenética foi publicada na literatura com as espécies descritas de Orbignya. O número somático de cromossomos determinado em ponta de raízes foi 2n = 32 para as três espécies de Orbignya, não se encontrando diferenças morfológicas marcantes. O estudo da meiose nas três espécies não evidenciou anormalidades, levando a crer que se trata de uma única espécie de Orbignya com ecótipos adaptados a diferentes regiões. Estudos posteriores deverão ser realizados para provar esta hipótese de se tratar de uma única espécie de Orbignya; observações preliminares de populações de babaçu evidenciam que ocorre uma variação contínua na área de distribuição natural da Orbignya. Observou-se que a diferenciação das células-mães no saco polínico ao longo da inflorescência, ocorre da parte apical para a basal, com base nas observações microscópicas realizadas em flores de babaçu.
Título em inglês
Cytogenetic studies of babassu oil palm
Resumo em inglês
Babassu (Orbignya spp.) is a palm that is widely distributed in Central and South America. In South America, particularly in Brazil, it occurs mainly in the Brazilian Northestern region where it has a large economic importance. There are several controversies regarding taxonomic classification concerned to the genus. The production of oil palm is based on three native species: Orbignya martiana (Barb. Rodr.), Orbignya teixeirana (Sondar) and Orbignya eichleri (Drude). Cytogenetic studies were done with the species before reported. The research was carried out at the Cytogenetic Laboratory of the College of Agriculture Luiz de Queiroz"
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-09-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.