• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.1983.tde-20220207-180859
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Nazareno Guimarães Mendes
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1983
Orientador
Título em português
Hábito de florescimento e vingamento de flores e de frutos no feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.)
Palavras-chave em português
FEIJÃO
FLORAÇÃO
FRUTIFICAÇÃO
Resumo em português
O comportamento de doze cultivares de feijão em relação ao florescimento e vingamento de flores e de frutos foi estudado no Departamento e Instituto de Genética da ESALQ/USP, em Piracicaba, Estado de São Paulo. Foram utilizadas as cultivares de feijão Aroana, Carioca 1030, Carioca Precoce Arbustivo, CENA 164, Costa Rico 1095, Goiano Precoce, IAPAR RAI 54, Moruna, Mulatinho Paulista, Piratã, Rico 23 e Turrialba 1. O trabalho objetivou avaliar o potencial reprodutivo das cultivares de feijão, através da porcentagem de vingamento de flores e de frutos; estabelecer o seu padrão de florescimento e dar subsídios a trabalhos de melhoramento genético da cultura, pelo estudo da distribuição das flores durante o período de florescimento. O experimento foi conduzido em blocos casualizados, com 4 repetições, sendo instalado em 10/03/1982. Cada parcela foi constituída por 4 linhas de 3,0 m de comprimento, no espaçamento de 0,5 m entre linhas e na, densidade de 12 plantas por metro linear. Os dados foram coletados de 12 plantas por parcela, nas duas linhas centrais, eliminando-se 0,5 m nas extremidades. Durante todo o período de florescimento as flores foram marcadas de dois em dois dias, com um fio de lã, sendo colocada uma lã de cor diferente em cada contagem, para a identificação da idade de florescimento. Por ocasião da colheita, as vagens provenientes de flores abertas no mesmo dia foram agrupadas, para estudos da porcentagem de vingamento de flores e de frutos. Foram feitos estudos de regressão polinomial entre porcentagem de vingamento de flores e de frutos e número de sementes por vagem com idade de florescimento. Os resultados experimentais permitem as seguintes conclusões: a porcentagem de vingamento de flores e de frutos foi muito pequena, 29,0%, em média, mostrando que apenas uma pequena parte do potencial reprodutivo do feijoeiro é aproveitada; todas as cultivares exibiram uma tendência de maior concentração de flores por um período muito curto, no início do florescimento; mais de 80% dos frutos produzidos foram provenientes das flores que ocorreram nos primeiros doze dias de florescimento; a duração do período de florescimento foi relativamente pequena, cerca de 25 dias, em média, podendo ser esta uma das principais razões responsáveis pela grande oscilação da produção de feijão; a porcentagem de vingamento de flores e de frutos e o número de sementes por vagem decresceram com o incremento da idade de florescimento, sendo evidenciada uma correlação linear negativa e altamente significativa entre estas características; em termos de programas de melhoramento genético do feijoeiro foi evidenciada a necessidade da inclusão, dentre os objetivos, de caracteres relacionados ao florescimento, visando maior extensão do período de florescimento e melhor distribuição de flores, com o objetivo de se obter maior estabilidade do rendimento de grãos.
Título em inglês
Flowering patterns and percentage of flower and fruit drop in beans cultivars (Phaseolus vulgaris L.)
Resumo em inglês
An experiment was carried out to study the behavior of twelve beans cultivares (Phaseolus vulgaris L.) with relation to the flowering patterns and percentage of flower and fruit drop, in the Department of Genetics of the ESALQ/USP, Piracicaba - SP., Brazil. The cultivars utilized were: Aroana, Carioca 1030, Carioca Precoce Arbustivo, CENA 164, Costa Rica 1095, Goiano Precoce, IAPAR RAI 54, Moruna, Mulatinho Paulista, Piratã, Rico 23 and Turrialba. The research aimed: to determine the reproductive potential of beans cultivars, through the percentage of flower and fruit dropping; to stablish the flowering pattern and to offer basic information to genetic improvement programs of bean, through determination of distribution of the flowers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2022-02-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2023. Todos os direitos reservados.