• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-124245
Documento
Autor
Nome completo
Cleide Viviane Buzanello Martins
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1997
Orientador
Título em português
Biologia e fusão de protoplastos de leveduras floculantes e H2S-
Palavras-chave em português
BIOLOGIA
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA
FUSÃO DE PROTOPLASTOS
LEVEDURAS
Resumo em português
A utilização industrial de leveduras na produção de bebidas fermentadas é baseada na fermentação alcoólica, onde ocorre a produção de álcool etílico a partir de carboidratos fermentáveis. As linhagens selecionadas para este fim, apresentam diversas características pertinentes ao processo produtivo, entre elas a capacidade de floculação e a não produção de H2S, como destacado no presente trabalho. Do ponto de vista econômico, para as indústrias de bebidas fermentadas não destiladas, a floculação é vantajosa quando atinge o estágio final da fermentação, enquanto que a presença de H2S no produto final confere odor desagradável, alterando o flavour da bebida. Assim sendo este estudo teve por objetivos obter linhagens de leveduras floculantes e H2S- e caracterizar geneticamente os parentais, bem como analisar os produtos de fusão e os recombinantes obtidos. As linhagens ABXR.11B (floculante) e IZ 987 (H2S-) foram utilizadas no cruzamento via fusão de protoplastos. A taxa de fusão de protoplastos foi de 2,7xl0-4 entre os mutantes arg (ABXR.11B) e pdx (IZ 987). Não foi obtido nenhum produto de fusão estável mas foram selecionados recombinantes com as características de interesse. A caracterização genética foi realizada por cariotipagem eletroforética e marcadores RAPD. Os padrões eletroforéticos dos parentais foram muito diferentes. A linhagem IZ 987 mostrou resolução de 6 bandas cromossômicas (2,3 a 1,125 Mb), enquanto que a linhagem ABXR.11B mostrou resolução de 14 bandas cromossômicas (2,09 a 0,215 Mb). Isto indica uma grande distância taxonômica entre os parentais o que pode explicar a instabilidade dos produtos de fusão. O padrão de um produto de fusão foi complementar entre os respectivos padrões parentais. A análise dos resultados obtidos por RAPD demonstraram que um dos produtos de fusão (denominado PF67) é um híbrido, com padrão de amplificação complementar entre as linhagens parentais.
Título em inglês
Biology and protoplast fusion among flocculant and H2S- yeasts
Resumo em inglês
The industrial use of yeast in the production of fermented beverages is based on alcoholic fermentation, where ethanol production occurs from fermentable carbohydrates. Selected strains for this purpose show several characteristics related to the producing process and among them are flocculation capacity and lack of H2S production, as reinforced in the present work. From an economic point of view non distillated fermented beverage industry flocculation is advantageous during the final stage of fermentation, whereas H2S occurance in the final product gives an appearance undesirable odor, altering the beverage flavour. Therefore, this study was done to obtain flocculant, H2S- strains and genetically characterize the parent strains, as well as to analyse fusion products and recombinants. A strains ABXR.11B (flocculant) and IZ 987 (H2S-) were crossed through protoplast fusion. Fusion rate of 2,7x10-4 for the arg mutant (ABXR.11B) and pdx (IZ987) cross was observed. Stable fusion products were not obtained, but recombinants with the desirable characteristics were selected. Genetic characterization was done by electrophoretic karyotyping and RAPD markers. The parental electrophoretic patterns were strikly different. The strain IZ 987 resolved into 6 bands (2,3 to 1,125 Mb), whereas strain ABXR.11B resolved into 14 bands (2,09 to 0,215 Mb). This indicates a great taxonomic distance between the parent strains, what may explain fusion product instability. The pattern of one fusion product was complementary to the patterns of its respective parents. The results obtained from RAPD analysis showed fusion product 67 to be a hybrid, with amplification pattern complementary to the parent strains.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.