• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-124312
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Humberto Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2000
Orientador
Título em português
Construção de um vetor com o gene GFP de Aequorea victoria para a transformação de Saccharomyces cerevisiae
Palavras-chave em português
CONTAMINAÇÃO
EXPRESSÃO GÊNICA
FERMENTAÇÃO INDUSTRIAL
LEVEDURAS
MARCADOR MOLECULAR
PROTEÍNA VERDE FLUORESCENTE
VETOR PLASMIDIAL
Resumo em português
Diversos métodos tem sido propostos para a identificação de leveduras contaminantes em processos fermentativos que utilizam leveduras da espécie Saccharomyces cerevisiae, mas nenhum deles oferece resultados absolutamente satisfatórios com a exatidão e precisão necessárias. Considerando que a identificação poderia ser facilitada com o uso de genes mercadores, foi construído um vetor plasmidial pYGFP3 com o gene da GFP (“green fluorescent protein”) extraída da Aequorea victoria, sob o controle do promotor de ADH2 (álcool desidrogenase II) de Saccharomyces cerevisiae o qual apresenta repressão por glicose. O vetor pYGFP3 foi utilizado para transformação de leveduras S. cerevisiae HD 93.15 D (MAT a, his 3, leu2, trpl, ura3) e X2904-3C (MATa, met1, trp1, ura3), que expressam o gene GFP3 somente em condições de baixo teor de glicose, não interferindo com outras funções metabólicas ou dispêndio de energia durante o processo fermentativo. Repicações sucessívas demonstraram a estabilidade do gene marcador nos transformantes, indicando que o método é viável para identificação simples e segura desta linhagem, podendo-se constituir em recurso adicional de identificação da levedura frente a outras contaminantes do processo fermentativo
Título em inglês
Construction of a vector carrying the GFP gene from Aequorea victoria to transforme Saccharomyces cerevisiae
Resumo em inglês
Several methods have been proposed for identify spoilage yeast during fermentation processes, that uses Saccharomyces cerevisiae, therefore none of them offers absolutely acurancy and precision needed. Considering that the identification could be facilitate with the use of gene markers, a plasmid vector was constructed carrying the GFP gene (green fluorescent protein) from Aequorea victoria, under the control of ADH2 (alcohol dehydrogenase II) promoter from Saccharomyces cerevisiae, which is repressed by glucose. The p YGFP3 vector was used to transform yeast Saccharomyces cerevisiae HD 93.15D (MAT a, his 3, leu2, trpl, ura3) and X2904-3C (MATa, metl, trp 1, ura3) and the GFP3 was expressed only under low levels of glucose, not interfering in other metabolic functions of the cell neither spending energy during the fermentative process. Successive replications shows gene stability into the transformed cells, indicating its viability for simple and secure of this strain, being considered an additional tool to identify spoilage yeast in fermentative processes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
GomesLuizHumberto.pdf (5.28 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.