• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2011.tde-12092011-162017
Documento
Autor
Nome completo
Michelle de Oliveira Maia
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2011
Orientador
Banca examinadora
Susin, Ivanete (Presidente)
Alencar, Severino Matias de
Bittar, Carla Maris Machado
Ribeiro, Claudio Vaz di Mambro
Silva, Saulo da Luz e
Título em português
Efeito da adição de diferentes fontes de óleo vegetal na dieta de ovinos sobre o desempenho, a composição e o perfil de ácidos  graxos na carne e no leite
Palavras-chave em português
Ácidos graxos
Carcaça
Carnes e derivados
Colza
Dieta animal
Girassol
Leite
Lipídeos
Mamona
Nutrição animal
Óleos e gorduras vegetais comestíveis
Ovinos.
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar o desempenho, a composição e o perfil de ácidos graxos (AG) do leite e da carne de ovinos alimentados com dietas contendo óleo de canola, girassol ou mamona. Adicionalmente, foram realizados dois ensaios de metabolismo para avaliar o efeito das dietas sobre a digestibilidade dos nutrientes e parâmetros ruminais. No Experimento I, 44 ovelhas com suas respectivas crias foram distribuídas em delineamento em blocos completos casualizados. Os animais foram alimentados com dietas compostas por 50% de volumoso, sendo uma dieta controle e as outras contendo 3% de óleo de canola, girassol ou mamona. A adição de óleo reduziu o consumo de matéria seca (CMS) e aumentou o consumo de extrato etéreo. Não houve alteração na produção de leite e desempenho das crias. A adição de óleo de mamona aumentou o teor de gordura e sólidos totais do leite. A adição de óleos de canola e girassol reduziu as concentrações de AG de cadeia curta (AGCC), de cadeia média, saturados e o índice de aterogenicidade; e aumentou as concentrações de C18:0, C18:1-9, C18:2 cis-9, trans-11 (CLA), C18:1 trans-11, AG de cadeia longa, AG monoinsaturados e AG insaturados totais. Estes óleos aumentaram ainda, a relação entre AG poliinsaturados:saturados (P:S) comparado à dieta controle. No experimento II, quatro ovinos canulados no rúmen, foram distribuídos em um delineamento em quadrado latino 4 x 4 para avaliar as dietas utilizadas no Experimento I. Não houve diferença no CMS e digestibilidade dos nutrientes. A adição de óleos aumentou os valores de pH ruminal e reduziu as concentrações de AGCC. No experimento III, foi analisado o desempenho de 36 cordeiros mestiços Dorper x Santa Inês alimentados com rações com 90% de concentrado e 3% de óleo de canola, girassol ou mamona. Não houve diferença no CMS, ganho de peso médio diário (GMD) e conversão alimentar, sendo a média das dietas de 957,7 g, 326,4 g e 3,0 kg MS/kg GMD, respectivamente. Adicionalmente, foi realizado um ensaio de metabolismo com quatro ovinos canulados no rúmen em um delineamento em quadrado latino 4 x 4. Não houve diferença (P>0,10) no CMS, digestibilidade dos nutrientes, balanço de nitrogênio e nos parâmetros ruminais, com exceção da amônia, que diminuiu com a adição de óleos. No experimento IV, foram avaliados: as características da carcaça, composição físicoquímica e perfil de AG do músculo Longissimus dorsi dos cordeiros do experimento III. A adição de óleo de mamona elevou o teor de extrato etéreo da carne. O óleo de girassol reduziu a concentração de C18:1 -9, e aumentou a concentração de C18:1 trans. A adição de óleo de mamona reduziu a concentração de C18:2 e a relação P:S na carne em comparação aos óleos de canola e girassol. A inclusão de óleos de canola e girassol reduziu a concentração de C16:0, aumentou a concentração de C18:2 cis-9, trans-11 (CLA) e C18:3 -6. O óleo de canola aumentou a concentração de C18:3 -3 e o óleo de girassol aumentou a relação 6:3 comparado ao óleo de mamona.
Título em inglês
Effects of different dietary sources of vegetable oils on performance, milk composition and fatty acid profile of milk and meat of sheep
Palavras-chave em inglês
Animal diet
Animal Nutrition Edible oils and fat
Canola
Carcass
Castor
Fatty acids
Lipids
Meat and meat by-products
Milk
Sheep.
Sunflower
Resumo em inglês
The objective of this study was to evaluate the performance, milk composition, meat and milk fatty acid profile of ewes and lambs fed diets containing canola oil, sunflower oil or castor oil. Additionally, two metabolism trials were conducted to determine the effects of the diets on nutrient digestibility and ruminal measures. Experiment I: 44 Santa Inês ewes with lambs were allotted in a randomized complete block design and fed a control diet (no oil) containing 50% roughage or diets with the addition of 3% of canola oil, sunflower oil or castor oil. The addition of oil decreased DM intake and increased ether extract intake. However, there was no effect on milk production and lamb performance. The percentage of milk fat and milk total solids increased with castor oil. Diets with canola and sunflower oils decreased short chain fatty acids (FA), medium chain, saturated FA and atherogenicity index; and increased C18:0, C18:1-9, C18:2 cis-9, trans-11 (CLA), C18:1 trans-11, long chain and monounsaturated FA. In addition, these diets increased polyunsaturated:saturated (PUFA:SFA) ratio compared to the control diet. Experiment II: Four ruminally cannulated ram lambs were assigned to a 4 x 4 Latin Square design to determine the effects of the diets used in Experiment I on intake, nutrient digestibility and ruminal measures. There was no difference (P>0.10) on DM intake and nutrient digestibility. The oil addition increased pH values and decreased short chain FA. Experiment III: the objective was to evaluate the performance of 36 crossbred Dorper x Santa Inês lambs fed diets with 90% concentrate hay with 3% canola oil, sunflower oil or castor oil. There was no difference on DM intake, average daily gain (ADG) and feed conversion, with average across diets of 957.7 g, 326.4 g and 3.0 kg DMI/kg ADG, respectively. These diets were also evaluated in four ruminally cannulated ram lambs in a 4x4 Latin Square design. There was no difference in DM intake, nutrient digestibility, nitrogen metabolism and ruminal measures, with the exception for ammonia concentration that decreased with oil addition. In the Experiment IV were determine: carcass characteristics, Longissimus dorsi fatty acid profile and physical-chemical composition of the lambs used in Experiment III. The diet with castor oil increased meat ether extract. Sunflower diet decreased C18:1-9 and increased concentrations of C18:1 trans. Castor oil decreased the concentration of C18:2 and PUFA:SFA ratio compared to canola and sunflower oils. Canola and sunflower decreased the concentration of C16:0, increased the concentration of C18:2 cis-9, trans-11 (CLA) and C18:3 -6. Canola oil increased the concentration of C18:3 -3 and sunflower oil increased 6:3 ratio compared to castor oil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-09-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.