• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Maria Erika Picharillo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bittar, Carla Maris Machado (Presidente)
Berndt, Alexandre
Martins, Cyntia Ludovico
Polizel, Daniel Montanher
Título em português
Consumo, digestibilidade dos nutrientes, parâmetros ruminais e comportamento ingestivo, de novilhos Zebuínos alimentados com diferentes níveis de fibra em detergente neutro de feno de gramínea de baixa qualidade
Palavras-chave em português
Ácidos graxos de cadeia Curta
Amônia ruminal
Confinamento
Fibra
Resumo em português
A utilização de volumoso em dietas de bovinos em terminação é importante para estimular a ingestão de energia, manter a saúde ruminal e diminuir distúrbios digestivos. A literatura é carente de informação, especialmente nas condições tropicais e em especial com animais zebuínos em relação à níveis e fontes de volumosos e seus efeitos no comportamento ingestivo, saúde e metabolismo ruminal de bovinos em terminação. Os objetivos desse experimento foram avaliar teores de FDN de feno (FDNf) de baixa qualidade, em dietas contendo alto teor de concentrado, quanto ao consumo, digestibilidade dos nutrientes, comportamento ingestivo e parâmetros ruminais de bovinos confinados. Foram utilizados cinco bovinos machos, castrados, da raça Nelore (PC inicial 337,0±10,0kg) distribuídos em um delineamento em quadrado latino 5x5. Cada período experimental foi composto por 20 dias, sendo os 15 primeiros dias destinados à adaptação dos animais e os cinco dias restantes, às colheitas. As dietas experimentais foram formuladas para serem isoproteicas e conterem 4,5; 8,0; 11,5 e 15,0% de FDNf (% na MS) de baixa qualidade e 64,7, 60,7, 56,6, 52,5% de milho moído e 14,5, 14,3, 14,0, 13,8% de casca de soja. O quinto tratamento foi constituído por 18,5% de FDNf e 20,9% de casca de soja. Todos os tratamentos foram inclusos na análise de regressão e polinômios ortogonais (linear e quadrático) foram utilizados para avaliar o efeito de concentrações de FDNf para os quatro primeiros tratamentos. Foi realizado um contraste entre o quarto e o quinto tratamento. O aumento do teor de FDNf nas dietas ocasionou efeito quadrático (p < 0,1) para IMS, NDT e MO. Os consumos de CNF, CHOT, PB e EE não foram afetados pelos tratamentos (p > 0,1). As concentrações de NDT (p < 0,01), as digestibilidades aparentes totais da MS (p < 0,01), MO (p < 0,01), FDN (p= 0,05), CHOT (p < 0,01) e da PB (p = 0,06) foram reduzidas linearmente com o aumento do teor de FDNf na dieta. As digestibilidades aparentes totais de CNF (P = 0,70) e EE (P = 0,86) não foram afetadas pelos tratamentos. As concentrações de EM, ELm e de ELg foram reduzidas (p<0,01) de forma linear com a inclusão de FDNf nas dietas. A inclusão de FDNf nas dietas aumentou de forma quadrática (p<0,05) o tempo de ingestão, ruminação e mastigação dos animais. Por kg de MS, houve aumento linear no tempo ingestão (p<0,05), ruminação (p<0,01) e mastigação (p<0,01). Por kg de FDNf houve aumento linear no tempo de ruminação (p<0,1) e de mastigação (P,0,05). Aumentar o teor de FDNf nas dietas proporcionou aumento linear (p<0,05) no pH e no teor de N-NH3 ruminal do animais. Também houve aumento linear na proporção molar de acetato (p< 0,01), isobutirato (p = 0,10) e na relação C2:C3 (p< 0,05). A inclusão de 18,5% de FDNf e 20,9% de CS (% na MS) na dieta ocasionou aumento (p < 0,05) nos consumos de MS, NDT, MO e FDN, ELm (p<0,1) e ELg (p<0,1). Aumentar a inclusão de FDNf para 18% e CS para 20,9% na dieta aumentou a digestibilidade aparente total da FDN (p<0,1). A inclusão de 18,5% de FDNf e 20,9% de CS na dieta ocasionou aumento no tempo, expresso em min dia-1, de ingestão (p< 0,05) e mastigação (p< 0,05). Aumentar o teor de FDNf e CS na dieta ocasionou aumento na proporção molar de acetato (p<0,1) e aumento na relação C2:C3 (p< 0,05). A manipulação do teor de FDNf da dieta permite alterar a ingestão de energia, o comportamento ingestivo, a eficiência fermentativa no rúmen de animais confinados.
Título em inglês
Intake, digestibility of nutrients, ruminal parameters and ingestive behavior of Zebu steers fed different levels of neutral detergent fiber from low quality hay
Palavras-chave em inglês
Feedlot
Fiber
Ruminal ammonia
Short chain fatty acids
Resumo em inglês
Roughage is included in beef cattle finishing diets to increase feed and energy intakes, while maintaining rumen health and reducing digestive disorders. The available literature is scarce regarding to the effects of levels of roughage in finishing diets for Zebu cattle on ingestive behavior and rumen parameters. The objectives of this experiment were to evaluate the effects of levels of NDF from hay of low quality in finishing diets containing high levels of concentrate on consumption, digestibility of nutrients, ingestive behavior and rumen parameters of zebu cattle. Five Nellore steers (337,0±10,0kg IBW) were used in a 5x5 Latin-square design. Each experimental period lasted 20 days, the first 15 days were used for adaptation and the last 5 days for collection. The experimental diets were formulated to be isoprotein with 4,5; 8,0; 11,5 or 15,0% of NDF (% in DM) from low quality hay (rNDF) and 64.7, 60.7, 56.6, 52.5% ground corn and 14.5, 14.3, 14.0, 13.8% soybean hulls. The fifth treatment consisted of 18.5% of hay NDF and 20.9% of soybean hulls. All treatments were submitted to the regression analysis and orthogonal polynomials (linear and quadratic) were used to evaluate the effect of roughage NDF concentrations for the first four treatments. A contrast was used to compare the fourth and the fifth treatments. The increase of rNDF level in the diet caused a quadratic response (P < 0,1) on intakes of DM, OM and TDN (p<0.01), while the intakes of NFC, TCHO, CP and EE were not affected by treatments (p>0.1). The diets TDN (p<0.01) and the total tract apparent digestibilities of DM, (p<0.01), OM (p< 0.01), NDF (P=0.05), TCHO (p< 0.01) and CP (P = 0.06) decreased linearly as low quality hay NDF was included in the diets. The total tract apparent digestibilities of NFC (P = 0,70) and EE (P = 0,86) were not affected by treatments. The diet concentrations of ME, NEm and NEg, decreased linearly (p<0,01) as roughage NDF level increased in the diets. Inclusion of roughage NDF in the diets caused a quadratic increase (p<0.05) in ingestion time, rumination time and mastication time (minutes per day). When ingestive behavior was expressed per kg of DM there was a linear increase in ingestion time (p<0,05), rumination time (p<0,01) and mastication time (p<0,01). When ingestive behavior was expressed per kg of roughage NDF there was a linear increase in rumination time (p<0.1) and mastication time (p<0.05). Inclusion of roughage NDF in the diets caused a linear increase (p<0.05) in rumen pH (p<0.05), in rumen N-NH3 (p<0.05), in the molar proportions of acetate (p< 0,01) and isobutirate (p< 0,1), and in the rumen C2:C3 ratio (p< 0,05). The diet containing 18.5% of roughage NDF and 20.9% of soybean hulls (% of DM) increased the consumptions of DM (p<0.05), TDN (p<0,05), OM (p<0.05), NDF (p<0.05), NEm (p<0,1) and NEg (p<0,1) compared with the containing 15% of roughage NDF and 13.8% soybean hulls. Increasing roughage NDF to 18.5% and soybean hulls to 20.9% in the diet increased the total apparent digestibility of NDF (p<0,1), and ingestion (p<0.05) and chewing (p<0.05) times expressed in min.day-1. Increasing roughage NDF and soybean hulls in the diet increased the molar proportion of acetate (p< 0.1) and the C2:C3 ratio (P < 0,05). The manipulation of the roughage NDF content of finishing diets allows to manipulate energy intake, ingestive behavior and efficiency of rumen fermentation of Zebu cattle.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.