• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Irineu Arcaro Junior
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1988
Orientador
Título em português
Estudo do valor nutritivo da fibra de grão de milho úmida através de ensaio de digestibilidade com ovinos
Palavras-chave em português
DIETA ANIMAL
DIGESTIBILIDADE
FIBRA DE GRÃO DE MILHO ÚMIDA
OVINOS
VALOR NUTRITIVO
Resumo em português
O objetivo do presente trabalho foi avaliar o valor nutritivo da fibra de grão de milho úmida (FGMU) através de um experimento de digestibilidade com ovinos. Para tanto, a FGMU foi associada em níveis crescentes (0,34 e 66%, base seca) a uma dieta basal de silagem de milho mais farelo de soja. O trabalho foi conduzido na Estação Experimental Central do Instituto de Zootecnia, em Nova Odessa, SP. O experimento constituiu-se de um delineamento em blocos ao acaso, repetido por duas vezes no tempo (Ensaios I e II). Foram utilizados doze carneiros machos castrados, distribuídos nos blocos de acordo com o peso vivo. A análise conjunta dos dois ensaios revelou não haver interação ensaio x tratamento para as variáveis digestabilidade da proteína bruta e da fibra bruta, sendo observado um efeito linear crescente em função da percentagem de FGMU na dieta. Entretanto, as variáveis digestibilidade da matéria seca, da matéria orgânica, do extrato etéreo, do extrativo não nitrogenado, da energia bruta e o teor de nutrientes digestíveis totais (NDT) apresentaram interação ensaio x tratamento. A digestibilidade da matéria seca teve, em ambos os ensaios, variações lineares crescentes com o aumento da FGMU na dieta, porém as equações para cada ensaio foram diferentes. As digestibilidades da matéria orgânica, do extrato etéreo, extrativo não nitrogenado, energia bruta e o teor de NDT apresentaram variações quadráticas, mas diferentes entre ensaios. O valor de NDT estimado da FGMU no ensaio foi menor que no ensaio II (68,0 vs. 87,6% NDT). Parte desta diferença poderia ser explicada pelas diferenças na composição bromatológica das FGMU usadas nos ensaios I e II, principalmente em relação do teor de extrativo não nitrogenado
Título em inglês
Study of the value of wet corn bran through digestibility trial with sheep
Resumo em inglês
This work was carried out to evaluate the nutritive value of wet corn bran as ruminant feed through digestibility trial with sheep. The treatments were composed of levels of corn bran (0,34 and 66%, dry basis). The basal diet was balanced with corn silage and soybean meal, to give 12% CP, dry basis. The experiment was carried out at the Estação Experimental Central of the Instituto de Zootecnia at Nova Odessa, SP. The statistical design was randomized block design with four replications, repetead twice in time (Trials I and II). Twelve castred male sheeps were used in each trial. The joint analysis showed no trial x treatment interaction for crude protein and crude fiber digestibility,both showing a positive linear effect with increasing levels of wet corn bran in the diet. The digestibilities of dry matter, organic matter, ether extract, nitrogen free extract, gross energy and TDN showed trial x treatment interactions. Dry matter digestibility showed, in both trials, a positive linear effect with increasing wet corn bran level, but the equations for each trial were different. Organic matter, ether extract, nitrogen free extract energy and TDN showed quadratic effects with the increasing levels of wet corn bran, also with different equations for each trial. As a consequence of differences between trails the estimated TDN value of the wet corn bran was lower in trial I than in trial II (68,0 vs. 87,6%). Part of this difference could be explained by the differences in the proximal analysis of the wet corn bran used in the two trials, particularly in relation to the nitrogen free extract fraction
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-11-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.