• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Maria Luisa de Medeiros Bulle
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2000
Orientador
Título em português
Desempenho, composição corporal e exigências líquidas de energia e proteína de tourinhos de dois tipos genéticos alimentados com dietas de alto teor de concentrado
Palavras-chave em português
ALIMENTOS CONCENTRADOS
COMPOSIÇÃO CORPORAL
DESEMPENHO
DIETA ANIMAL
EXIGÊNCIAS ENERGÉTICAS
PROTEÍNAS
TOUROS
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho, a composição corporal e as exigências liquidas de energia e proteína de tourinhos de dois tipos genéticos, resultando do cruzamento de vacas Caracu x Nelore com pais Guelbvieh (raça Continental) ou com pais Shorthorn (raça Britânica). Também se avaliou o bagaço de cana in natura (BIN), como única fonte de fibra íntegra, em dietas de alta proporção de concentrado. Foram confinados durante 139 dias 36 tourinhos, 2 por baia, com dieta de alto teor de concentrado e níveis crescentes de bagaço in natura de 9%, 15% e 21% da matéria seca. Outros seis animais similares foram abatidos após o período de adaptação para estimativa da composição corporal inicial. Não houve diferenças entre animais Britânicos e Continentais para ganho de peso vivo. Entre os três níveis de fibra, os animais que receberam 15% BIN apresentaram maior ganho de peso que os receberam 9% BIN. O consumo foi o mesmo entre os dois grupos genéticos, mas animais que receberam dieta com 15% BIN apresentaram consumo superior ao 9% BIN. Não houve diferenças na eficiência de conversão alimentar entre os dois tipos genéticos e os três níveis de BIN, sugerindo que dietas de alto concentrado e níveis de bagaço in natura de apenas 9% podem ser utilizadas. O peso da gordura renal e pélvica dos dois tipos genéticos não mostraram diferenças embora os animais Britânicos tenderam a apresentar maior quantidade de gordura. Entre os 3 níveis de fibra, animais que receberam 9% e 15% de BIN apresentaram maior acúmulo de gordura renal e pélvica de acordo com o fato de que estes animais receberam maior teor de energia na dieta. Os resultados de composição química do corte da 9-11ª costelas não demonstraram interação entre tipos genéticos e níveis de fibra, consistente com o fato de que todas as dietas são caracterizadas por alto nível de concentrado e provavelmente função dos animais terem a mesma composição ) genética materna. Os animais de raça paterna Britânica apresentaram tendência a depositar mais gordura (8% a mais) que animais continentais. O teor médio de lipídeo no ganho foi próximo a 28% e o teor de lipídeo ao abate foi de 18% aos 400 Kg de peso vazio, sendo este último inferior a dados da literatura para touros Britânicos. As composições do corpo vazio e do ganho de corpo vazio de tourinhos ¾ Europeus filhos de vacas Caracu x Nelore foram similares as observadas para animais europeus de tamanho corporal grande ou de grau de estrutura corporal próximo a 8 na escala 1-9. Os diferentes níveis de BIN não alteraram a composição do ganho provavelmente porque todas as dietas apresentaram alto concentrado e da consequente pequena diferença no ganho de peso entre os tratamentos. Entretanto, animais recebendo dietas com 15% de BIN tenderam a uma maior taxa de ganho de peso vazio e a composição do ganho tendeu a conter maior porcentagem de extrato etéreo. A ausência de diferenças para efeito de tipos raciais para as características de desempenho, carcaça e composição é provavelmente, função de alguns fatores: a) pela diferença genética se limitar ao efeito paterno; b) baixo peso de abate; c) os animais inteiros; d) pelas características da raça Guelbvieh, que apresenta porte menor que a maioria das raças Continentais. Os resultados deste trabalho podem ser utilizados para parametrizar modelos de estimativa do desempenho e da exigência de animais F2 resultantes do cruzamento com raças adaptadas às condições tropicais. Os resultados também demonstram que o BIN pode ser usado como único volumoso em dietas de alta proporção de concentrados
Título em inglês
Performance, body composition and net energy and protein requeriments of bulls of two genetic groups fed high concentrate diets
Resumo em inglês
The objective of this work was to evaluate the performance, body composition and net energy and protein requeriments of crossbreed bulls of two genetic groups. Caracu x Nelore cows were bred to Continental (Gelbvieh) or British (Shorthorn) sires and the calves taken to the feedlot after weaning. Sugar cane bagasse (BIN) was evaluated as the only source of fiber in high concentrate diets. The bulls were fed during 139 days, 2 per pen with a diet containing 9%, 15% e 21 % of BIN in dry matter. Other 6 similar animaIs were slaughtered to obtain the initial body composition. There was no difference in shrink body weight gain between the two genetic groups. The 15% BIN treatment had a higher rate of gain than 9% BIN. The dry matter intake was the same between the two genetic groups, but the 15% BIN animals had a higher dry matter intake than 9% BIN. There was no difference in the efficiency of feed conversion between the two genetic groups and among the three levels of BIN, suggesting that high concentrate diets with low leveIs (9%) of BIN can be used. There was no difference between the two genetic groups in weight of kidney and pelvic fat (KPF) although British animals tended to have higher values. Among the three leveIs of fiber, 9% and 15% BIN treatments had higher KPF consistent with the higher energy content in the diet. The composition of the 9-11 th rib did not demonstrate interactions among genetic breed and level of BIN, consistent with the fact that all diets are characterised by a high proportion of concentrate and probably due to the fact that animaIs had the same maternal genetic composition. British animals tended to deposit more lipid (8%) than Continental animaIs. The average lipid concentration in the gain was 28% and empty body lipid concentration at slaughter was 18% at 400kg of empty body weight. These results indicate that they are leaner than results in the literature for British breeds. Composition of the empty body gain (net energy and protein requirements) of ¾ B. Taurus F2 crossbreed bulls from Caracu x Nelore cows were consistent with NRC equation for large frame bulls or frame score 8 in a 1-9 scale. The different content of roughage in the diet did not change composition of gain, probably because alI diets contained high proportion of concentrates and consequently little difference in empty body gain was observed among treatments. However, I 5% BIN animals tended to show higher rate of empty body gain and body composition tended to have higher lipid content. Performance, carcass and body composition of the two genetic groups did not differ probably because a) differences were restricted to the paternal effects; b) the low weight at slaughter; c) intact males; d) and the fact that Gelbvieh animaIs have a smaller mature size than most Continental breeds. The results of this work can be used to parametrize computer models to estimate performance and requirements of animals adapted to tropical conditions
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-11-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.