• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-133104
Documento
Autor
Nome completo
Fábio Prudêncio de Campos
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1996
Orientador
Título em português
Avaliação do sistema de monitoramento computadorizado de digestão ”in vitro” e produção de gás comparada com os métodos ”in vitro” e ”in situ”
Palavras-chave em português
DIGESTÃO IN VITRO
GADO NELORE
GASES
MONITORAMENTO COMPUTADORIZADO
NUTRIÇÃO ANIMAL
PRODUÇÃO
Resumo em português
O experimento teve por objetivo avaliar o sistema de monitoramento computadorizado de digestão ”in vitro” através da produção contínua de gás e compará-lo com os resultados obtidos nos métodos ”in vitro” e ”in situ” utilizando-se de mesmas amostras de alimentos. Foi utilizado líquido ruminal de bovinos fistulados no rúmen. Utilizaram-se diversas silagens de milho: alta MS inoculada, baixa MS inoculada, alta MS não inoculada e baixa MS não inoculada; feno de alfafa, silagem de milho com 41,9 % MS e 35 % de grãos. Realizaram-se comparações dos métodos de digestibilidade apenas para silagens inoculadas com produto comercial a base de lactobacilos e estreptococos, por apresentarem maior quantidade de dados e devido à disponibilidade de mesmas amostras dos alimentos utilizados em testes anteriores de digestibilidade ”in vitro” e ”in situ”, realizados no Departamento de Zootecnia. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado em esquema fatorial 2x2 para avaliar alimentos dentro de cada método, e 3x4 para avaliar diferentes métodos com mesmos alimentos. No sistema de digestibilidade computadorizada são obtidos dois tipos de digestibilidade ”in vitro” - pelo resíduo de MS e pela produção de gás. Os resultados obtidos nesse sistema foram comparados com os resultados obtidos nos métodos ”in vitro” e ”in situ” por meio de teste de comparação de médias e por correlações entre produção de gás (A + D) em relação ao potencial de degradação (A+B) obtidas ”in situ”. Não foram encontradas diferenças significativas (P>O,05) de digestibilidade "in vitro"/gás da MS das silagens de milho inoculadas e não inoculadas com alta e baixa MS, entre os três sistemas avaliados ( "in vitro" /gás, ”in vitro” e ”in situ”). Quando avaliadas isoladamente as digestibilidades das silagens de milho em função dos teores de matéria seca (alta e baixa MS), independente da inoculação com lactobacilos, estas diferiram significativamente (P<0,05) nos sistemas ”in vitro” /gás e ”in situ”. Quanto à inoculação das silagens, os resultados não se mostraram significativos. Quando se avaliaram os mesmos alimentos (silagens de milho: alta MS inoculada, baixa MS inoculada; alta MS não inoculada e baixa MS não inoculada) pelo gás produzido na fermentação (digestibilidade aparente), os resultados da taxa de degradação (A+D) foram: 21,5; 22,6; 22,1 e 20,9 ml de gás/l00 mg MS, respectivamente, não diferiram significativamente entre si (P>O,05). As correlações obtidas na produção de gás em relação ao potencial de degradação obtido ”in situ” se mostraram altas para silagem de milho com alta MS inoculada (R2= 0,99), com alta MS não inoculada (R2= 0,98), com baixa MS inoculada (R2= 0,94) e com baixa MS não inoculada (R2= 0,93). Concluiu-se que o sistema computadorizado de produção de gás ”in vitro” apresentou resultados semelhantes aos demais métodos utilizados na avaliação das silagens de milho. A digestibilidade pela produção de gás apresentou alta correlação com a digestão ”in situ”.
Título em inglês
Evaluation of computerized monitoring system of "in vitro" digestion and production of gas compared with the "in vitro" and "in situ" methods
Resumo em inglês
The aim of this research work is to evaluate the system of "in vitro" digestion through accumulative production of gas by computerized monitoring and compare it with the results obtained by the "in vitro" and "in situ" methods of digestion, using identical feed samples. Ruminal liquid of animals fistuled at the rumen was used. Several com silage: high/low dry matter inoculated/non inoculated, hay of alfafa, corn silage with 41,9 % DM and 35 % grain. Comparisons among methods were carried out only for inoculate silage for the base product of lactobacilus and streptococus due to the greater quantity of data and to the availability identical feed samples used in the previous experiments. The experimental delineation used was completely randomized in factorial scheme 2x2 to evaluate feed samples in each method, and 3x4, to evaluate the methods with identical feed samples. Two types of digestion "in vitro" - related to the residue of dry matter and by the production of gas are obtained throuht a system of digestibility. The results obtained were compared to the results from the "in vitro" and "in situ" methods by means of average comparison tests and by correlations between the production of gas (A+D) related to the potential of degradation (A+B) obtained "in situ". No significant difference (P>O,05) of digestibility "in vitro" gas of the high/low inoculate/ non inoculate dry matter of corn silage in the three systems evaluated. But when the digestibility of com silage was evaluated isolately basing on the contents of dry matter (high or low) independently of the inoculation with lactobacillus, it differed significantly (P<0,05) in the "in vitro" /gas and "in situ" systems. The results obtained by the inoculation of silages showed no significant differences among them. When equal feeds (com silage) were evaluated: high DM inoculate, low DM inoculate, high DM non inoculate and low DM non inoculate by gas production on fermentation (apparent digestibility), the results of rate of degradation (A+D) were: 21,5; 22,6; 22,1 and 20,9 ml of gas/100 mg DM, respectively. No significant difference was observed among them (P>0,05). The correlations obtained on the production of gas in relation to the potential of degradation obtained "in situ", showed themselves highly correlated to com silage: high DM inoculate (R2= 0,99), high DM non inoculate ( R2= 0,98), low DM inoculate (R2= 0,94) and low DM non inoculate (R2= 0,93). It can be concluded that the computerized system of accumulative production of gas in the "in vitro" digestion showed identical results to the other methods used in the evaluation of silage com. The digestibility by the production of gas showed a high correlation with the "in situ" digestion.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.