• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-150936
Documento
Autor
Nome completo
Margarida Maria Barros Ferreira Lima
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1991
Orientador
Título em português
Efeitos do farelo de algodão, como sucedâneo protéico sobre o desempenho produtivo e alterações anatomopatológicas de alevinos de carpa (Cyprinus carpio, L.)
Palavras-chave em português
ALEVINOS
ANATOMIA PATOLÓGICA
ARRAÇOAMENTO
CARPA
DESEMPENHO
FARELO DE ALGODÃO
NUTRIÇÃO ANIMAL
SUCEDÂNEO PROTEICO
Resumo em português
O presente experimento foi conduzido no Setor de Pesquisa em Nutrição de Organismos Aquáticos unidade integrada ao Centro de Aquicultura da UNESP, da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, "Campus" de Botucatu, com o objetivo de determinar o nível adequado de utilização do farelo de algodão como sucedâneo protéico no arraçoamento de alevinos de carpa comum (Cyprinus carpio, L.), através do seu desempenho produtivo e análises anatomopatológicas. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com seis tratamentos e três repetições. Os tratamentos consistiram de: A - (controle), ausência de farelo ou semente de algodão, B - 6,0% de semente de algodão descorticada e moída e os tratamentos C, D, E e F, receberam respectivamente, 6,0%, 12,0%, 18,0% e 24,0% de farelo de algodão, em substituição à fração protéica da dieta. As rações experimentais foram formuladas de forma a apresentarem-se isoprotéicas (25,0% de proteína bruta) e isoenergéticas (2800 Kcal ED/Kg de ração). Foram utilizados 54 alevinos, com peso médio inicial de 5,31g e comprimento médio padrão de 55,92 milímetros, distribuídos em 18 aquários, com capacidade de 45 litros e renovação contínua de água (0,32 litros/segundo). Observou-se que o nível de 24,0% de substituição resultou em maior ganho em peso, melhor conversão alimentar, bem como, maior teor protéico e menor teor lipídico, não sendo observados sinais de problemas anti-nutricionais e que o emprego da semente de algodão, resultou em lesões macro e microscópicas hepáticas subletais.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
The experiment was conducted in the Research Laboratory on Nutrition of Aquatic Organisms - A Unit Aquaculture Center of UNESP, at Faculdade de integrated Medicina Veterinária e Zootecnia, "Campus" of Botucatu. The aim of the experiment was to determine the adequade level of consumption of cottonseed meal as succedaneous protein for feeding fingerlings of carp (Cyprinus carpio, L.). The proper level of cottonseed meal consumption was determined by means of productive performance and anatomopathological analysis of fingerlings. The experimental design was completely randomized with six treatments and three replicates. The treatments were: A - (control), absence of cottonseed meal or seeds, B - 6.0% of flour seed and C, D, E e F, with respectively 6.0%, 12.0%, 18.0% e 24.0% of cottonseed meal, in substitution to the proteic fraction of the diet. The diets were formulated isoproteic (25.0% PB) and isoenergetic (2800 Kcal ED/Kg of diets). A uniform group of 54 fingerlings was studied. Theirinitial body-weight average was 5.31g and initial lenght average was 55.92mm. They were maintained in 18 aquariums of 45 liters each with continuous renovation of water (0.32 liter/second). The replacement of 24.0% of the proteic fraction with cottonseed meal resulted in higher in body weight gain, better feeding conversion, higher level of body protein and lower level of body fat. No anti-nutritional signal was observed. The utilization of flour seed resulted in hepatic macro and microscopic sublethal lesions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.