• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-153405
Documento
Autor
Nome completo
Maria Alejandra Iurevich
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1991
Orientador
Título em português
Efeito do processo de conservação sobre os componentes da parede celular e a digestibilidade in vitro de bagaço de cana hidrolisado
Palavras-chave em português
BAGAÇO DE CANA HIDROLISADO
CONSERVAÇÃO
DIGESTIBILIDADE IN VITRO
NUTRIÇÃO ANIMAL
PAREDE CELULAR
RUMINANTES
Resumo em português
Este estudo teve por objetivo verificar as mudanças ocorridas sobre os componentes da parede celular e a digestibiIidade in vitro no bagaço hidrolisado ao longo de 128 dias de conservação sob três diferentes métodos: silo de PVC, monte compactado e monte sem compactar. Observaram-se mudanças significativas (P ≤ 0.01) ao longo do período de conservação em todas as variáveis, celulose (4,5%), lignina (9,2%), FDN (4,8%), FDA (5.3%); porém sendo elas quantitativamente mínimas e iniciando-se a partir do 3º período. A digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) teve uma variação de somente 2.3% ao longo do período. Concluiu-se que o bagaço de cana hidrolisado após 128 dias de conservação, sofreu pequenas mudanças, podendo ser usado sem inconvenientes na composição de rações para ruminantes.
Título em inglês
Effect of conservation process on cellular wall components and in vitro digestibility of hydrolyzed sugar cane bagasse
Resumo em inglês
The objective of this research was to find out the changes that occur in the cellular wall components on in vitro digestibility of hydrolyzed bagasse during the conservation for 128 days using three differents methods: PVC silo, compacted pile and non compacted pile. Significant changes were observed (P ≤ 0.01) during the conservation period in all variables; cellulose (4,5%), lignin (9,2%), FDN (4,8%), FDA (5,3%); however their were quantitatively minimal, beginning on 3º period. The dry matter in vitro digestibility (DIVMS) showed a variation of 2,3% during this period. It, was concluded that hydrolyzed sugar cane bagasse after 128 days of conservation, nearly did not change, and it might be used without any inconvenience in ration composition for ruminants.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.