• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Antonio Fabiano de Camargo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1997
Orientador
Título em português
Matéria seca, concentração e conteúdo de macronutrientes em mudas de clones de eucalipto, em função da idade
Palavras-chave em português
CLONES
EUCALIPTO
IDADE
MACRONUTRIENTES
MATÉRIA SECA
MUDAS
Resumo em português
Mudas de quatro clones de Eucalyptus (três E. Grandis e um híbrido de E. Grandis x E. Urophylla), cultivadas no viveiro da Cia Suzano de papel e celulose, SP, foram coletadas nas idades de 0 (estaca), 15, 30, 45, 60, 75 e 90 dias, seus componentes (folhas, caule e raízes). Foram separados, pesados e analisados quimicamente com o objetivo de quantificar a produção da matéria seca, conteúdo e as concentrações totais de N, P, K, Ca, Mg e S nas mudas. A produção de matéria seca aumentou com a idade das mudas. A distribuição das quantidades na planta obedeceu a seguinte ordem: caule > folhas > raízes, nos quatro clones estudados. A concentração dos macronutrientes nos tecidos dos vários componentes das mudas tenderam a decrescer com a idade. As maiores concentrações dos nutrientes foram observados nas folhas, exceto para o magnésio, que apresentou teores elevados nas raízes. O nitrogênio foi o nutriente com as maiores concentrações em todas as partes da planta. A ordem relativa das concentrações de nutrientes nas folhas foi: N > K > Ca > Mg > P > S, para os clones de E. grandis e: N > K > Ca = Mg > P >S, para o clone hídrido de E. Grandis x E. Urophylla para o caule a ordem foi: K > N > Ca > Mg > P > S, para todos os clones estudados. As raízes apresentaram a seguinte ordem: Mg > K > N > Ca > P = S, para dois dos clones de E. Grandis, Mg > N > Ca > S > P e Mg > K > N > Ca > S > P para um dos clones de E. Grandis e E. Grandis x E. Urophylla respectivamente. Considerando o maior acúmulo, aos 90 dias de idade, o N foi o nutriente mais extraído, seguido em ordem decrescente pelo K, Mg, Ca, P e S, com exceção de um dos clones de E. Grandis, cuja sequência foi a seguinte: N, K, Ca, Mg, P e S
Título em inglês
Dry matter, macronutrients concentration and content in eucalyptus clone seedlings, according to the age
Resumo em inglês
Seedling of four Eucalyptus clone (Three E. grandis and one hybrid E. grandis x E. urophylla), were cultivated on nursery. The material was collected in the ages of O (stake), 15, 30, 45, 60, 75 and 90 days, leaves, stem and roots were weighted and chemically analyzed in order to obtain the yield, dry matter and total concentration of N, P, K, Ca, Mg and S. The dry matter yield increased according the age of the seedlings. The distribution of the amounts along the plant obeyed the following pattern: stem > leaves > roots. The macronutrients concentration in the tissues of the severaI components on the seedlings trended to decreased with the age. The highest concentrations of the nutrients were observed in the leaves, except for Mg which showed high contents in the roots. Nitrogen was the nutrient with the highest concentrations in all parts of the plant. The relative order of nutrient concentrations in the leaves was: N > K > Ca> Mg > P > 5, for the E. grandis clone and: N > K> Ca = Mg > P > 5, for E. grandis x E. urophylla hibrid clone. For the stem the order was: K > N > Ca > Mg > P > S, for all the clone. In the roots the order was: Mg > K > N > Ca > P = S, for two clones of E. grandis, Mg > N > K > Ca > S > P and Mg > K > N > Ca > S > P for one of the E. grandis clone and E. grandis x E. urophylla, respectively. Considering the higher accumulation, at the 90 days, the N was the most extracted nutrient, followed by the K, Mg, Ca, P and S. The sequence for E. grandis clones was the following: N, K, Ca, Mg, P and S
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-11-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.